Publicidade:

As 9 cidades menos amigáveis do mundo

Há cidades mais simpáticas que outras, independentemente da sua beleza ou história. Descubra as cidades menos amigáveis do mundo.

As 9 cidades menos amigáveis do mundo
Conheças as cidades que têm características menos simpáticas

Quando viajamos, há diversos fatores a ter em conta. A distância, a meteorologia, se é uma cidade cara ou barata e, sobretudo, se os índices de segurança das cidades afetam, diretamente, quem as visita. Quem diz índices de segurança, diz também a hospitalidade e a acessibilidade da mesma. No fundo, tudo o que torna uma cidade mais ou menos amigável. Neste artigo, e com base num inquérito da revista de viagens Travel & Leisure,  damos-lhe a conhecer algumas das cidades menos amigáveis do mundo.

Sabia que, segundo um estudo da InterNations citado pela Forbes, Portugal é o país mais amigável do mundo? Simpatia, facilidade em fazer amigos e o número de pessoas que gostavam de cá ficar para sempre foram aspetos levados em conta na avaliação do Ranking e que fizeram a nossa terrinha chegar à medalha de ouro do pódio. E para que, quando viaja, os choques culturais sejam apenas pela cultura em si e não pela diferença abismal do trato, conheça a lista que temos para sim, com os destinos que prometem não ser dos mais hospitaleiros.

Conheça (ou não) as 9 cidades menos amigáveis do mundo


1. Moscovo e St.Peterburgo, Rússia

moscovo

Das cidades menos amigáveis do mundo, destaca-se Moscovo, na Rússia. Porque? Pela falta de afabilidade e disponibilidade dos locais em ajudar forasteiros. Parece que neste país impera o frio, não só no Inverno, mas no temperamento dos habitantes.

Também se registaram queixas de viajantes no que toca à gastronomia e na falta de tradução de placas sinalizadoras de locais e até no metro. Apesar da sua indelével história e pitoresca arquitetura, visitar alguma destas cidades russas pode ser considerado tarefa difícil.

2. Marselha, França

É um local de passagem para outros destinos do sul de França, mas também um destino com considerável afluência turística… Porém, não é considerada uma cidade amigável. Vários turistas se queixaram por se sentirem pouco seguros e também pela pouca hospitalidade dos locais. Além disso, dizem que não é uma cidade bem cuidada e chega a ser um pouco sombria.

3. Filadélfia, Estados Unidos

filadelfia

filme homónimo tornou-a numa das cidades mais famosas do mundo. Cheia de história, é também uma cidade cheia de habitantes fervorosos por futebol americano e basebol – e que, por isso – diz quem por lá passou- , é agressiva em dias de jogos.

Se, por um lado, Nunca Chove em Filadélfia, por outro, é preciso ter especial atenção no que toca à escolha da indumentária: cores que remetam às equipas adversárias em dias de jogo (e não só) são um convite a insultos. Talvez neste caso, nem de preto não se comprometa.

4. Atlantic City, Estados Unidos

É, por alguns, considerada a parente pobre de Las Vegas e, talvez por isso, a falta do glamour que impele aos casinos seja compensada pelos comportamento rudes dos habitantes – o que torna a cidade numa das menos amigáveis do mundo.

Além disso, a cidade foi uma das afetadas pelo furacão Sandy, em 2012, o que pode de certa forma justificar a falta de empatia dos locais. Entendendo que não encontrará a hospitalidade característica de outras cidades, não deixa de ser um local a destacar do mapa para quem gosta de cidades movimentadas, com longos passeios e de, claro, de tentar a sorte num dos muitos casinos que dispõe.

5. Shangai, China

shangaiFonte: Unsplash/zhangkaiyv

Muitos dos visitantes inquiridos pela T&L, relatam que a cidade é “esmagadora” e “densamente lotada”. Acrescenta-se o facto das pessoas se focarem demasiado nelas próprias e serem pouco empáticas. Fazer uma pergunta a um transeunte é, por isso, bem mais difícil do que misturar-se com a mancha cultural da cidade.

6. Marrakesh, Marrocos

marrakeshFonte: Unsplash/anniespratt

Marrakesh é uma meca turística e os locais não se fazem de rogados quando se trata de tirarem partido da situação. Apesar de não serem abordadas questões relativas à segurança, andar pela cidade sem ser constantemente importunado para tentar negócios, experimentar iguarias, tirar fotografias… Enquanto que os seus jardins e estonteantes padrões de cores encantam qualquer turista, afastar-se dos vendedores e das suas incansáveis abordagens, torna esta cidade numa das menos amigáveis do mundo.

7. São Petersburgo, Rússia

Mais uma cidade Russa considerada como uma das menos amigáveis do mundo. Embora tenha monumentos fascinantes, São Petersburgo apresenta o mesmo problema já referido na cidade de Moscovo: a frieza e falta de simpatia dos seus habitantes.

8. Los Angeles, Estados Unidos

Los Angeles, uma das capitais do cinema, atrai pessoas de todo o mundo que despendem muito dinheiro para sentir de perto o fenómeno da cidade. No entanto, a maioria dos turistas inquiridos revela que os habitantes de Los Angeles são tudo menos agradáveis, transmitindo a sensação de que só estão interessados no dinheiro dos turistas e não no seu conforto e na sua satisfação.

9. Nova Iorque, Estados Unidos

nova iorque

Nova Iorque já foi considerada a cidade menos amigável do mundo. Porquê? Segundo os leitores da T+L, a cidade que não dorme é, realmente, muito completa, mas é, também, um mundo à parte – o que faz com que seja difícil contar com as pessoas para ajudarem ou darem informações, principalmente para quem é de fora.

Veja também: