Lucros da Ferrari superaram as expectativas

Os lucros da Ferrari aumentaram 10% no terceiro trimestre, permitindo uma revisão em alta das projeções para o resto do ano.

Lucros da Ferrari superaram as expectativas
Crise? Qual crise?

Os lucros da Ferrari superaram as expectativas dos analistas e aumentaram 10% no terceiro trimestre. Resultados que levaram a icónica fabricante de automóveis de luxo a rever em alta projeções para o resto do ano.

A marca italiana colocou prego a fundo nas vendas e melhorou as suas previsões para o EBITDA, (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) até 850 milhões de euros face a uma expectativa inicial de 800 milhões de euros.

A fabricante de carros de luxo afirmou que o seu resultado líquido cresceu cerca de 8%, para 783 milhões de euros. Valor acima dos esperados 763 milhões de euros.

Os lucros da Ferrari acabaram por ser impulsionados pelas fortes vendas dos modelos de 12 cilindros, especialmente o GTC4Lusso, e o recém-lançado LaFerrari Aperta, cuja produção é limitada a 200 unidades e que acabou por esgotar mesmo antes do lançamento. “Para nós, uma edição limitada é uma forma de recompensar os clientes”, afirmou Enrico Galliera, diretor de vendas e marketing da companhia.

A Ferrari, que tem procurado apresentar uma estratégia para melhorar a sua rentabilidade, estreou-se na bolsa em novembro passado com um preço de aproximadamente 47 euros por ação. Atualmente, as ações rondam os 56 euros, tendo chegado a valer 29 euros em fevereiro.


Veja também: