Quando o digital aproxima mediadores e clientes

O digital veio abrir novas fronteiras à comunicação e, ao mesmo tempo, à ligação entre clientes, seus mediadores e a própria Companhia.

Quando o digital aproxima mediadores e clientes
A Allianz a desbravar caminho no digital

Acidentes e imprevistos acontecem quando menos esperamos. Todos nós estamos sujeitos a que algo nos corra menos bem. A urgência em resolver situações inesperadas é um imperativo nos dias que correm, em que cada minuto conta. As novas tecnologias vieram facilitar a resolução de problemas que, no passado, levariam dias – até mesmo semanas – a resolver. A disponibilidade de tempo para deslocações e reuniões e a burocracia e logística que tudo isso implicava são dois pontos que, hoje em dia, começam a fazer parte do passado.

No século XXI, as novas tecnologias de informação vieram revolucionar as relações humanas e entre empresas e clientes. A distância física deixou de ser um impedimento para que as pessoas, independentemente do local e hora, pudessem estar em contacto direto. As empresas tiveram de se adaptar a esta nova realidade, que, na verdade, lhes trouxe também grandes benefícios: uma maior aproximação aos seus clientes e uma importante redução de custos.

A Allianz Portugal sempre privilegiou a relação de proximidade entre mediadores e clientes. Na verdade são os mediadores, presentes no terreno, que melhor conhecem as necessidades dos clientes e que estão mais habilitados a apresentar as soluções que melhor se adaptam a cada caso. Para facilitar essa relação muito personalizada e permitir uma maior interação quando mais precisam, a Allianz Portugal lançou uma aplicação para dispositivos móveis que permite aos clientes particulares dos mediadores Allianz terem acesso direto e fácil à sua carteira de seguros, sempre disponível e com a maior comodidade e rapidez.

Trata-se da plataforma eCliente Allianz que, entre várias outras funcionalidades, permite consultar todos os contratos do cliente, incluindo a informação sobre coberturas, capitais ou recibos de prémio, efetuar simulações de prémios de seguros automóvel, subscrever produtos ou reforçar poupanças. Este espaço online foi criado para que os clientes particulares Allianz possam gerir a sua carteira de seguros, assim como anexar documentação digital e participar sinistros do ramo automóvel ou habitação, sempre com uma presença do seu mediador, que acompanhará passo a passo todos os movimentos do cliente. Desta forma, por exemplo, a resolução de um caso de sinistro será mais rápida e cómoda, passando a ser possível ao cliente enviar de imediato toda a informação sobre a ocorrência, incluindo fotografias e formulário de participação de sinistro, sempre com total conhecimento do mediador do contrato, o qual está envolvido no processo desde o início até à sua conclusão. A nova plataforma proporciona assim uma cada vez maior proximidade entre mediadores e clientes, bem como uma resposta mais eficaz a dúvidas e no acesso à mais diversa informação.

O digital veio, desta forma, abrir novas fronteiras à comunicação e, ao mesmo tempo, à ligação entre clientes, seus mediadores e a própria Companhia. Esta plataforma é pois, uma nova forma dos clientes estarem mais próximos da Allianz e dos seus mediadores, sobretudo nos momentos mais decisivos e importantes para eles, prestando-lhes, assim, um melhor e mais célere serviço, de grande valor acrescentado.

No fundo é mais um passo na estratégia de proximidade da Allianz, através da inovação e da utilização das novas tecnologias para, em conjunto com os seus mediadores, prestar um serviço de excelência, a todo o momento e em qualquer lugar.


Por Carlos Varela.
Carlos Varela, 45 anos, é formado em Economia pela Faculdade de Economia do Porto e MBA pela Escola de Gestão do Porto. Ingressou na seguradora em 1994, na área Comercial. Esteve à frente de diversos Escritórios Comerciais até 2001, ano em que assumiu o cargo de Diretor Regional da área Norte. Em Janeiro de 2010 aceitou um novo desafio e assumiu a função de Diretor de Vendas, cargo que ocupa atualmente.