Última fase da entrega da declaração de IRS

Foi ontem dia 1 de Maio que começou o último prazo para a entrega do IRS pela Internet e para os trabalhadores independentes e com outros rendimentos. Até ao final do mês de Maio pode submeter a sua declaração pela Internet e se tiver direito a reembolso, está garantido que o receberá num prazo de 20 dias.

 Última fase da entrega da declaração de IRS

 

A entrega das declarações de IRS está a chegar ao fim, sendo este o último mês para o efeito, além de se destinar aos trabalhadores independentes e com outros rendimentos, como é o caso de rendimentos prediais.

Para mera informação estatística saiba que já foram submetidas no Portal das Finanças 2,65 milhões de declarações na 1ª fase e 18,8 mil declarações referentes à 2ª fase.

A DECO retirou uma conclusão interessante ao utilizar o simulador disponível na declaração de IRS na Internet. Os contribuintes casados ficam a perder em relação aos unidos de facto, no que toca aos beneficios fiscais.

Os unidos de facto podem entregar as declarações em separado, ao passo que os casados, obrigatoriamente, têm que entregar em conjunto.

À típica questão: "IRS - Em conjunto ou em separado?", a DECO responde que no caso dos unidos de facto só compensa entregar em conjunto quando os rendimentos do casal são muito diferentes.

Voltando aos benefícios fiscais, os casados ficam a perder é na despesa com o crédito habitação, isto porque o limite da dedução é de 591€, e portanto na declaração conjunta é usada uma vez. Nos casos de unidos de facto que decidam entregar em separado, os dois vão apresentar essa despesa, duplicando a dedução.

De acordo com o alerta dado pela DECO, os casados podem ser penalizados em 800€, relativamente aos unidos de facto.