AUMENTe AS sUAS PROBABILIDADES DE ARRANJAR EMPREGO!

Robots vão “roubar” 6% dos empregos nos Estados Unidos até 2021

Segundo um relatório da empresa Forrester, 6% dos empregos nos Estados Unidos passarão para as “mãos” dos robots até 2021.

Robots vão “roubar” 6% dos empregos nos Estados Unidos até 2021
Requisito mínimo: ser um robot.

“Não é um robot? Então não preenche os requisitos mínimos para este emprego”. Parece ficção orwelliana mas a verdade é que se pode tornar na nossa realidade num futuro não muito distante. Segundo um estudo da empresa de estudos de mercado Forrester, 6% dos empregos existentes nos Estados Unidos passarão para as “mãos” dos robots até 2021.

As profissões mais afetadas serão as de apoio ao consumidor — como é o caso dos operadores de call center — e as dos motoristas profissionais, dos táxis aos transportes de mercadorias. Cenários fáceis de prever pelo aperfeiçoamento que tem vindo a ser concretizado no campo da Inteligência Artificial e no mundo dos carros autónomos.

Apesar do cenário apocalíptico, vários especialistas têm afirmado que este avanço – por parte dos robots – não representa o fim do mundo. Acrescentam até que há vários fatores positivos neste futuro cenário. Em janeiro, durante o Fórum Económico Mundial, concluiu-se que a evolução que tem vindo a ser notória em várias tecnologias como Inteligência Artificial e Machine Learning poderá significar o fim de mais de 7 milhões de postos de trabalho nos próximos anos. Contudo, a evolução destas tecnologias terá como consequência a criação de 2 milhões de postos de trabalho em campos relacionados à matemática, engenharia e ciências da computação.

“Temos uma nova geração de tecnologias e precisamos de aprender a trabalhar com elas se quisermos ser mais produtivos e efetivos”, afirmou Tom Davenport, coautor do livro Only Humans Need Apply: Winners and Losers in the Age of Smart Machines. “Acho que, na maioria das vezes, seremos mesmo colegas desses robots”, concluiu.


Veja também: