Publicidade:

Carros que todos deviam conduzir

“O sonho comanda a vida”. A frase do poema “Pedra Filosofal” abraça este tema. Os apaixonados por automóveis têm sonhos, e esta é a lista de carros que todos deviam conduzir.

 
Carros que todos deviam conduzir
10 carros míticos que todos os apaixonados por automóveis deviam conduzir.

A lista de 10 carros míticos que todos os apaixonados por automóveis deviam conduzir não é fácil de realizar. Podemos apontar o foco para os automóveis mais desejados em determinadas alturas, consoante a época ou o caráter, mais ou menos desportivo, ou pela história e misticismo que encerram. Ou ainda por serem os mais rápidos do mundo e, logo por aí, mais inatingíveis.

Os que enunciamos integram um leque de máquinas recentes que atualmente despertam sensações nos apaixonados por automóveis.

A lista tanto serve para sonhadores do sexo masculino como feminino. Há apaixonados e apaixonadas por automóveis. E tanto eles como elas terão o sonho, a vontade de conduzir, nem que seja por breves instantes, os seus carros de sonho.

10 carros míticos que todos os apaixonados por automóveis deviam conduzir

10.º – Jaguar F-Type SVR Coupé

 Jaguar F-Type SVR Coupé

Apresentado no Salão Automóvel de Genebra em 2016, o Jaguar F-Type SVR Coupé, revelou-se como sendo o modelo de série mais potente de sempre da marca britânica e por isso figura na lista dos 10 carros míticos que todos os apaixonados por automóveis deviam conduzir. Quem já concretizou esse sonho foi a atriz Michelle Rodriguez (Letty Ortiz, na saga “Velocidade Furiosa”) que atingiu 322 km/h, ao volante do Jaguar F-Type SVR. O modelo recebe motor V8 supercharged de 5 litros com 575 cv e 700 Nm de binário máximo, que cumpre o sprint 0-100 km/h em apenas 3,7 segundos e alcança os 322 km/h de velocidade máxima.

9.º – Honda Civic Type-R

Honda Civic Type-R

O Honda Civic Type-R é um dos modelos mais icónicos da marca japonesa. É um desportivo e até tem uma versão dirigida especialmente ao mercado nacional. Esta versão nacional tem “dedo” do experiente piloto Tiago Monteiro. A máquina com diversos apêndices que sublinham a sua desportividade recebe motor de 1.996 cm3 (4 cilindros em linha, 4 válvulas por cilindro, VTEC Turbo, a gasolina). Cumpre o 0-100 km/h em 5,7 segundos e atinge velocidade máxima de 272 km/h.

8.º – Alfa Romeo Giulia Quadrifoglio

Alfa Romeo Giulia Quadrifoglio

O Alfa Romeo Giulia Quadrifoglio é o que podemos chamar um representante da “pura raça italiana de automóveis”. É um desportivo com tração traseira, mas, ao mesmo tempo veste a “pele” de um familiar. Tem vários rivais, mas a sua carroçaria de três volumes é muito equilibrada e o design apelativo. Tem o “charme” italiano. Motor V6 biturbo, com 2.891 cc e binário máximo de 600 Nm/2.500-5.000 rpm. Velocidade máxima de 307 km/h e cumpre o 0-100 km/h em 3,9 s.

7.º – BMW M5

High performance version of the BMW 5-Series

A marca alemã sabe o que faz, principalmente quando o produto tem a designação “M”. O BMW M5 é um automóvel de estrada com ar verdadeiramente desportivo e capaz de performances fora de série. O motor V8 biturbo de 4.4 litros debita 608 cv de potência e um binário de 750 Nm. Números capazes de deixar sorridente qualquer fã que o tenha na lista de 10 carros míticos que todos os apaixonados por automóveis deviam conduzir. O BMW M5 faz 0-100 km/h em 3,4 s e 0-200 km/h em 11,1 s. Velocidade máxima de 305 km/h. Um carro de sonho.

6.º – Tesla Model 3 Performance

Desde que surgiram os modelos Tesla, fazem-nos sonhar. Desde logo por serem elétricos e anunciarem tecnologia a rodos e autonomia das baterias muito acima da dos concorrentes. O Tesla Model 3 Performance que acabou de chegar a Portugal tem gerado muitas expectativas e concretizará o sonho de muitos fãs. A versão Performance é como o nome diz, a que tem caráter mais desportivo. Rápida resposta dos motores às solicitações do acelerador. Conforto, reatividade e agilidade num automóvel que anuncia 530 km de autonomia.

5.º – Focus RS Mk2

Focus RS Mk2

O Ford RS Mk2 é um daqueles automóveis que quando surgiu estava à frente dos do seu tempo. O motor 2,5 L Duratec modificado disponibilizava 305 cv e 440 Nm entre as 2.250 – 4.500 rpm; 0-100 km/h em 5,9 s e a velocidade máxima de 263 km/h. Como era um tração à frente, um dos segredos do Ford Focus RS Mk2 para colocar toda a potência no chão chamava-se RevoKnuckle e, basicamente, era um sistema que conseguia separar os movimentos da direção dos movimentos da suspensão. Evitava a deformação da superfície de contacto do pneu com chão. Um carro com condução muito direta e que ainda hoje faz suspirar os fãs.

4.º – Land Rover Defender Works V8

A Land Rover é uma marca que dispensa apresentações. Conhecida pela excelência e qualidade dos seus veículos todo-o-terreno. O Land Rover Defender Works V8 é uma edição especial limitada, logo mítica, que marca o 70.º aniversário do icónico TT da marca inglesa. Equipado com um motor 5.0 litros V8 atmosférico de 405 cv é capaz de atingir os 170 km/h e cumprir o 0-100 km/h em 5,6 segundos. Embora esta questão da velocidade não seja prioritária neste modelo, destaca-se o exclusivo design exterior e os acabamentos do habitáculo com detalhes especiais. Um sonho de jipe, sendo que as 150 unidades produzidas foram vendidas num mês.

3.º – Porsche 911 GT3 RS

Porsche 911 GT3 RS

Um carro de sonho para os puristas. O Porsche 911 GT3 RS é o último da sua espécie com motor V6 de 4.0 litros que debita 520 cv às 8.250 rpm (red line é às 9.000 rpm) e binário de 470 Nm às 6.000 rpm. Trata-se do motor de 6 cilindros opostos mais potente da Porsche e tem uma dinâmica apurada que lida com mestria toda a potência. É um automóvel vocacionado para condução desportiva, em pista, mas que, com “juízo” pode ser usado no dia-a-dia.

2.º – MINI Cooper S

MINI Cooper S

Fonte: Mini/Divulgação

MINI é uma marca com pergaminhos. O primeiro modelo criado por Sir Alec Issigonis surgiu há 60 anos e tinha um objetivo bem diferente do MINI Cooper S que hoje conhecemos. De citadino ágil, rapidamente tornou-se num desportivo de eleição ao vencer várias provas em Ralis. Endiabrado com o motor 2.0 l turbo com 192 cv o MINI Cooper S de 3 portas, cumpre os 0-100 km/h em 6,8 s, menos 1 s se estiver equipado com caixa automática de dupla embraiagem. Um carro icónico que não pode faltar na lista dos 10 carros que todos os apaixonados por automóveis deviam conduzir.

1.º – Lotus Caterham 7

Lotus Caterham 7

No topo da lista dos 10 carros míticos que todos os apaixonados por automóveis deviam conduzir está o Lotus Caterham 7. Um automóvel cheio de nostalgia que nos transporta para a condução pura, para a diversão. E que ao mesmo tempo permite viver sensações como nenhum outro. O vento, o som do motor logo ali à nossa frente, a condução sem artifícios, o mais pura possível num automóvel que pode ser apelidado de “brinquedo para adultos”. Está muito vocacionado para o desporto e para as corridas em pista. Motor 1.6 litros, 4 cilindros, debita 137 cv e 165 Nm de binário. Cumpre o sprint 0-100 km/h em 5 s e a velocidade máxima é de 196 km/h. Com peso de apenas 540 kg, está tudo dito…

Veja também:

 

Valdemar Jorge Valdemar Jorge

No seu ADN encontramos a paixão pelos automóveis enrolada no gosto por contar histórias. Profissionalmente conta com 34 anos de jornalismo, praticamente os mesmos que o hobby que escolheu – a fotografia. O seu lugar favorito, hoje, é na estrada, sentado ao volante de um carro que vai ser apresentado amanhã, a fazer um teste drive para escrever a crónica que o prezado leitor poderá ler esta noite.

Também lhe pode interessar: