WhatsApp coloca informação dos utilizadores em servidores externos

Segundo um vídeo revelado recentemente, o WhatsApp tem passado informação dos utilizadores para servidores externos.

WhatsApp coloca informação dos utilizadores em servidores externos
Uma ameaça à segurança dos utilizadores

O WhatsApp é uma das plataformas mais utilizadas, atualmente, para comunicar com outros utilizadores. E uma boa alternativa ao Messenger do Facebook, porque para além de permitir conversações em tempo real, garante a confidencialidade dos utilizadores e ainda a encriptação de todas as mensagens.

WhatsApp: privacidade dos utilizadores em causa?

As notícias mais recentes não são favoráveis à aplicação. Num vídeo divulgado recentemente pelo youtuber Colin Hardy, descobriu-se que o WhatsApp passa informação do utilizador para servidores externos, sendo que essa informação pode permitir, por exemplo, localizar o utilizador.

Como é que isto tudo se processa? Uma das funcionalidades do WhatsApp passa pela previsão dos links partilhados nas conversações. Quando um utilizador partilha um link, a aplicação valida o URL solicitando informações a servidores externos.

Nesta operação, o WhatsApp associa um endereço ao dispositivo do utilizador que é passado para o lado do servidor para que este remeta uma resposta para aquela “questão em específico”. Esta simples informação, porém, é o suficiente para descobrir onde determinado utilizador se encontra, por exemplo.

Uma política que o WhatsApp deverá rever, mais cedo ou mais tarde, para solucionar a questão levantada pelo youtuber.

Veja também:

Continuar a Ler
Nuno Margarido Nuno Margarido

Jornalista formado pela Universidade de Coimbra, assume-se uma pessoa curiosa e até a mais simples engrenagem ou linha de código o fascina. Os seus interesses dividem-se por vários mundos, com destaque para a tecnologia, o gaming, o vídeo, a fotografia e o cinema.