Há um novo Skype para Windows e macOS

Dois meses após o lançamento de uma versão Preview para Android e iOS, o novo Skype chega agora ao Windows e ao macOS.

Há um novo Skype para Windows e macOS
Uma mudança há muito esperada

Há seis anos, em 2011, a Microsoft comprou uma das melhores plataformas de comunicação do mercado. O nome? Skype. Desde então, esta plataforma tem vindo a perder terreno para concorrentes como o Facebook Messenger ou o WhatsApp… Cenário que a empresa pretende inverter ao lançar o novo Skype Preview para as plataformas móveis e ainda para o Windows e o macOS.

Já conhece o novo Skype?

O novo Skype Preview vai ao encontro dos utilizadores oferecendo uma experiência intuitiva, rápida, eficaz e minimalista. Contudo, e apesar de ser multiplataforma e de ter sido concebido também para plataformas móveis, o novo Skype foi especialmente desenhado para o Windows e para o MacOS. Porquê? Nós explicamos.

A nova versão do programa pretende aproveitar todos os benefícios que um ecrã de médias e grandes dimensões oferece. Em primeiro lugar porque coloca as conversas em pleno destaque – ao centro, com grandes dimensões – fazendo com que este seja o Skype mais “expressivo” de sempre. E depois porque possui inúmeros recursos que pretendem promover e facilitar as videochamadas em grupo como, por exemplo, a forma como se partilham ficheiros.

Seguindo o exemplo da concorrência, o novo Skype traz algo como as @mentions: numa conversa de grupo, ao colocar um @ e ao escrever o nome de uma pessoa, essa pessoa é notificada. Para além disso, há ainda reações rápidas a frases em particular e ainda um novo painel de notificações.

Há ainda uma galeria específica para todas as conversas que o utilizador mantém – surge do lado direito do ecrã. E é lá que podem ser encontrados todos os ficheiros que já foram partilhados entre os utilizadores.

Para instalar

  • O novo Skype Preview pode ser obtido através da página oficial;
  • Depois de instalar, o utilizador pode escolher que tema é que pretende aplicar;
  • Logo depois, o utilizador é convidado a adicionar uma fotografia. Caso já possua conta, não é necessário completar este passo;
  • É, por fim, pedido que se façam testes às colunas, ao microfone e ainda à câmara do utilizador para que nada falhe quando este necessitar de fazer uma chamada com ou sem vídeo;

Veja também: