Publicidade:

5 coisas nas quais não deve gastar dinheiro

Sabia que há coisas nas quais não deve gastar dinheiro, pois pode consegui-las gratuitamente? Veja quais são esses bens materiais e poupe centenas de euros.

5 coisas nas quais não deve gastar dinheiro
Aproveite estas dicas para poupar

Existem determinadas coisas nas quais não deve gastar dinheiro, pois pode obtê-las de forma gratuita. Muitas pessoas que colocam esta dica em prática acabam por economizar centenas de euros por ano.

Por isso, se quiser poupar um bom dinheiro, pense nos materiais que costuma comprar e que, na verdade, não seria necessário fazê-lo. Nós vamos dar-lhe uma ajuda ao partilharmos consigo uma pequena lista com alguns desses objetos.

Está a desperdiçar dinheiro se compra estas 5 coisas


1. Maquilhagem e Outros Produtos de Beleza

coisas nas quais não deve gastar dinheiro

É possível experimentar novos produtos de maquilhagem e também outros produtos de beleza sem ter de gastar um cêntimo. Por isso, esta é uma das coisas nas quais não deve gastar dinheiro. Basta solicitar várias amostras grátis sempre que estas surgirem.

Quando estiver no shopping, por exemplo, aproveite para passar por lojas de beleza e retire algumas das amostras que estiverem disponíveis nos locais. Há quem consiga ter inúmeros produtos em casa desta maneira.

2. Artigos de higiene pessoal para as viagens

Outra das coisas nas quais não deve gastar dinheiro é nos pequenos artigos de higiene que precisa de levar consigo quando vai viajar. Aproveite todas as amostras grátis que vai recebendo ou, caso não as receba, todas as que conseguir obter em algumas lojas, e use-as para essas ocasiões.

Assim, conseguirá ter sempre consigo pequenas pastas de dente, amostras grátis de champô e condicionador, pacotes de sabonete líquido ou minúsculos sabonetes, além de várias amostras de frascos de perfume.

3. Livros

coisas nas quais não deve gastar dinheiro

É um leitor ávido e, por isso, não consegue viver sem a frequente compra de novos livros? Acredite que é possível poupar bastante e, ao mesmo tempo, continuar a ter novos livros sempre que quiser.

A sua biblioteca local irá ajudá-lo neste caso, pois é uma ótima fonte para a leitura de inúmeras obras e não lhe cobrará nada por isso. Terá apenas de solicitar nessa biblioteca um cartão de leitor caso queira levar os livros para casa durante uns dias, mas não lhe será cobrado nada por isso. Esta é uma das melhores formas de poupar em livros.

4. Assinatura de revistas

Para quê pagar por várias assinaturas de revistas que não vai ter tempo para ler quando pode fazê-lo de forma gratuita? Há quem receba assinaturas de revistas gratuitas ao longo do ano, conseguindo ficar a par de assuntos relacionados com a Sociedade, a Ciência, a Saúde, o Social, programas em Família, entre outros. Aproveite também esta oportunidade quando lhe surgir.

Até lá, existem inúmeros sites e outras revistas que lhe fornecem informações sem lhe cobrarem qualquer dinheiro por isso.

5. Software de Computador e Serviços Online

coisas nas quais não deve gastar dinheiro

Esta é mais uma das coisas nas quais não deve gastar dinheiro. Há quem já tenha deixado de pagar softwares de computadores e serviços online há anos.

Há cada vez menos necessidade de gastar dinheiro nestes artigos, devido à crescente quantidade de programas excelentes que se encontram gratuitamente disponíveis na Internet.

Há quem use alternativas gratuitas para o Microsoft Office, bem como processadores de texto independentes e softwares de apresentação. Existem ainda programas antivírus gratuitos, além de editores de fotos e de edição, entre outros.

Veja também:

Cátia Tocha Cátia Tocha

Formada em Ciências da Comunicação pela Universidade Autónoma de Lisboa, onde concluiu Licenciatura e Mestrado, começou o seu percurso como jornalista na Rádio. Hoje, escreve sobre diferentes áreas e tem já alguns anos de experiência na escrita para meios online.

O E-Konomista disponibiliza e atualiza informação, não presta serviços de aconselhamento fiscal, jurídico ou financeiro. O E-Konomista não é proprietário nem responsável pelos produtos e serviços de terceiros apresentados, por conseguinte não será responsável por quaisquer perdas ou danos que possam resultar de quaisquer imprecisões ou omissões. A informação está atualizada até à data apresentada na página e é prestada de forma geral e abstrata, tratando-se de textos meramente informativos, pelo que não constitui qualquer garantia nem dispensa a assistência profissional qualificada. Se pretender sugerir uma atualização, por favor, envie-nos a sua sugestão para: [email protected].