Mandar abater o carro pode voltar a dar dinheiro

Quatro anos depois de ter sido retirado o incentivo ao abate dos carros, a medida pode voltar a ser implementada. Quem o diz é a Comissão para a Reforma Fiscal Verde, que defende esta medida em prol do ambiente.

Mandar abater o carro pode voltar a dar dinheiro
A medida de incentivo ao abate pode voltar a ser implementada
  • A média de utilização de um carro é de 12 anos.

Até 2010 era possível mandar abater o carro e receber um incentivo pelo mesmo. Este projecto teve, nos anos em que vigorou, uma adesão extremamente significativa por parte dos portugueses, que viram assim uma hipótese de abater o seu carro antigo, conseguindo com isso recuperar algum dinheiro.

É hoje notícia que este incentivo fiscal ao abate de veículos em fim de vida poderá ser reintroduzido, uma vez que é uma das 40 propostas que constam no anteprojecto de reforma da fiscalidade verde.

Os carros inseridos na categoria de ligeiros, têm um tempo médio de vida de circulação de cerca de 12 anos. No entanto, e devido à crise, as pessoas tendem a ter os seus carros mais tempo, um efeito que pode ser muito negativo quando analisado o efeito poluente que o nível de emissões possa causar.

A comissão para a Reforma Fiscal Verde defende que este incentivo deve voltar a ser implementado, ajudando as pessoas a trocarem de carro e, com isto, defendendo o ambiente.

Está previsto que este incentivo possa funcionar sob a forma de descontos no ISV e o montante da ajuda pode variar entre os 1000 e os 3500 euros, mediante o tipo de carro apresentado ao abate.


Veja também: