Publicidade:

Carreira militar: prós e contras

Será que a carreira militar ainda é uma porta de entrada para uma situação profissional estável? Como ingressar na carreira militar? Fique a saber!

Carreira militar: prós e contras
Carreira militar, uma boa opção para o seu futuro profissional?

Se pondera prosseguir para o Ensino Superior e quer saber mais sobre as vantagens e desvantagens de seguir a carreira militar, leia com atenção: este artigo é para si!

Carreira militar, uma boa opção para o seu futuro profissional?


Para encorajar os jovens a seguir a carreira militar, o governo pretende torná-la mais atrativa. Como? Por exemplo, alargando a duração dos contratos dos militares das forças armadas de seis para dezoito anos, o que, em teoria, proporciona uma carreira estável a quem faça esta opção. Mas há outras razões para considerar esta possibilidade para o desenvolvimento da sua carreira. Conheça-as!

carreira militarFonte: PxHere

Carreira militar, uma opção para o seu futuro profissional

Se pretende seguir a carreira militar, deverá fazê-lo através das três principais instituições da Defesa Nacional – A Força Aérea, o Exército e a Marinha. Todas estas entidades dispõem de oferta formativa adequada aos requisitos do Processo de Bolonha! A maioria dos cursos tem uma duração de 5 anos, embora haja cursos que se prolongam por 6 ou 7 anos, como, de resto, também acontece com determinados cursos de ensino superior universitário.

Vamos conhecer a oferta formativa existente:

1) Academia da Força Aérea
Na Academia da Força Aérea, os cursos disponíveis situam-se nas seguintes áreas: Piloto Aviador, Administração Aeronáutica, Engenharia Eletrotécnica, Engenharia Aeronáutica, Engenharia de Aeródromos e Medicina.

2) Academia Militar
Opte por Ciências Militares, Administração Militar, Engenharias diversas e áreas da Saúde – Medicina, Ciências Farmacêuticas, entre outras. Atenção! Encontra-se aberto o Concurso de Admissão à Academia Militar para o ano letivo 2018/2019 até ao próximo dia 20 de julho, para candidatos civis, e 02 de julho, para candidatos militares.

3) Escola Naval
A Escola Naval possui Mestrados Integrados nas seguintes áreas: Marinha, Engenharia Naval Mecânica, Engenharia Naval – Ramo Armas e Eletrónica, Fuzileiros, Administração Naval e Medicina.

Como ingressar nestes cursos?

Todas estas instituições requerem, para o ingresso nos seus cursos, a prestação de provas de aptidão física e psicológica. Acresce que na maioria dos casos é obrigatório dominar a Língua Inglesa. No caso da Escola Naval, além das provas físicas é necessário prestar provas de adaptação ao meio aquático.

Regime de internato

É uma das particularidades que surgem associadas às carreiras militares profissionais. Durante a frequência dos cursos nas academias das Forças Armadas, os estudantes vivem em regime de internato, com uma rotina diária preenchida por aulas, atividades extracurriculares, desporto, investigação e atividades culturais e recreativas. Após terminarem as atividades diárias, os alunos podem ocupar os seus tempos livres dentro ou fora da instituição em atividades de lazer. Habitualmente os alunos têm o fim-de-semana livre, assim como os períodos de férias escolares, idênticos aos do calendário das outras universidades, e há ainda períodos de licença para sair da Academia.

Propinas e remuneração

Os alunos da Academia não pagam propinas, matrículas e inscrições. Para além disso recebem um salário, que oscila entre cerca de 150€ no primeiro ano e 1200€ no sétimo ano de estudos. Os estudantes podem também contar com alojamento e alimentação por conta do Estado, fardamento, assistência médica, medicamentosa e hospitalar, material de estudo e apoio social.

Rescisão de contrato

Como contrapartida, a rescisão de contrato com as Forças Armadas obriga o militar a indemnizar o Estado, em valor correspondente aos custos que a instituição de ensino militar teve consigo: alojamento, fardamento, propinas, material de estudo, alimentação, entre outras regalias.

Vantagens da carreira militar

Sumarizando, entre as vantagens de estudar na Academia Militar, contam-se:

  • isenção de propinas;
  • estabilidade profissional;
  • remuneração enquanto estuda, acrescida do Suplemento de Condição Militar (igual a 20% da remuneração base);
  • assistência médica, medicamentosa e hospitalar, bem como Segurança Social, para o militar e aos seus familiares;
  • viagens a preços reduzidos nos transportes públicos.

Desvantagens da carreira militar

Entre as desvantagens, destacam-se as seguintes:

  • alto nível de exigência das provas de aptidão;
  • não são aceites transferências de outras instituições do Ensino Superior para a Academia;
  • os ex-militares referem muitas vezes dificuldade em reingressar no mercado de trabalho civil;
  • o acesso à Reforma passa a ser aos 66 anos, em vez de ser aos 65, como forma de aproximar a carreira militar das restantes carreiras na Função Pública;
  • obrigatoriedade de cumprir o contrato ou, em caso de rescisão, de indemnizar o Estado.

Agora, é só tomar a sua decisão. Boa sorte!

Veja também: