PLANO DE SAÚDE MEDICARE - 6 mensalidades sem compromisso

Medidor de hálito para diabéticos pode substituir picada no dedo

Há uma novidade na ciência que pode ser muito útil para os diabéticos que diariamente necessitam de picar o dedo.

Medidor de hálito para diabéticos pode substituir picada no dedo
Teste de respiração deteta baixas de açúcar em diabéticos

A picada diária no dedo para diabéticos aferirem o seu nível de glicose no sangue é incómoda e bastante dolorosa, mas esta picada pode vir a ser substituída por um teste de respiração que consegue medir o isopreno, uma substância cujos níveis aumentam quando o açúcar no sangue está demasiado baixo.

Cães treinados conseguem perceber quando os níveis de açúcar no sangue dos seus donos estão muito baixos, isto porque conseguem detetar através do faro o isopreno. 

A descoberta foi feita por cientistas da Universidade de Cambridge que conseguiram isolar esta substância, "um dos mais comuns químicos naturais que encontramos na respiração humana". 

Esta novidade permitirá criar um teste de respiração que poderá substituir a picada no dedo.

A diabetes é uma doença que anualmente atinge 1 adulto em cada 11 pessoas por todo o mundo, logo, tendo em conta a incidência da doença, esta descoberta significa a possibilidade de detetar uma hipoglicemia, ou seja, a diminuição do nível de glicose no sangue, com um teste simples e indolor à respiração que poderá substituir a picada no dedo.

Este estudo foi publicado na revista Diabetes Care.

Veja também: