Publicidade:

Como apagar ficheiros definitivamente

Saiba como apagar ficheiros definitivamente de forma a nunca mais os recuperar ou aceder. Esvaziar a reciclagem do seu aparelho não chega.

Como apagar ficheiros definitivamente
Não basta esvaziar a reciclagem

Se pensa que basta esvaziar a reciclagem, desengane-se (rapidamente). O mundo informático é, de facto, muito complexo e nem tudo o que pode parecer simples o é realmente. Saber como apagar ficheiros definitivamente é muito útil se quer eliminar o rasto de determinados elementos.

Como apagar ficheiros definitivamente sem os recuperar?


portatil

Antes de avançar, e se facto procura uma solução para eliminar ficheiros de forma definitiva, aconselhamos a que faça, primeiro, uma triagem a tudo aquilo que quer apagar. É importante que tenha a certeza de quais os ficheiros que quer eliminar porque esta é uma ação irreversível.

Ora, antes de lhe explicarmos como apagar ficheiros definitivamente, importa que veja e reveja a sua seleção inicial, isto porque não basta enviar os ficheiros para a reciclagem e, depois, esvaziá-la. Como dissemos, o mundo informático é mais complexo do que parece e nem todas as ações são assim tão simples, ainda que o levem a crer que sim.

Quando envia um ficheiro para o “lixo” e de seguida o esvazia, isto não significa que aquilo que eliminou tenha sido apagado permanentemente. O que acontece é que o ficheiro passa a ser invisível para o utilizador, mas nunca para o computador.

Quando apaga um ficheiro, ele é visivelmente eliminado, mas continua presente no disco rígido do PC. Aquilo que acontece é que, esse ficheiro, irá permanecer lá “guardado” até que seja substituído por outro mais tarde. O processo é sempre este e repete-se em loop à medida que vai esvaziando a reciclagem.

Assim sendo, explicamos-lhe de seguida como apagar ficheiros definitivamente, algo que se aplica ao computador propriamente dito. Para tal, vai precisar de uma ajuda extra que não encontra no seu PC, mas consegue através de uma rápida instalação.

Apagar ficheiros em discos HDD

Caso não saiba o que distingue os discos rígidos HDD dos SSD, aconselhamo-lo a consultar este artigo antes de prosseguir com a leitura.

O processo de apagar ficheiros de forma permanente é diferente consoante o disco que tem no computador. Por isso, e antes de tudo, confirme qual o tipo de disco rígido que tem – normalmente, os computadores mais recentes estão equipados com SSD e os mais antigo com HDD.

Só precisa, por isso, de fazer um quick check às informações do seu PC e, se este estiver equipado com um disco HDD, deve então recorrer a programas especializados para eliminar ficheiros permanentemente. Alguns exemplos desses programas são o File Shredder (um dos mais utilizados), o Eraser e o DBAN.

A forma de funcionamento é semelhante entre estes softwares e, em resumo, aquilo que estes fazem é reescrever informação sobre aqueles ficheiros que apagou. Esta “nova” informação é totalmente irrelevante para o utilizador, mas suficientemente útil para se sobrepor à anterior (aquela que quer apagar).

computador

Apagar ficheiros em discos SSD

Exatamente da mesma forma que acontece com os discos HDD, também é possível apagar ficheiros definitivamente em modelos SSD. No entanto, como são componentes com características totalmente diferentes, os programas que lhe demos a conhecer anteriormente não funcionam nestes casos.

Assim sendo, apresentamos-lhe três ótimas opções para apagar ficheiros de forma permanente em discos SSD: o Samsung Magician, o Intel SSD Toolbox e o SanDisk SSD Toolkit. Falamos de programas oficiais, desenvolvidos pelas três principais empresas fabricantes de discos SSD.

Assim sendo, não restam dúvidas sobre a eficácia destes softwares, já que estão devidamente certificados e são de confiança no que toca à sua utilização. O processo mantém-se: ao utilizar um destes programas, será criada nova informação que se irá sobrepor àquela apagada.

Tanto no caso dos disco HDD como nos SSD, o aconselhável é que dê ordem para reescrever informação pelo menos três vezes, mas duas bastarão para eliminar os ficheiros que pretende de forma definitiva.

Esta é uma ação irreversível

E como alertar nunca é demais, voltamos a frisar que a utilização destes programas torna a recuperação dos ficheiros apagados irreversível. Como tal, deve ter a certeza absoluta daquilo que quer apagar para que não se arrependa da sua decisão mais tarde.

Se, ainda assim, considerar este método complicado, aquilo que tem de melhor a fazer é formatar o computador. Este é, também, um método sem retorno, muito utilizado quando, por um motivo ou outro, se quer desfazer do seu PC.

Formatar o computador é, de facto, o método mais rápido que existe para apagar ficheiros permanentemente, mas a principal desvantagem que apresenta é o facto de apagar (mesmo) tudo aquilo que tem guardado no PC. Isso inclui todos os dados que não queria, em primeiro lugar, apagar.

Implica também a eliminação definitiva dos programas que tem instalados e também do próprio sistema operativo que tem instalado. Ainda assim, este é o método mais seguro se pretende, por exemplo, vender o computador ou até apagar toda a informação memorizada de modo a torná-lo mais rápido.

Veja também:

Luísa Santos Luísa Santos

Licenciada em Ciências da Comunicação - Jornalismo, Mestre em Multimédia, cantora sem diploma nas horas livres. Trabalha atualmente em Marketing e Comunicação, é viciada em redes sociais e fervorosa adepta do desenrasque.