Publicidade:

8 apps que estão a consumir a bateria do seu Android

Algumas das apps que instalamos nos nossos Androids utilizam mais bateria do que o que seria esperado. Será que tem alguma destas instalada?

8 apps que estão a consumir a bateria do seu Android
Problemas com a bateria? Talvez o problema esteja nas apps instaladas

Stressado porque a bateria do seu Android já não chega, nem de perto nem de longe, ao final do dia? Está sempre à procura de uma tomada para tentar evitar aquele aviso de “bateria fraca”? Talvez o problema esteja nas apps que mais usa ou que simplesmente estão instaladas no seu Android.

Algumas das apps mais populares acabam por consumir mais bateria do que seria desejado – seja pelos recursos que gastam enquanto está efetivamente a utilizá-las ou pelos processos que continuam a correr mesmo quando esta está fechada. Será que sabe quais são as aplicações que tem instaladas e que lhe estão a roubar a bateria?

As apps que mais consomem bateria nos smartphones Android


Facebook e Messenger

É verdade. As aplicações móveis do Facebook são duas das apps que mais bateria consomem nos smarphones Android. Tanto a app do Facebook como a do Messenger utilizam imensos recursos – quer quando estão a ser utilizadas, quer no background, para nos enviar as notificações e alertas.

No entanto, se a bateria é um problema e se não está preparado para utilizar a versão web no browser do telemóvel, o Facebook tem uma versão Lite que, além de utilizar menos recursos, gasta menos dados móveis.

bateria android

Tinder

Encontrar a cara metade pode ter um preço bastante elevado, pelo menos no que diz respeito à bateria do nosso telemóvel Android. O Tinder está constantemente a verificar a nossa localização para encontrar possíveis matches e, por isso, utiliza imensos recursos do smartphone.

Snapchat

O Snapchat também é uma das aplicações mais exigentes no que diz respeito à bateria dos smartphones. Além de vários recursos multimédia, a aplicação faz um pré-download de informação antes que os utilizadores abram os snaps – uma opção que pode ser alterada nas configurações da aplicação, caso pretenda economizar bateria.

snapchat

Google Maps

Pela mesma razão que o Tinder, o Google Maps é um dos maiores consumidores de bateria. Sendo esta app imprescindível para encontrar o caminho certo, a solução para este problema passa por, nas definições do telemóvel, não permitir que a aplicação corra em background.

Deste modo, a aplicação só estará em pleno funcionamento quando estiver aberta. Esta estratégia também pode ser utilizada com outras aplicações.

YouTube e Netflix

Por muito convenientes que sejam as aplicações de streaming como o Netflix e o YouTube, acabam por ser problemáticas para a bateria do smartphone.

Apesar de não nos termos de preocupar com questões de armazenamento, as aplicações de streaming estão a aceder a informação que está na internet e, por isso, obrigam os telemóveis a fazer downloads momentâneos constantes. Além disso, por natureza, estas aplicações utilizam bastante o ecrã do telemóvel.

youtube

Amazon

Comprar online? Cuidado com a app da Amazon. Tal como outras aplicações que já referimos neste artigo, a aplicação mantém uma série de processos em background, mantendo a app atualizada com as últimas promoções e preços. Além de ser bastante intensa no que diz respeito à bateria, este pequeno detalhe também pode gastar dados se o utilizador não estiver ligado a uma rede wi-fi.

Veja também: