Publicidade:

Os 10 carros mais feios de sempre

Se alguns carros são verdadeiras obras de arte, outros, verdade seja dita, são exatamente o oposto. Conheça aqui 10 dos carros mais feios de sempre.

Os 10 carros mais feios de sempre
Modelos que certamente não gostava de ter na sua garagem

Os gostos são relativos, é verdade, mas não há como discordar que estes são alguns dos carros mais feios de sempre. Os números de vendas e o valor destes carros em segunda mão comprova o insucesso destes modelos. Se alguns carros conseguem ser verdadeiras obras de arte, verdade é que outros conseguem ser exatamente o oposto.

No entanto, algo que devemos entender é que, tal como músicos, designers ou escritores, também na industria automóvel muitos construtores tentam marcar uma posição, quer pela positiva, quer pela negativa. Tentam estes golpes de marketing, tornando a sua marca numa das mais faladas num determinado momento. Isto obviamente vai gerar mais atenção à sua volta, e talvez possa ser uma forma de um construtor mostrar ao mundo alguma outra característica mais positiva do seu novo modelo, e que poderá ser visível inclusive em outros modelos. Está provado que no mundo dos carros ser apenas “mais um” não basta.

Não sabemos se estes carros em algum momento serviram como cobaia de outros modelos. O certo é que conseguiram chamar a atenção e deixar a sua marca, embora hoje talvez não sejam reconhecidos pelos melhores motivos.

Conheça os 10 carros mais feios de sempre

10. Renault Koleos

koleos

Iniciamos esta lista dos carros mais feios de sempre com o Renault Koleos, lançado em 2007, ano no qual registou o maior número de vendas na Europa de Leste. Novo, custava cerca de 25.000€. Passados 10 anos, o preço do Koleos usado é, em média, 3000€. Este modelo foi considerado um flop e a marca francesa decidiu, em 2018, dar uma nova imagem ao modelo. Atualmente, o Koleos é o SUV de luxo da Renault, e custa mais de 40.000€. Veja o novo modelo do carro >>

9. Lamborghini LM002

LM002

Este foi o primeiro SUV da Lamborghini, e podemos considerar que é o “pai” do novo Lamborghini Urus. Este modelo foi pensado como um veículo militar, e para servir as forças armadas dos Estados Unidos. No entanto, o protótipo militar nunca passou para a produção, e a Lamborghini reaproveitou o desenho e tentou produzir um todo o terreno super-poderoso, usando um motor V12 do Countach.

O LM002 (Lamborghini Military 002) não foi bem encarado na altura, pois a aerodinâmica começava a tomar contornos importantes, o design quadrado rapidamente se tornaria obsoleto, e foram apenas produzidos 301. Hoje em dia é considerado um veículo exótico e importante para a história do automobilismo pela sua raridade, mas isso não significa que seja bonito. Atualmente, o preço médio de um Lamborghini LM002 é de 300.000€! Ver carro >>

8. Renault Vel Satis

vel satis

Quando foi lançado em 2001, o Renault Vel Satis assumiu-se como o topo de gama da Renault. No entanto, o design arrojado e menos convencional não convenceu o público e este modelo representou um prejuízo de 1,15 mil milhões de euros para a Renault, o que significa 18.000€ de prejuízo por cada unidade vendida. Foi produzido entre 2001 e 2009 e custava mais de 40.000€. Hoje em dia, o preço médio de um destes modelos em Portugal ronda os 6.000€.

7. Ssangyong Rodius

ssangyong

A Ssangyong pode não ser conhecida pela maior parte do público português, embora a marca esteja representada no nosso país, e este mesmo modelo tenha sido vendido em Portugal. Este monovolume da marca sul-coreana é considerado, por unanimidade, um dos carros mais feios de sempre. No entanto, a capacidade de transportar 7 pessoas, o nível de equipamento relativamente elevado para a época e o preço acessível tornaram este carro apetecível para muitas famílias mais numerosas. Este modelo foi produzido entre 2005 e 2013. O preço de mercado para o Ssangyong Rodius atualmente é de 8.000€.

6. Lancia Thesis

lancia

O Lancia Thesis foi um modelo executivo da marca italiana produzido entre 2002 e 2009. A Lancia ficou conhecida por lançar alguns dos modelos mais estranhos da Europa, e o número baixo de vendas fez com que a Lancia deixasse de produzir novos modelos. Atualmente, a marca apenas comercializa um modelo, e somente para o mercado italiano: o Lancia Ypsilon. Apesar do luxo, segurança e conforto que o Lancia Thesis oferecia aos seus passageiros, era um carro caro para ser “apenas” um Lancia. Por isso e pelo seu design diferente, não foi apreciado pelo público europeu. No entanto, em Portugal, exemplares do Thesis estão à venda ainda por 20.000€.

5. Aston Martin Lagonda Shooting Brake

lagonda

Quem imaginaria que a Aston Martin, que conta no seu palmarés com carros que são verdadeiras obras de arte, teria um lugar neste ranking. Mas é verdade. Esta carrinha produzida nos anos 70, tinha a função de impulsionar as vendas da Aston Martin, que vinha atravessando um período de recessão. Para isso, a marca apostou num design arrojado e num conceito diferente. No entanto, não foi muito bem sucedido.

As linhas demasiado futuristas, chamemos-lhe assim, eram e continuam a ser estranhas, e os 380.000€ pedidos hoje em dia pelos exemplares desta carrinha da Aston Martin devem-se única e exclusivamente à sua raridade. No entanto, em 2018, a marca britânica resolveu reavivar o nome Lagonda, e apresentou no Salão Automóvel de Genebra um protótipo do novo Aston Martin Lagonda. E a julgar pelas reações, desta feita será um sucesso de vendas.

4. Pontiac Aztek

carros-mais-feios-de-sempre

Decididamente um dos carros mais feios de sempre, o Pontiac Aztek foi um SUV da marca americana, produzido entre 2001 e 2005. As linhas bizarras da carroçaria do Aztek não deixaram que tivesse expressão significativa no mundo automóvel. No entanto, o design deste carro tinha uma explicação: foi projetado para ser um veículo de todo-o-terreno, e na compra deste carro, era incluída uma tenda de campismo, que juntamente com a mala, seriam o abrigo perfeito dos seus ocupantes durante a noite.

Apesar do conceito inovador, as características deste carro não eram as melhores para fazer todo-o-terreno, e por isso o Aztek foi condenado ao fracasso. Atualmente, o valor comercial destes carros nos Estados Unidos é de 3.500$.

3. Subaru Tribeca

subaru

A Subaru, impulsionada pelos seus sucessos no mundial de ralis com o Subaru Impreza, resolveu seguir a onda dos todo-o-terreno e lançou o Tribeca. Este estranho SUV foi produzido entre 2006 e 2014, embora tenha visto a sua cara ser renovada algumas vezes. Apesar das suas competências e aptidões fora de estrada, este modelo não vingou, e foi apenas vendido em alguns países, nomeadamente Japão, Estados Unidos e Canadá. Atualmente são vendidos por cerca de 15.000$ nos Estados Unidos.

2. Ssangyong Action

ssangyong

Se o objetivo da Ssangyong era ser conhecida fosse qual fosse o motivo, a verdade é que com o Rodius e o Action tornou-se famosa por ser protagonista de alguns dos modelos mais estranhos de carros alguma vez feitos. O design diferente e o chassis antiquado e desadequado para um SUV fizeram com que este modelo não representasse um papel importante na história do automobilismo, sendo desconhecido pela maior parte da população mundial. No entanto, ainda é produzido e vendido em alguns países.

A explicação poderá estar no motor, visto que é fornecido pela Mercedes, o que é sinónimo de fiabilidade e longa duração. O valor de mercado para estes carros em Portugal é de 10.000€.

1. Fiat Multipla

carros-mais-feios-de-sempre

Embora a ordem desta lista possa ser subjetiva para o leitor, este carro dificilmente não leva o troféu de “carro mais feio de sempre”. O Fiat Multipla não é bonito, isto é um dado adquirido. No entanto, foi exposto no Museu de Arte Moderna de Nova Iorque em 1999, ano em que foi considerado o melhor carro do ano pelo famoso programa britânico de automóveis “Top Gear”.

Curiosamente, nesse mesmo dia em que foi considerado o melhor carro do ano, foi considerado um dos carros mais feios de sempre, pelo mesmo programa. Este bizarro veículo de 6 lugares (3 à frente e 3 atrás) era bastante prático, o que, aliado ao baixo preço, o tornaram o carro do ano em 1999. O valor do Fiat Multipla atualmente em Portugal é de 2.000€.

Veja também:

Marvin Tortas Marvin Tortas

Licenciado em Ciências da Comunicação, homem do Norte, apaixonado por carros e com experiência em desporto automóvel. A seguir a mamã e papá, as palavras Ferrari, Mercedes, Audi e Fiat foram respetivamente as 3ª, 4ª, 5ª e 6ª palavras do seu vocabulário.

Também lhe pode interessar: