Publicidade:

19 coisas que não deve mandar pela sanita

Estas são 19 coisas que não deve mandar pela sanita e que deve incitar os outros a não o fazer também. Não o faça, pelo bem dos seus canos.

19 coisas que não deve mandar pela sanita
Proibido despejar pelo autoclismo

Antes de mandar cabelos, toalhitas, medicamentos ou até mesmo discos de algodão pelos canos abaixo, pense duas vezes; afinal, estas são algumas das coisas que não deve mandar pela sanita. Os danos podem ser maiores do que imagina.

Seja por grandes probabilidades de entupir os canos, estragos nas canalizações ou pela necessidade de contratar depois um picheleiro – que lhe pode custar centenas de euros -, deve evitar a todo o custo puxar o autoclismo com este tipo de produtos na sanita.

19 coisas que não deve mandar pela sanita em caso algum


8 métodos caseiros para desentupir a sanita de uma vez por todas

1. Cabelos

É verdade: cabelos não devem ser mandados pela sanita abaixo. É um hábito bastante comum pegarmos na escova do cabelo, retirar os cabelos que ficam agarrados e deitá-los pela sanita abaixo, mas a verdade é que não o deve fazer porque os fios não se desfazem e acumulam-se nos canos, podendo criar um grande problema à sua casa de banho. Prefira sempre colocar no balde do lixo.

2. Algodão

Seja algodão em discos ou em bolas, em nenhum dos casos deve colocar na sanita. Este material não se degrada e pior do que isso, é um material que incha quando em contacto com a água. Já está a ver que não pode ser muito positivo para os seus canos…

3. Toalhitas

Toalhitas. Não, as toalhitas não se desfazem como o papel! Estas são, aliás, algumas das coisas que não deve mandar pela sanita em caso algum. Além de não se degradarem e poderem causar sérios estragos em termos de canalização, são verdadeiras ameaças para o ambiente e para a poluição das nossas águas. Começam a existir algumas exceções de marcas que fabricam toalhitas próprias para colocar na sanita, mas, na dúvida, não as coloque.

4. Preservativos

O material de que são feitos os preservativos – látex – não é biodegradável e, como tal, deve entrar na lista das coisas que não deve mandar pela sanita. Além do risco de entupimento, imagine o que é estar a nadar no mar ou no rio e dar de caras com um preservativo usado… Não vai querer que isto aconteça, certo?

5. Medicamentos

Os medicamentos são potenciais contaminadores das águas e são por isso, bastante perigosos até de se despejar pela sanita. Se já não usa ou algum medicamento está fora de prazo, entregue na sua farmácia mais próxima e eles encarregam-se de tratar do assunto.

6. Fezes do gato

É verdade! A nossa canalização está super preparada para receber as nossas fezes, mas quando falamos das dos gatos já não é tão claro quanto isso. Isto deve-se sobretudo ao facto da maioria dos gatos fazer as suas necessidades nas caixas de areia. E ao retirar as fezes vêm sempre areias atrás, que podem danificar e até corroer os canos.

7. Fio dentário

Outra das coisas que não deve mandar pela sanita é o fio dentário. Aparentemente inofensivo e de dimensão quase irrisória, além de não ser biodegradável pode prender-se a algum outro objeto e impedir a passagem da água canalizada. Tal como os cabelos, estes fios não se desfazem e acumulam-se em “ninhos”.

coisas que não deve deitar pela sanita

8. Químicos

Todos os produtos químicos que não pertencem à casa de banho devem ser evitados de serem deitados na sanita, pois podem poluir muito as águas e colocar em causa a fauna e flora marinha.

9. Óleos

Os óleos e as gorduras são duas coisas que não deve mandar pela sanita. Por um lado, eles podem ficar mais sólidos e entupir os canos; por outro, eles são verdadeiras ameaças à limpeza das águas dos esgotos, pois em contacto com outros objetos criam a chamada fatberg– um tipo de matéria gordurosa praticamente impossível de destruir.

10. Manteiga e margarina

Até pode ter deitado a manteiga derretida pela sanita, mas a temperaturas baixas ela vai voltar a solidificar e, nessa altura, pode acabar por criar um obstáculo de passagem da água.

11. Borra de café

Sim, as borras de café são outra das coisas que não deve mandar pela sanita. Uma vez que não são completamente solúveis, quando misturadas com gorduras que já podem estar nos canos, vai gerar-se uma bola bastante difícil de destruir e de remover. É preferível usar as borras na terra ou deitá-las no lixo doméstico.

12. Autocolantes das frutas

Tão pequeninos… Como podem fazer estragos na canalização? É verdade que apenas um autocolante, muito dificilmente, fará estragos. Mas, imagine um acumular de dezenas ou até centenas de autocolantes da fruta colados nos canos… Podem até bloquear a passagem da água.

Há 12 coisas que o canalizador não lhe diz… Descubra-as >>

13. Animais de estimação

Não, não é brincadeira. Não é pouco comum encontrar nos esgotos peixes de estimação ou até mesmo hamsters e ratos-do-deserto que as pessoas deitam pela sanita abaixo. Por questões ambientais e morais, esta é claramente das piores coisas que pode decidir mandar pela sanita.

14. Fraldas

Se mandar um preservativo pela sanita já é errado, imagine uma fralda. E se um preservativo faz os estragos que já referimos, imagine também o quanto podem ser prejudiciais as fraldas. Nunca as deite pelo cano abaixo.

15. Comida

Se aparentemente um pedaço de pão não causa problemas de maior dimensão, o mesmo não acontece com pedaços de ossos (ex: costelinhas) ou até com um caroço de uma maçã. Não deite na sanita restos de comida.

16. Tinta e resíduos de construção

É bastante usual que uma pessoa, depois de fazer as suas bricolages, limpe os materiais e deite a água usada pela sanita. Não o faça – a tinta é mais um produto que, claramente, não deve fazer parte do esgoto, nem do que vai pela sanita abaixo.

Como desentupir canos: 8 métodos caseiros e simples >>

17. Pastilha elástica

Todos sabemos o quão pegajosa pode ser uma pastilha elástica, sobretudo depois de ser mastigada. E é por essa sua característica que as chicletes são coisas que não deve mandar pela sanita – já para não falar da poluição que causam.

18. Beatas de cigarro

As beatas de cigarro são dos materiais mais encontrados nos esgotos – e que mais trabalho dão aos trabalhadores das ETARs. Além da grande probabilidade de provocar entupimentos, são imensamente poluidores das águas.

19. Papel de cozinha

Apesar de muitas vezes equiparados, o papel de cozinha em nada tem a ver com o papel higiénico em termos de propriedades. Como são fabricados para terem bastante resistência, ele vai precisamente resistir mesmo dentro dos canos e inchar com a água. Resultado possível? Uma bola gigante que impede a passagem da água.

Veja também:

Limpeza e Arrumação