Publicidade:

10 coisas que não deve deitar fora

Todos os dias produzimos quilos e quilos de lixo. Mas há coisas que não deve deitar fora. Listamos 10 para as quais pode encontrar nova utilidade.

10 coisas que não deve deitar fora
Dos rolos de papel higiénico a óculos antigos, reutilize os seus objetos

Vivemos na era do descartável em que o ciclo de vida dos objetos é muito efémero. Se é verdade que “destralhar” faz bem à sua casa, à sua saúde e estado de espírito, também é verdade que há coisas que não deve deitar fora. O desapego material pode ser contra balançado com o reaproveitamento das suas coisas.

Há muitos objetos que podem ganhar nova vida, serem reutilizados. Fazer isso permite-lhe poupar dinheiro, recursos e, na maior parte dos casos, o ambiente, uma vez que evitamos a produção de novos produtos, o que causa poluição. Se não encontrar utilidade para algum dos seus objetos, veja se é possível doar ou enviar para a reciclagem antes de deitar ao lixo.

10 coisas que não deve deitar fora

coisas-que-nao-deve-deitar-fora

1. Aparelhos eletrónicos

Alguns objetos contêm materiais tóxicos que ao decomporem-se poluem o ambiente e a água que consumimos. É o caso dos equipamentos eletrónicos como os telemóveis, carregadores ou computadores. Reencaminhe esses objetos para empresas especializadas na reciclagem de aparelhos. Algumas, inclusive, pagam um valor simbólico por cada equipamento.

2. Frascos e garrafas

Outra das coisas que não deve deitar fora são as garrafas, frascos e potes de vidro ou cerâmica. As garrafas podem ser utilizadas para servir água ou outra bebida evitando as embalagens de plástico. Os frascos e potes também dão sempre jeito para guardar as especiarias que comprou ao quilo, a compota caseira que resolveu fazer ou mesmo para organizar gavetas e guardar pequena bijuteria.

3. Rolhas de cortiça

As rolhas de cortiça podem ser transformadas em lindas peças de decoração. De bases para quentes a tapetes de entrada, molduras ou outras peças de decoração, são imensas as utilidades das rolhas. É só abrir o Pinterest para se inspirar. Da próxima vez que beber vinho guarde a rolha. Vá guardando até ter uma quantidade generosa e depois ponha mãos à obra dando asas à criatividade.

4. Móveis velhos

Se tem uns móveis lascados lá por casa ou herdou uns quantos da família que já são velhos não os dê por perdidos. Usando um pouco de imaginação e paciência pode recuperar esses móveis criando peças únicas para a sua casa. Pintar de uma cor diferente, forrar com papel ou tecido, ou mudar os puxadores pode ser o suficiente para lhes dar nova vida. Veja aqui algumas ideias.

5. Peças antigas

Objetos antigos como gira-discos ou grafonolas podem também ser restaurados para peças de decoração. Estes objetos são daquelas coisas que não deve deitar fora porque podem valer dinheiro. Se não as quiser manter, considere vender a colecionadores ou lojas de antiguidades.

6. Escovas de dentes gastas

Os dentistas aconselham mudarmos de escova de dentes a cada dois ou três meses. Se costuma deitar fora as suas escovas de dentes gastas estenda um pouco mais o seu tempo de vida reutilizando-as para outros fins. Estas escovas velhas podem servir para limpar as juntas dos azulejos e cantos de mais difícil acesso na casa de banho ou cozinha. Coloque-as no cesto dos detergentes e panos de limpeza para não se esquecer de as usar.

7. Frascos de spray

Mantenha algumas embalagens vazias de produtos de limpeza com sistema de spray. Quase todas as marcas vendem a recarga que fica mais barata do que comprar o sistema de spray de novo. Se se quiser aventurar a fazer os seus próprios produtos de limpeza estas embalagens também podem ser úteis. Ou simplesmente para usar para borrifar água para as plantas (depois de lavar muito bem a embalagem, claro!).

8. Óculos

Se usa óculos provavelmente tem uns quantos perdidos nas gavetas a ganhar pó. Em vez de os deitar fora faça uma doação a uma instituição de solidariedade. No mundo existem muitas pessoas com problemas de visão e sem dinheiro para comprar óculos. Se doar os que já não usa o seu lixo vai se transformar num luxo para essas pessoas necessitadas.

9. Camisolas e atoalhados velhos

Tem um monte de t-shirts com buracos, nódoas ou que já perderam elasticidade? Os lençóis de solteiro já têm partes quase transparentes de tão usados que estão? O lógico seria pôr ao lixo mas estas são coisas que não deve deitar fora. Aproveite para transformar estas peças em panos de limpeza ou para fazer sacos para ir às compras e evitar os de plástico. No caso da roupa, tente transformar numa outra peça customizando-a (use bordados, patchwork ou recortes) ou em pulseiras, tapetes de pano, e outros acessórios.

10. Tubos dos rolos de papel

Os tubos dos rolos de papel higiénico, de cozinha, alumínio ou película são excelentes para reutilizar, sobretudo se tiver crianças. Com um pouco de imaginação pode construir brinquedos a partir destes rolos que também dão imenso jeito quando há projetos da escola que envolvem trabalhos manuais. São bons também para organizar gavetas e secretárias, para guardar cabos, para fazer pequenas embalagens e até presentes.

Veja também:

Alexandra Nunes Alexandra Nunes

Alexandra Nunes é jornalista com experiência em imprensa e rádio. Depois de quase uma década a trabalhar na Rádio TSF partiu rumo ao Médio Oriente. A sede de conhecer novos mundos levou-a até ao Dubai, onde vive atualmente. Por lá, tem-se dedicado a explorar novas áreas da Comunicação e escreveu a biografia “Uma Mulher no Topo do Mundo” sobre a primeira portuguesa a chegar ao topo do Monte Evereste. É apaixonada por viagens, pessoas e as suas estórias.