Estão abertas as candidaturas à segunda fase dos Estágios IEFP

Há 36,7 milhões de euros para Estágios Profissionais do IEFP. As candidaturas podem ser entregues no próximo mês e meio. Veja se cumpre os requisitos.

Estão abertas as candidaturas à segunda fase dos Estágios IEFP
Candidaturas estão a decorrer até 3 de janeiro de 2018

Os Estágios Profissionais do Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP) têm como objetivo apoiar a inserção de jovens no mercado de trabalho e a reconversão profissional de desempregados através de uma experiência prática em contexto de trabalho. Esta medida destina-se a desempregados inscritos no IEFP.

Nesta segunda fase de candidaturas, que começou a 15 de novembro e vai decorrer até 3 de janeiro de 2018, a dotação orçamental é de 36,7 milhões de euros, diz o IEFP. A primeira fase decorreu entre maio e julho, teve um orçamento semelhante e foram feitas 13.906 candidaturas para 17.086 estágios.

Podem candidatar-se a estes estágios pessoas singulares ou coletivas, do setor privado, com ou sem fins lucrativos.

Os estágios têm, na maioria dos casos, a duração de nove meses e dirigem-se a desempregados inscritos no IEFP. São para jovens entre os 18 e os 30 anos de idade mas também para desempregados de longa duração, ou seja, pessoas que estejam há mais de 12 meses no desemprego, e também podem candidatar-se trabalhadores com contrato de trabalho suspenso devido a não pagamento pontual da retribuição.

Quando os candidatos são pessoas com deficiência ou incapacidade, vítimas de violência doméstica, refugiados ou ex-reclusos a duração dos estágios sobe para os 12 meses.

O valor das bolsas de estágio mensais vai dos 421,32 euros para um estagiário com o ensino básico até aos 737,31 euros para quem tem doutoramento. A esse valor acresce o subsídio de refeição (ou a refeição) e o transporte ou subsídio de transporte.

A candidatura a esta e a outras medidas pode ser feita no Portal Netemprego. Para saber mais consulte o regulamento completo.

Veja também: