Publicidade:

Avaria na autoestrada: saiba o que deve fazer

Saiba quais os procedimentos de segurança e disposições legais em vigor para o caso de ter uma avaria na autoestrada. Evite correr riscos.

Avaria na autoestrada: saiba o que deve fazer
Procedimentos para garantir a sua segurança

É do conhecimento geral a proibição de parar o carro na berma da autoestrada. No entanto, uma avaria na autoestrada ou até um indesejável acidente, são contingências que podem ocorrer a qualquer condutor. Nestes casos é importante conhecer os procedimentos de segurança, preconizados legalmente no Código da Estrada.

De acordo com o artigo 87.º, em caso de avaria ou acidente, o condutor deve “proceder imediatamente ao seu regular estacionamento ou, não sendo isso viável, retirar o veículo da faixa de rodagem ou aproximá-lo o mais possível do limite direito” da faixa de rodagem. E quanto aos procedimentos? O que se deve fazer?

Avaria na autoestrada: o que fazer

avaria-na-autoestrada

A paragem e o estacionamento na berma das vias de circulação são permitidos, desde que sejam tomadas as devidas precauções previstas na lei. Nos casos de imobilização devido a uma avaria na autoestrada (na faixa de rodagem ou na berma), é obrigatório ligar os quatro piscas (luzes de perigo ou emergência), colocar o triângulo (legalmente denominado de sinal de pré-sinalização de perigo) e vestir o colete refletor (ainda dentro do veículo, se possível).

triângulo deve ser colocado a, pelo menos, 30 metros de distância da retaguarda do seu veículo e deverá ser visível a uma distância mínima de 100 metros.

Mas há mais. Em caso de avarias na autoestrada, estes são os passos essenciais para garantir a sua segurança e a dos restantes passageiros (e demais condutores que passem pelo local):

  • Sempre que possível, pare em locais seguros para si e para os passageiros (de preferência, na faixa de rodagem mais à direita ou na berma da estrada);
  • Chame a assistência em viagem através do seu telemóvel ou utilize os telefones de emergência disponíveis no percurso de modo a ser garantida a respetiva prioridade na assistência;
  • Os passageiros deverão manter-se dentro do veículo, com os cintos colocados (assim como qualquer animal de estimação);
  • Por precaução, além dos quatros piscas ligue também os mínimos, de modo a ser bem visível;
  • Assim que o problema estiver resolvido, tenha atenção à forma como regressa à faixa de rodagem: muitos acidentes são provocados no momento em que os condutores regressam à estrada. Antes de reentrar na via de circulação, ganhe velocidade idêntica à dos restantes veículos.

Garanta a sua segurança e nunca acene aos outros veículos para pedir ajuda, não saia do carro sem garantir as condições mínimas de segurança e nunca fique ao lado da viatura.

Aconselhamos ainda que esteja sempre preparado para qualquer situação anómala. Por essa razão, tenha sempre consigo um kit de emergência de primeiros socorrosluvasextintor, uma lanterna e um impermeável.

Não se esqueça de garantir as revisões programadas do seu veículo e de verificar os níveis de óleo, do líquido de refrigeração e o ar dos pneus. Finalmente, tenha atenção aos avisos do painel de instrumentos e procure ajuda especializada sempre que necessário.

Veja também: