Publicidade:

A importância da assiduidade no trabalho

As empresas cultivam o dever importante dos seus trabalhadores chegarem a tempo e horas ao trabalho, todos os dias. Conheça a importância da assiduidade no trabalho.

A importância da assiduidade no trabalho
Manual de boas práticas da assiduidade no trabalho

Apesar da assiduidade ser promovida desde que entramos na escola primária, parece estar escrito nas estrelas que existirão sempre alguns funcionários que têm uma dificuldade crónica em apresentar-se todos os dias e a horas no seu local de trabalho. Para os empresários, a falta de assiduidade é algo que urge ser resolvido, pois afeta a produtividade, e não só – afeta, muitas vezes, também a reputação das empresas e dos seus trabalhadores.

Assiduidade no trabalho: manual de direitos, deveres e boas práticas


Cumprir a assiduidade no trabalho é um dever fundamental do trabalhador, e significa não faltar aos compromissos laborais, estar presente de forma regular no trabalho, nomeadamente não faltar, ou apenas muito esporadicamente.

assiduidade

Consequências de não se ser assíduo

Como outros demais deveres laborais, não cumprir com a assiduidade no trabalho pode trazer consequências a nível disciplinar para os trabalhadores. Um indicador da importância com que as empresas encaram a assiduidade é o facto de constar, normalmente, nas avaliações de desempenho que promovem junto dos seus funcionários.

Um outro indicador reside na implementação de prémios, recompensas e outros bónus aos funcionários – basta pensar no quanto as faltas injustificadas (e mesmo as justificadas) podem pesar nas contas do seu salário.

Vantagens de ser assíduo

As boas práticas da assiduidade no trabalho trazem inúmeras vantagens, como:

  • ganha-se uma boa imagem profissional – uma pessoa que esteja presente em todos os compromissos transmite uma imagem de confiança, e de quem tem tudo sob controlo;
  • é-se mais respeitado pelos outros, desde a base ao topo da hierarquia, sem esquecer os clientes e fornecedores da empresa;
  • é-se mais influente – a opinião de alguém em quem os outros confiam é sempre levada em alta consideração;
  • há maior probabilidade de obter mais reconhecimento e maior possibilidade de subir na carreira.

Experimente: observe alguém que seja muito assíduo e cumpridor e alguém que não o seja tanto, e verá que a abordagem que os superiores terão para com o primeiro irá desvendar um laço de muito mais proximidade.

Vantagens indiretas da assiduidade

Pode não ser óbvio, mas cumprir com o dever de assiduidade vai dar-lhe mais disponibilidade para o lazer. Alguém assíduo evita que os compromissos de trabalho se sobreponham aos pessoais e familiares. Ser assíduo também permite que o seu tempo de lazer seja melhor aproveitado – e sem sobressaltos.

Uma questão de educação

Por muitas regras que a legislação e os regulamentos das próprias empresas versem sobre a assiduidade, esta é antes de tudo uma questão ética, que deverá estar incutida no espírito dos trabalhadores, na sua educação e formação pessoal e profissional.

Quando a assiduidade não estiver incutida na pessoa como um valor ético forte, estão formadas as condições para a existência do tal grupo de pessoas que nunca, jamais, conseguirão ser assíduas no trabalho e nos compromissos da vida em geral.

Veja também:

Catarina Reis Catarina Reis

Consultora de carreira com mais de 10 anos de experiência, possui formação superior em Gestão de Recursos Humanos e Psicologia. É naturalmente curiosa, desenvolvendo múltiplos projetos paralelos que envolvem a Fotografia, a Música, o Marketing Digital e o Cinema.

Saiba tudo sobre emprego