Publicidade:

O airbag tem data de validade? Nós explicamos

Tem dúvidas se o airbag tem data de validade? Então, descubra se tem e se deve ser substituído ou se não tem de se preocupar com este assunto. Saiba tudo!

O airbag tem data de validade? Nós explicamos
Fique a saber tudo sobre o prazo de validade dos airbags

Ao longo do tempo, têm-se levantado várias questões sobre se o airbag tem data de validade ou não. As questões prendem-se com se há ou não uma data em que eles expirem e percam a validade ou se, depois de abertos num acidente, perdem a validade. Ou, ainda, se duram assim tantos anos, sem problemas que forcem a sua substituição.

Entre os fabricantes, não existe consenso quanto a esta questão, sendo que alguns afirmam que eles jamais precisam ser substituídos ou passar por alguma revisão. Fomos tentar perceber e ficar a saber mais sobre este assunto, para que fique esclarecido quanto à validade de um airbag.

Será que um airbag tem data de validade? Fique a saber mais


Não havendo normas que definam a vida útil dos airbags, torna-se mais difícil haver qualquer tipo de consenso entre todos os envolvidos na indústria automóvel. Se formos falar de modo quantitativo, no passado, os americanos definiram um prazo de vida útil de 15 anos, enquanto os europeus confiavam que o prazo de validade de um airbag seria de 10 anos.

airbags abertos

É necessário substituir os airbags?

Como é normal que muitas peças do carro sofram desgaste com o passar dos anos, é compreensível que se preocupe em perceber se o fator tempo altera também a qualidade dos airbags, bem como querer certificar-se que eles não perdem a sua funcionalidade primária: garantir a sua segurança e a dos passageiros que consigo viajam. Visto que nos últimos 20 anos os airbags tiveram um enorme impacto na melhoria da segurança automóvel, é importante entender se é necessário fazer alguma substituição nos mesmos, para manter a segurança máxima nas suas viagens.

Se se questiona se um airbag tem data de validade, fique despreocupado. De um modo geral, os airbags não se desgastam nem exigem substituições, não importa qual a idade do seu veículo. Mesmo que haja muitas fábricas que tenham começado a colocar autocolantes nos carros, a insistir que os airbags devem ser substituídos após 10 ou 15 anos, na verdade não há motivos para tal.

Na verdade, os modelos dos nossos dias são projetados para que os airbags acompanhem a vida útil do próprio veículo, juntamente com outros componentes importantes que não devem ter nenhuma data de final de prazo. Os airbags, enquanto bolsas insufláveis, são posicionados de forma muito bem acomodada, protegidos inclusivamente com um talco.

Mas, como é que os airbags não têm validade?

Mas como é que um airbag que fica “adormecido” durante anos ou até décadas antes de ser potencialmente usado, pode durar tanto tempo sem precisar de ser reposto? A resposta está no design atual dos airbags dos automóveis, que agora incorporam caraterísticas inovadoras, especificamente na sua ignição, fazendo uso da tecnologia mais robusta possível, para durar o maior tempo, sem haver danos que justifiquem a sua possível reposição.

Mesmo sabendo que existe a possibilidade de que as ignições falhem de vez em quando e sabendo que a sua probabilidade de estrago aumenta com o envelhecimento do carro, a maioria mantém o carro seguro durante vários anos.

Nenhum airbag expira de validade? Há exceções…

airbag vazio

Como é mais do que óbvio, há sempre algumas exceções à regra, mas estas aplicam-se sobretudo aos carros mais antigos, com airbags que datam de meados dos anos 90 ou, ainda, anteriores.

Noutros tempos, os agora “veículos antigos” utilizavam diferentes materiais no dispositivo de ignição do airbag, que podem desgastar-se mais rapidamente com o tempo do que o material utilizado nos dias de hoje, nos veículos mais modernos. Dito isto, os carros mais antigos, após uma década ou cerca de 15 anos de vida, costumavam pedir uma substituição dos airbags, para garantir que estes estivessem a funcionar corretamente.

Nesta caso particular, o airbag tem data de validade, sendo que estas substituições são um tanto ou quanto caras, pelo que muitos proprietários de carros antigos preferem nem sequer se dar a essa preocupação.

O que dizem as marcas sobre a validade dos airbags?

Testes realizados nos Estados Unidos da América em veículos com cerca de 20 anos provaram que os airbags são detonados como se fossem dispositivos novos, mantendo as suas caraterísticas iniciais, desde o momento em que foi inserido no carro.

Perguntando a marcas como a Toyota, Chevrolet e Peugeot sobre como aconselham os seus clientes a lidar com os airbags presentes nas suas viaturas, a Toyota e a Chevrolet asseguram que os seus airbags não têm qualquer validade, sendo que a Toyota acrescenta que os mesmos não necessitam sequer revisões periódicas. Já a Chevrolet aconselha a que cada cliente leve a viatura a um concessionário para uma inspeção, caso a luz espia, indicativa do airbag, se mantenha acesa no painel. A explicação é que estes veículos fazem uma verificação em todos os dispositivos que se encontram ligados aos airbags, acendendo caso algo esteja errado, mesmo que seja apenas algum mau contacto. Em resposta à mesma pergunta, a Peugeot recomenda que os clientes da marca façam uma substituição dos airbags após 10 anos, assegurando que a vida útil do mesmo é esta.

De uma forma geral, o airbag tem data de validade? Não. Portanto, a nossa sugestão é que não se preocupe com o ciclo de vida dos airbags do seu carro, a menos que o seu veículo tenha sido fabricado em meados ou finais dos anos 90.

Veja também: