AUMENTe AS sUAS PROBABILIDADES DE ARRANJAR EMPREGO!

Há 1400 vagas para estágios remunerados na Comissão Europeia

A Comissão Europeia lançou um programa de estágios remunerados que irá dar oportunidades a 1400 jovens que queiram experimentar um emprego além fronteiras.

Há 1400 vagas para estágios remunerados na Comissão Europeia
Candidaturas até 31 de Janeiro

Quem quiser dar um salto a nível profissional e apostar numa experiência além-fronteiras, pode ver a sua oportunidade acontecer com a nova iniciativa da Comissão Europeia, que acaba de lançar um programa de estágios remunerados.

Segundo notícia avançada, abriu um concurso com 1400 vagas disponíveis para “realização de estágios remunerados a terem lugar na Comissão Europeia ou noutro local que seja integrado em instituições europeias”.

Os estágios têm como principal objectivo ajudar os candidatos a adquirir novas competências e a enriquecer a sua experiência profissional. A CE considera que esta é também uma “boa oportunidade para colocar em prática os conhecimentos teóricos adquiridos ao longo do percurso académico e de aprofundar os conhecimentos sobre a União Europeia”.


As condições dos estágios

Para quem estiver interessado, as condições dos estágios podem ser apelativas. A CE remunera os seus estagiários em 1000 euros mensais, oferecendo ainda um seguro de saúde e acidentes de trabalho.


As principais funções

Nos estágios remunerados da Comissão Europeia, os estagiários terão de desempenhar principalmente as seguintes funções: “organização de reuniões, fóruns e audiências públicas e pesquisa e compilação de documentação, relatórios e investigações eletrónicas”.


Candidaturas

Se não quer perder esta oportunidade, consulte o site da Comissão Europeia e candidate-se até dia 31 de Janeiro. Relativamente aos requisitos, os “candidatos devem ser titulares de um diploma universitário que, no mínimo, corresponda a uma licenciatura e devem dominar uma das seguintes línguas: Inglês, Alemão ou Francês”.

Em notícia sabe-se ainda que “o estágio terá lugar na Bélgica ou no Luxemburgo, a duração será de cinco meses e poderá ser iniciado no primeiro dia de cada mês, entre o dia 1 de Março e 1 de Outubro”.


Veja também: