Publicidade:

Como ensinar um cão: dicas simples e palavras essenciais

Gostava que o seu cão fizesse truques ou, simplesmente, fizesse as necessidades no sítio certo? Explicamos como ensinar um cão a obedecer aos seus comandos.

Como ensinar um cão: dicas simples e palavras essenciais
Orientações para educar o seu amigo de quatro patas

Tal como as crianças precisam de ser ensinadas a obedecer aos seus pais, os cães também precisam de passar por esse processo de aprendizagem. Se a sua expetativa é ter um cão educado, deve, primeiro, saber como ensinar um cão a obedecer a comandos básicos. Só assim poderá exigir-lhe um comportamento exemplar.

Quer tenha um cão ainda bebé ou já adulto, é possível adestrá-lo. As regras e comandos básicos são os mesmos para educá-lo a fazer as necessidades no sítio certo, para não ladrar continuamente quando tocam à campainha, ou para ensinar-lhe a fazer truques giros – como dar a patinha ou fingir de morto.

Os cães só têm dois tipos de relação com os humanos: a de dominante ou a de dominado. Por isso, é importante que comece por mostrar que quem manda é o dono, que o alfa é o humano e que as regras da sua casa são para cumprir. Quando o seu cão entende as regras da casa, sente-se mais tranquilo e adaptado – logo, sente-se mais feliz.

Como ensinar um cão: regras básicas


como educar um cão

princípios básicos no adestramento dos cães que deve assimilar antes de partir para a ação.

Princípio um: tom de voz e gesto

Embora os cães não entendam a nossa linguagem, eles conseguem interpretar os nossos gestos e tom de voz. Sempre que estiver a ensinar um comando, a palavra deve ser dita de uma forma assertiva, com um tom de voz firme, mas meigo e calmo. A palavra deve ser acompanhada sempre de um gesto correspondente.

Princípio dois: reforço positivo

Para ensinar um cão não precisa, nem deve, ser agressivo ou violento. O adestramento não deve ser feito usando castigos ou repreensão quando o cão faz algo errado ou não cumpre o comando. Pelo contrário, dê-lhe um prémio (algo que ele goste, como uma guloseima ou um mimo) sempre que ele fizer algo certo. Assim vai incentivar a obediência e a boa conduta. O cão vai entender o comando como algo bom, que lhe traz uma recompensa.

Princípio três: treino, muito treino

A persistência e a repetição são elementos chave para conseguir resultados. Faça do treino uma coisa diária e consistente. A tarefa vai exigir-lhe paciência.

Lembre-se que o adestramento não pode incluir: bater no cão, prendê-lo por longos períodos, deixá-lo sozinho e longe das pessoas da casa, provocar o cão ou gritar com ele. Se não conseguir hoje, tente novamente amanhã e depois – e depois ainda. Inclua todos os membros da família no processo.

6 palavras essenciais e como usar


como educar um cão

Os comandos, ou ordens, são a base de como ensinar um cão. Para além da forma assertiva e entoação que usa, as palavras devem, também, ser as certas e curtas. Listamos 6 palavras essenciais para o adestramento que podem ser usadas para educá-lo a ter boas maneiras ou fazer truques. Tome nota.

Não

É importante que o seu cão, sobretudo se ainda filhote, perceba desde logo o que é certo e errado. Diga “não”, erguendo o dedo indicador por exemplo, para o repreender quando faz algo errado.

Dica: não use o nome do cão a seguir para evitar que ele faça essa associação sempre que o chama.

Muito bem

Assim como é importante que o seu animal de estimação entenda que errou, é igualmente importante que saiba quando fez algo certo. Use a palavra “muito bem” quando o recompensar.

Senta

Para manter o seu cão calmo quando tem visitas ou aguarda que o sinal da passadeira fique verde, este comando é importante. Coloque um biscoito numa mão e eleve-a dizendo “senta”.

O seu cão vai olhar para cima e fazer, naturalmente, o movimento para se sentar. Caso contrário, com a outra mão empurre gentilmente o dorso para baixo. Dê-lhe o biscoito como recompensa se ele se aguentar uns segundos na posição.

Fica

Este comando evita que o seu cão saia de onde quer sem autorização e pode, inclusive, garantir que ele se mantém seguro se, por exemplo, estiver a atravessar a rua. Comece o exercício com o animal sentado. Diga o comando e afaste-se lentamente com as mãos abertas à frente dele. Se ele ficar dê-lhe uma recompensa.

Sai

Usar esta palavra é útil quando o seu cão tiver comportamentos indesejados – como, por exemplo, quando ele tenta roubar a sua comida ou se atira a uma pessoa ou outro cão. Coloque um brinquedo ou uma recompensa à frente dele e mantenha as mãos próximas ao objeto. Se o animal quiser pegar nele, cubra-o com a mão e repita de forma assertiva “sai”. Tire a mão e espere novamente que ele obedeça.

Anda

Se quer que o seu cão o siga nas suas caminhadas este comando é essencial. Faça o seu cão sentar-se à sua frente. Com a trela folgada e recompensa nas mãos diga “olha”, para chamar a atenção do animal, depois baixe-se e, tocando na coxa dele, emita o comando “anda”. Puxe levemente a coleira na sua direção, trazendo gentilmente seu cão até si. Recompense-o se ele obedecer e tente sem a trela à medida que ele for progredindo.

Dicas úteis sobre como ensinar o cão


como educar um cão

Clicker

Para além do uso das palavras certas e da recompensa, uma ferramenta útil para dominar a arte de como ensinar um cão é usar um clicker. Este acessório pode ser um excelente complemento ao seus mimos, recompensa e paciência. Muitos treinadores de cães profissionais usam o clicker para ensinar comandos, truques e regras de obediência.

Quando apertado, este instrumento emite um som de click que funciona para o cão como um sinal de que está a fazer a coisa certa. Para ser eficiente, o click tem de ser acionado no exato momento em que o animal cumpre o comando. Assim, o animal vai associar o som a algo certo, tal como acontece com as recompensas e petiscos.

Ajuda profissional

Se prefere deixar a tarefa para os profissionais, há treinadores credenciados e escolas de adestramento que o podem ajudar. Tem opções de norte a sul do país – como, por exemplo, a Dogs Training Concept, a Dogga, a It’s All About Dogs, a Master Dog ou o Centro de Instrução Canino de Benfica.

Estas escolas têm diversos tipos de treino, tais como: ensinar a fazer as necessidades no sítio certo; eliminar problemas comportamentais, como agressividade ou ansiedade de separação; treino de socialização; e treino de obediência avançada (em que aprendem truques).

Ajuda online

Se não tem orçamento para pagar a um profissional e que fazê-lo por si mesmo, há sites e blogues onde pode procurar ajuda para saber como ensinar um cão. Em espaços como O Meu Animal, O Dono Cuida ou Mundo dos Animais pode encontrar dicas muito úteis e, também, informação interessante sobre os animais, a sua saúde e comportamentos.

Reparou que há formas simples de educar o seu melhor amigo de quatro patas? Agora que já sabe como ensinar um cão e conhece os sítios onde pode procurar por ajuda especializada, já não há espaço para desculpas: é altura de começar a treinar.

Veja também:

Alexandra Nunes Alexandra Nunes

Alexandra Nunes é jornalista com experiência em imprensa e rádio. Depois de quase uma década a trabalhar na Rádio TSF partiu rumo ao Médio Oriente. A sede de conhecer novos mundos levou-a até ao Dubai, onde vive atualmente. Por lá, tem-se dedicado a explorar novas áreas da Comunicação e escreveu a biografia “Uma Mulher no Topo do Mundo” sobre a primeira portuguesa a chegar ao topo do Monte Evereste. É apaixonada por viagens, pessoas e as suas estórias.