PLANO DE SAÚDE MEDICARE - 6 mensalidades sem compromisso

Passear o cão evita idas ao médico

Ir passear o cão pode mesmo ser a forma de deixar de ser tão assíduo no consultório médico: promova os momentos passados com o seu animal de quatro patas.

Passear o cão evita idas ao médico
Reduz o stress e queima calorias

Passear o cão pode trazer grandes benefícios para a saúde das pessoas com mais de 60 anos - esta é a conclusão de um estudo realizado pela Universidade de Michigan nos Estados Unidos.


PASSEAR O CÃO: BENEFÍCIOS PARA CORPO E MENTE 

O impacto positivo desta atividade deve-se ao facto de passar o cão ser uma forma de exercício físico, o que ajuda a queimar calorias e a perder gordura. Mas, mais importante que isso, também melhora a vida social e reduz o stress.

Levar o cão à rua é também uma das formas de estreitar os laços emocionais com o seu animal de estimação, como avança a revista Health.

O referido estudo contou com a participação de 771 indivíduos (homens e mulheres) com mais de 50 anos e aparece publicado na The Gerontologist. As conclusões mostram que os participantes com mais de 60 anos que tinham cão apresentavam um IMC (índice de massa corporal) menor e menos limitações físicas. Logo, visitavam menos vezes o médico.

Passear o cão é apenas uma das muitas atividades que pode incluir no seu dia a dia de forma a viver um estilo de vida mais saudável. Fazer caminhadas, mediatação ou, porque não, apostar nos livros de colorir para adultos pode ajudá-o a viver melhor, com mais saúde e mais tranquilo. 
Veja também: