Viagens surpresa a 200 euros? A Waynabox tem

A empresa espanhola Waynabox chega a Portugal com viagens surpresa por apenas 200 euros: conheça o caso de uma startup de sucesso.

Viagens surpresa a 200 euros? A Waynabox tem
Waynabox chega a Lisboa e ao Porto

A Waynabox é uma empresa espanhola que, depois de ter vencido o concurso de empreendedorismo Tap Creative Launch, chega ao nosso país com viagens surpresa por 200 euros. Em apenas 18 meses, esta startup conseguiu faturar 4 milhões de euros: sem dúvida, um caso de sucesso.


Viagens surpresa a 200 euros: surpreenda-se com a Waynabox

O conceito da empresa é que o cliente, por 200 euros (mais 50 do que em Espanha), pode adquirir uma viagem para um destino surpresa para um fim de semana, onde estão incluídos os voos e duas noites de alojamento. O fator surpresa é, aqui, a chave do sucesso: são os técnicos da empresa que decidem qual o destino da sua viagem.

Em Espanha e em França, a Waynabox conseguiu cativar 20 mil clientes, a partir de um conceito que surgiu depois de Paulo Moreno, de 23 anos, ter feito um inter-rail com amigos pela Europa. Em Portugal, o responsável pela empresa é também um jovem de 27 anos, André Costa.



Como funciona a Waynabox?

O sistema é bastante simples: compra-se uma viagem com partida à sexta e regresso ao domingo, ou partida ao sábado e regresso à segunda. Depois é só esperar o destino surpresa, uma cidade de entre as 50 disponibilizadas pela empresa. A primeira vez que faz uma reserva pode optar por eliminar algumas cidades gratuitamente; se quiser repetir a eliminação de cidades em reservas posteriores isso terá um custo de 5 euros.



Destinos surpresa

Neste momento a Waynabox tem à escolha destinos tão atrativos como Paris, Nice, Milão, Palma de Maiorca, Barcelona, Tenerife, Bruxelas, Amesterdão, Berlim, Porto, Lisboa, Estocolmo, Malta, Manchester, Varsóvia, Roterdão e muitas outras cidades que com certeza gostaria de conhecer ou revisitar.

A empresa vencedora do desafio da TAP conseguiu, em dois dias de lançamento na World Congress em Barcelona, 500 reservas. Os planos da empresa passam pela abertura em mais dois países em 2017 e, a longo prazo, estão de olhos postos no mercado internacional.

Veja também: