Na hora de comprar o português vai a Espanha

A diferença nos impostos leva mais portugueses a Espanha na procura de soluções mais económicas. Esta procura além fronteira tem até provocado a falência de empresas e comércio tradicional locais.

Na hora de comprar o português vai a Espanha

 

Recorde-se que o IVA em Portugal é superior ao de Espanha em 5 pontos percentuais, são 23% vs. 18%, o que representa uma grande diferença para o bolso dos portugueses que procuram soluções mais económicas.

 

Principalmente para quem vive perto da fronteira, já antes do aumento do IVA , procurava produtos no país vizinho pela substancial diferença de preço.

 

Agora é evidente essa procura e os hábitos de consumo alteraram-se tal forma que está até a prejudicar a sobrevivência de empresas e o comércio tradicional localizados junto à fronteira.

 

Já alguns postos de abastecimento de combustível próximos da fronteira encerraram pela falta de clientes e agora outros também correm o risco fechar pois têm pouco ou nenhum movimento.

 

Algumas câmaras municipais assistem a este fenómeno e afirmam que se tratam de verdadeiras "excursões" de residentes locais à vizinha Espanha.

 

As pessoas aproveitam bem a viagem já que vão atestar os veículos para poupar no combustível e aproveitam para fazer as compras básicas de alimentação, assim como outros produtos, que são mais baratos que no nosso país e assim  poupam na alimentação.

 

Desta forma é muito complicado a economia portuguesa crescer porque a população não tem capacidade financeira para comprar em Portugal, e por isso, milhões de euros entram no mercado espanhol, quando o mercado português está bastante debilitado.