Publicidade:

Casas do banco: tudo o que deve saber

Sabia que se optar por comprar casas do banco as condições podem ser claramente superiores? Descubra tudo neste artigo e decida o melhor para si.

Casas do banco: tudo o que deve saber
Aproveite imóveis de retoma bancária

Se está nos seus planos a curto prazo comprar uma casa, vamos dar-lhe um conselho precioso: não se fique pela pesquisa dos imóveis tradicionais – equacione casas do banco! Além de por vezes se encontrarem verdadeiras pechinchas, muitas delas estão em excelente estado de conservação e as condições de financiamento são bem atrativas e facilitadas.

Mas, será que está a pensar: “porque é que os bancos oferecem assim tão boas condições? Afinal de contas, ninguém dá nada a ninguém…” – Sim, é verdade, mas também é verdade que os bancos vivem de liquidez financeira e não de património imobiliário acumulado.

Por isso mesmo, eles acabam por oferecer as melhores condições possíveis de forma a aumentarem as probabilidades de transformar essas casas do banco em dinheiro vivo.

Um guia prático para quem equaciona comprar casas do banco


13 conselhos para comprar casa de forma segura e consciente

Principais vantagens ao comprar casas do banco

Spreads mais reduzidos

O spread é aquele ‘palavrão’ que todos ouvimos na hora de procurar uma casa para comprar mas que na verdade a maioria não sabe bem o que é. Trocando por miúdos, podemos dizer que o spread não é nada mais nada menos do que o lucro que o banco vai ter com o empréstimo.

Por isso, para si, quanto mais baixa melhor. Há cerca de um a dois anos os spreads eram quase impraticáveis (3,5% a 4%), hoje em dia eles já estão mais acessíveis.

No caso das casas do banco este valor ainda fica mais reduzido dado o grande interesse de se concretizar negócio. Se aliar a estas condições fixas uma avaliação tremendamente positiva, poderá conseguir beneficiar de ainda mais umas décimas de redução de spread.

Empréstimo de 100% da avaliação

Nas casa ditas ‘tradicionais’, o mais comum de encontrar são bancos e entidades credoras que garantam um financiamento de 70 a 80% do valor da avaliação (sim, nem sequer é do valor da casa). Mas o caso muda de figura no caso dos imóveis penhorados pelos bancos. Esta é, aliás, uma das grandes vantagens em comprar à banca.

A maioria das instituições financeiras permite o financiamento até 100% do valor do imóvel caso seja do banco, ou seja, se o imóvel for avaliado em 100 mil euros, poderá pedir 100 mil euros, sem ser necessário qualquer montante de entrada.

Penhoras: tudo o que deve saber >>

Prazos mais alargados e existência de períodos de carência

Sabia que se optar por casas do banco, existem situações em que o período de empréstimo pode ir até aos 50 anos? Verdade, 50 anos! Se nas situações usuais, o período é de 30 a 40 anos, nestes casos existe uma maior flexibilidade, desde que a idade no final do contrato não seja mais de 75 ou 80 anos. No entanto, saiba que quanto maior o prazo, mais juros irá pagar no total.

Além disso, com este tipo de casas é muito comum ter a possibilidade de optar pela opção denominada de “carência de capital” que consiste na possibilidade de, durante um determinado período (normalmente nos primeiros 5 anos), poder apenas pagar os juros. Uma vez que só paga juros, a prestação vai ser bastante menor. No entanto, quando terminar esse prazo e começar a pagar juros e o capital em dívida, naturalmente a prestação será maior.

Redução de custos e encargos

Quando solicita um crédito à habitação, não é só nos custos da prestação propriamente dita que tem de pensar. Existem uma série de comissões e encargos burocráticos inerentes ao processo que podem chegar aos 10 mil euros! Comissão de abertura, de estudo de dossier, avaliação do imóvel, escritura, custos notariais, entre outros são alguns dos custos que por vezes os próprios bancos suportam no caso de optar por um dos seus imóveis.

Potencial fonte de investimento e rendimento

Comprar uma casa penhorada pelo banco pode representar um bom investimento. Se possuir um dinheiro de parte para investir e apanhar uma boa oportunidade, esta pode ser uma excelente fonte de rendimento dado que mais tarde pode voltar a vender e conseguir alguns milhares de euros de lucro.

Tudo sobre a venda de bens penhorados pelo banco >>


Principais desvantagens ao comprar casas do banco

Escolha limitada

Esta é uma desvantagem que não há mesmo volta a dar: para comprar casas do banco, tem mesmo de se cingir à oferta do momento que é, naturalmente, bem mais pequena do que as ofertas do mercado ‘normal’. Mas não perca a esperança, vá procurando bem e a sua oportunidade vai chegar!

Problemas com antigos proprietários

Muitas vezes, estas casas recuperadas pelo banco não terminam com processo muita ‘amigáveis’. E já aconteceu os novos donos se quererem instalar ou começar a fazer umas obras e os antigos donos – agora devedores – se recusarem a sair o que torna o processo mais moroso.

Dívidas anteriores

Tenha muito cuidado nesta questão: ao comprar casas do banco, assegure-se que não existem dívidas para trás, seja de contas de água, luz e gás ou mesmo de condomínio. Caso contrário vai herdar surpresas desagradáveis.

Onde pode comprar casas do banco?

Os imóveis da banca são disponibilizados em vários canais:

  1. Balcões das instituições bancárias;
  2. Sites de mediadores imobiliários parceiros dos bancos;
  3. Sites especializados na compra, venda ou arrendamento de imóveis;
  4. Sites imobiliários das próprias instituições financeiras;
  5. Portal das Finanças.

Na hora de comprar, pesquise bem todas as suas opções para assim conseguir decidir da melhor maneira. Feitas as contas, as vantagens ultrapassam largamente as desvantagens. Aponte as nossas dicas e comece a explorar esta possibilidade!

Ver também:

Limpeza e Arrumação