Publicidade:

10 coisas que não deve limpar com vinagre

Apesar de ser um excelente aliado das limpezas lá de casa, não pode ser usado em tudo! Conheça as 10 coisas que não deve limpar com vinagre.

10 coisas que não deve limpar com vinagre
Sabia que nem sempre deve usar este produto?

Sabia que há coisas que não deve limpar com vinagre, sobretudo devido aos altos níveis de acidez do produto?

É verdade que o vinagre é um dos nossos melhores amigos na limpeza e higienização da nossa casa. Excelente a remover determinadas nódoas, a lavar janelas, a limpar eletrodomésticos e em muitas outras situações, é também um produto barato e sem químicos.

Guarde este guia como se se tratasse dos 10 mandamentos das limpezas e evite desgastes de materiais desnecessários, alguns percalços que não vai querer e despesas que não vai querer suportar.

10 coisas que não deve limpar com vinagre: o guia com o ABC do produto


O vinagre tem qualidades muito bem-vindas na hora das limpezas, disso não há qualquer dúvida! É desengordurante, elimina odores desagradáveis e funciona como agente antissético e desinfetante. Já para não falar que é uma excelente alternativa para quem tem animais em casa ou possui alguma alergia a produtos químicos.

No entanto, nem tudo são rosas… Existem algumas coisas que não deve limpar com vinagre, seja por risco de dano ou até mesmo porque simplesmente não é suficientemente eficiente. Confira a lista dos 10 itens a manter longe da vista (e do pano) do vinagre.

1. Balcões de granito e mármore

Limpar com vinagre

A acidez do vinagre pode causticar a pedra natural, pelo que deve evitar o seu uso nos balcões da cozinha ou mesmo na loiça das casas de banho se forem feitos de mármore, granito ou mesmo outras pedras naturais.

Para este tipo de objetos, deve preferir produtos menos agressivos, como um detergente líquido neutro e próprio para estes materiais, diluído em água morna.

2. Azulejos ou mosaicos de pedra

É bastante comum pensarmos em utilizar vinagre para fazer aquela limpeza mais profunda aos azulejos ou mosaicos lá de casa. Mas saiba que eles são, na verdade, outras das coisas que não deve limpar com vinagre. E porquê? Porque tal como nos balcões que referimos no ponto anterior, os azulejos e os mosaicos feitos de pedra, muito comuns nas casas de banho e cozinhas por exemplo, não suportam bem a acidez do vinagre.

Nas primeiras utilizações pode até nem notar nenhuma diferença. Mas se usar de forma consistente e regular o vinagre nestas superfícies, vai certamente diminuir o seu tempo de vida.

3. Monitores e televisores

Sabe como limpar ecrãs sem enganos? Dicas para qualquer equipamento tecnológico

Fuja do vinagre para estes itens! Monitores e televisores, desde o computador ao tablet ou mesmo smartphone não devem nunca ser limpos com vinagre. Isto porque estes produtos possuem uma fina camada de óleo que limita as manchas e as marcas das impressões digitais e o ácido do vinagre vai com muita probabilidade pode remover esta camada. Recomenda-se assim que não utilize este produto nos ecrãs, sejam ou não sensíveis ao toque.

4. Nódoas ou manchas de ovo

Se deixar cair um ovo ao chão, não tente limpar com vinagre. E sabe porquê? Porque a acidez do vinagre vai fazer com que o ovo coagule e consequentemente a mancha provocada pelo ovo vai ser muito mais difícil de remover.

Nestes casos, a rapidez de atuação é fundamental: quanto mais depressa limpar, mesmo que seja apenas com um pano húmido, mais facilmente sairá a mancha.

5. Panelas e frigideiras

Como limpar tachos queimados em passos simples

Sabia que o aço e o alumínio são superfícies bastante reativas? E é por isso mesmo que são ambas coisas que não deve limpar com vinagre.

Caso esteja a pensar fazer aquela limpeza profunda anual, prefira fazê-lo apenas nos trens que sejam feitos à base de aço inoxidável ou de aço com revestimento antiaderente.

Passos simples para limpar tachos queimados >>

6. Ferro de engomar

O vinagre pode danificar as peças do interior do seu ferro. Ainda que tenha ouvido falar nas propriedades benéficas para a limpeza no geral do vinagre, não verta este líquido para dentro do ferro para o limpar ou refrescar. Para proceder à limpeza correta do seu ferro, deve sempre seguir as indicações do fabricante.

7. Soalhos de madeira

Embora algumas pessoas sejam da opinião de que não existe qualquer problema de limpar com vinagre soalhos em madeira, outros afirmam que o vinagre danifica o tratamento e o acabamento da madeira.

Pelo sim e pelo não, o mais sensato será utilizar produtos específicos para a limpeza de madeiras ou então, se quiser mesmo utilizar vinagre, faça uma diluição em bastante água.

Saiba como limpar madeira da forma correta >>

8. Superfícies enceradas

O vinagre, devido à sua forte acidez, quando em contacto com superfícies com uma camada superior de cera, vai acabar por ‘corroer’ esta camada. Por exemplo, se aplicar vinagre no capô do seu carro, ele vai acabar por eliminar aquela camada brilhante do caro… A única situação em que poderá fazê-lo será para limpar antes de aplicar uma nova camada de cera.

Há 7 coisas que está a fazer mal ao limpar a casa de banho >>

9. Algumas nódoas mais teimosas

As nódoas provocadas pela relva, por tinta de esferográfica, por certos gelados ou por sangue, ao contrário do que se pensa no senso comum, não costumam sair com vinagre. Normalmente, estas nódoas penetram rapidamente nos tecidos, o que dificulta a sua remoção, mesmo usando o vinagre.

10. Mofo e bolor

como limpar o bolor nas paredes

Se tiver mofo, humidade ou manchas de bolor lá por casa, não se fique apenas pelo vinagre. Isto porque, apesar de aparentemente a mancha ficar removida e eliminada, o vinagre apenas vai limpar de forma superficial e os malefícios destes problemas permanecem dentro de sua casa.

Saiba como limpar o bolor das paredes >>

Não dizemos com isto que deve deixar de utilizar este produto – até porque ele é realmente muito eficaz para mil e uma coisas na lide da casa. Deve apenas ter em consideração que existem algumas coisas que não deve limpar com vinagre.

Veja também:

Helena Peixoto Helena Peixoto

‘If you can dream it, you can do it’: é assim que gosta de pensar e viver a vida. Casada, com um filho e com um cão, vê na família e amigos os seus bens mais preciosos, mas não passa sem um bom desafio profissional. Comunicar é a ‘sua praia’, seja em canais mais institucionais ou meios mais informais. Adora um bom filme, uma viagem dentro ou fora do país, é apaixonada por animais e anda sempre ‘à caça’ das últimas promoções.

Limpeza e Arrumação