Publicidade:

7 alimentos para dormir melhor já hoje

Se não consegue passar uma noite de sono tranquila ou tem dificuldades em adormecer, conheça os 7 alimentos para dormir melhor.

7 alimentos para dormir melhor já hoje
A alimentação influencia o seu sono: saiba quais os 7 alimentos para dormir melhor

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), cerca de 40% da população mundial tem algum tipo de problema relacionado com o sono. Para que não passe mais nenhuma noite mal dormida, queremos informá-lo sobre a ingestão de alguns alimentos para dormir melhor – ou seja, comida que influencia diretamente na qualidade do seu sono.

Que tipo de alimentação deve fazer se quer dormir melhor


Uma alimentação saudável é sempre benéfica para qualquer tipo de pessoa, tenha ela problemas de saúde ou não. Se tem dificuldade em adormecer ou em ter um sono tranquilo e sem interrupções, deve fazer um tipo de alimentação baseado em alimentos ricos em triptofano.

Também conhecido como o aminoácido da felicidade, o triptofano é um aminoácido que regula os níveis de serotonina presentes no cérebro e que, ao mesmo tempo, diminui a atividade do organismo fazendo com que o seu corpo se sinta mais relaxado.

A serotonina é um neurotransmissor que permite a passagem de informações entre os neurónios e que influencia a sensação de bem-estar e a regulação do sono. Regula o humor, modera o apetite e é um aliado das dietas para quem pretende emagrecer.

7 alimentos para dormir melhor


Queremos que tenha um sono descansado e contínuo sem ter que recorrer a medicamentos ou a métodos que não são de todo naturais.

Se a alimentação que faz está relacionada com o seu sono, então faz sentido investir neste tipo de alimentos.

1. Peixe

Resultado de imagem para site e-konomista.pt receitas peixe

A ingestão de atum ou salmão ao jantar irá ajudá-lo a dormir melhor. Isto deve-se ao facto deste tipo de peixes conterem uma percentagem significativa de vitamina B6 que, por sua vez, promove a produção de melatonina no seu corpo.

Segundo o Infarmed, a melatonina na espécie humana é sintetizada a partir do aminoácido triptofano, ocorrendo o pico de produção durante o período da noite. Está provado que a ingestão de pequenas doses de melatonina, reduz o tempo que demora a adormecer. Portanto já sabe, fazer refeições com atum ou salmão à noite são uma ótima escolha para quem quer dormir melhor.

2. Cereja

Resultado de imagem para site e-konomista.pt receitas Cereja

Outro alimento rico em melatonina, e por isso mesmo indicado para que consiga ter um sono descansado. As cerejas são uma fonte de melatonina e podem ser consumidas de diferentes maneiras. Se não aprecia muito comer o fruto no seu estado natural, pode sempre optar por sumos de cereja. São uma ótima escolha para acompanhar a refeição à noite e vão fazer toda a diferença se mantiver, com alguma frequência, este tipo de ingestão.

3. Leite e iogurte 

Resultado de imagem para site e-konomista.pt receitas iogurte

O leite e o iogurte ajudam também a melhorar o seu sono. Um copo de leite com açúcar 30 minutos antes de se deitar, ajuda a ter uma boa noite de sono. É rico em cálcio, mineral este que ajuda o nosso corpo a regular a melatonina. O mesmo se repete quando se fala no iogurte. Este também deve ser ingerido antes de se deitar como uma boa forma para dormir melhor.

4. Cereais

Resultado de imagem para site e-konomista.pt receitas cereais

Cereais com alto teor de vitamina B6, são uma excelente opção também. Como já foi referido, a vitamina B6 é essencial para a produção de melatonina, o que fará com que seja mais fácil adormecer. Uma taça de cereais, sem nada a acompanhar (isto é, leite ou chá) é um bom exemplo de uma maneira para os ingerir.

5. Legumes

Resultado de imagem para site e-konomista.pt receitas espinafres

Os legumes como a couve ou os espinafres, são ricos em magnésio e ferro e contêm uma boa percentagem de triptofano bem como alguns hidratos de carbono. Quando se tratam de hidratos de carbono complexos, esses aumentam a absorção de triptofano. Para além disto, estes legumes podem ajudar a relaxar os músculos e a diminuir a tensão acumulada no corpo, o que irá permitir um sono mais confortável.

6. Pasta de grão de bico

Resultado de imagem para site e-konomista.pt receitas grao de bico

Assim como a couve ou os espinafres, o grão de bico também é rico em vitamina B6. Pode optar por fazer uma pasta de grão de bico e aplicá-la em tostas ou até mesmo no pão à refeição, ou então por introduzir o grão em saladas. É sempre uma ótima escolha para um jantar simples e rápido, a partir do qual pode tirar benefícios como o facto de contribuir para um sono melhor.

7. Bananas

Resultado de imagem para site e-konomista.pt receitas bananas

Não sabia? As bananas são ricas em potássio e magnésio, que ajudam a relaxar os músculos. Para além disto, são ricas em vitamina B6, que ajudará na produção de melatonina. Sendo o magnésio uma das melhores medidas de prevenção contra a insónia, comer uma banana à sobremesa poderá ser uma excelente ideia para prevenir noites mal dormidas.

Veja aqui 4 razões para comer bananas antes de dormir >>

Fazer uma alimentação variada e com base em alguns alimentos para dormir melhor, poderá ajudá-lo a prevenir insónias e noites em que o sono parece não querer aparecer.

É necessário ter em conta que para além da ingestão destes alimentos, existem outras atividades que pode fazer para que complemente de alguma forma a sua alimentação. A prática de exercício físico é uma boa ideia para quem tem problemas de sono, isto porque, ao praticar alguma atividade física estará a cansar os seus músculos e o seu corpo, o que fará com que se sinta mais cansado quando se deitar na cama para dormir.

É essencial que tente sempre manter 8 horas de sono, que tente dormir sempre com alguma qualidade e que se sinta livre de preocupações (pelo menos quando se trata do momento em que fecha os olhos para adormecer). Alguns alimentos que identificamos neste artigo poderão ajudá-lo a melhorar as suas noites.

Veja também:

Catarina Milheiro Catarina Milheiro

Finalista da licenciatura em Gestão de Marketing, entende a partilha de informação através da escrita, como uma forma nobre da comunicação.