Portugueses preparam-se para processar a Volkswagen

Há mais de cinco mil portugueses, representados pela DECO, que pretendem processar a Volkswagen.

Portugueses preparam-se para processar a Volkswagen
Mais de cinco mil...

A DECO referiu em comunicado que pretende ajudar mais de cinco mil portugueses a processar a Volkswagen. Segundo a entidade responsável pela defesa do consumidor, foi ultrapassado o "tempo razoável de espera para os consumidores portugueses” – a manipulação fraudulenta das emissões dos carros foi tornada pública há cerca de um ano. Para além da Vokswagen, a DECO pretende levar também a tribunal a importadora portuguesa SIVA, SEAT e a Volkswagen espanhola.

Em Portugal foram registados mais de 123 mil casos de carros com o software fraudulento mas o número de reparações para a correção deste problema não atinge os 10%, segundo dados fornecidos pela própria SIVA. Para além disso, a DECO já realizou alguns testes e acabou por comprovar a ineficácia da intervenção em curso, ou seja, as emissões acima do permitido não foram solucionadas. Razões que motivaram a entidade a pronunciar-se sobre o assunto e a mostrar vontade de processar a Volkswagen, sublinhando ainda que assim que possível vão ser divulgadas mais informações sobre o processo.

A DECO reiterou ainda que acompanhou todos os “contactos realizados pela Federação Europeia das Associações de Consumidores (BEUC) que tentou sensibilizar a Volkswagen para a necessidade de promover a igualdade de tratamento entre todos os consumidores europeus e norte-americanos”.

Recorde-se que a Volkswagen vai pagar aproximadamente 14 mil milhões de dólares em compensações nos Estados Unidos da América. Deste valor, 10 mil milhões estão reservados apenas para indemnizações dos clientes afetados. Já na Europa, a fabricante alemã nega qualquer pagamento.

Faz a Deco bem em processar a Volkswagen?


Veja também: