Publicidade:

Como reduzir as despesas de casa: 7 conselhos práticos

Se quer saber como reduzir as despesas de casa, este artigo é para si. Prepare-se, a sua vida vai mudar e a sua carteira vai agradecer já no final do mês.

Como reduzir as despesas de casa: 7 conselhos práticos
Dicas para reduzir o valor de algumas faturas

Quem não quer chegar ao final do mês com a conta bancária com saldo positivo e, de preferência, com uns “trocos a mais” na carteira? Hoje em dia, pode parecer uma tarefa quase impossível, mas existem algumas técnicas que pode seguir se quer saber como reduzir as despesas de casa.

São truques simples e que pode (e deve) colocar em prática todos os dias para começar a reduzir as faturas de sua casa.

7 dicas fenomenais para reduzir as despesas de casa de forma eficaz


Está cansado de fazer contas à vida assim que chegam as faturas da água ou da luz? Está na hora de mudar alguns hábitos.

1. Como reduzir as despesas com a água

poupar agua

O preço do consumo da água é definido pelos municípios e, por isso, as tarifas variam entre as diferentes regiões.

Ainda assim, há formas de poupar água: feche a torneira enquanto lava os dentes, opte por banhos de chuveiro, utilize a máquina de lavar a loiça sempre com a carga máxima (se lava a loiça à mão, não deixe a torneira a correr).

Se tem plantas em casa, pode aproveitar a água da cozedura dos alimentos para fazer a respetiva rega e opte por utilizar redutores de caudal nas torneiras.

Vamos a números concretos? Se tomar banho de chuveiro, pode poupar até 220 litros de água por dia; se fechar a torneira enquanto faz a barba ou lava os dentes pode poupar 44 litros de água por dia.

2. Como reduzir as despesas com a eletricidade

poupar eletricidade

Desligue sempre a luz das divisões da casa que não está a utilizar, não deixe os aparelhos em modo stand-by e faça um bom isolamento das janelas e portas, para que não desperdice a energia produzida pelos fontes de aquecimento.

Faça uma pequena análise de mercado e descubra as tarifas dos fornecedores existentes e qual a tarifa que melhor se adequa à sua família (normal, bi-horária ou tri-horária), bem como as várias opções de potência: quanto maior for a potência, maior a fatura da luz.

Opte por lâmpadas economizadoras, mantenha o congelador sem gelo e coloque o frigorifico longe de fontes de calor (fogão, por exemplo) para que não gaste mais energia do que a necessária para refrescar os alimentos.

Feitas as contas, diminuirá o consumo elétrico em 80% se optar por lâmpadas economizadoras e poupará 40 euros por ano se desligar os aparelhos elétricos (em vez de deixá-los em stand-by).

3. Como reduzir as despesas com o gás

poupar no gas

Passe pelo site da Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos e faça a sua simulação para perceber qual o melhor operador para as suas necessidades. Se ainda utiliza botijas de gás, saiba que a melhor opção (e mais barata) é mesmo o gás natural.

Se quer baixar ainda mais esta fatura, desligue o fogão e o forno cinco minutos antes do tempo indicado. No caso do ferro de engomar, pode desligá-lo 10 minutos antes de terminar a tarefa (o calor acumulado servirá para terminar de passar as últimas peças de roupa).

Segundo a DECO, pode poupar até 50 euros por ano ao mudar para o mercado liberalizado.

4. Como reduzir as despesas do supermercado

poupar no supermercado

Também pode diminuir os gastos mensais nas idas ao supermercado. Utilize sempre uma lista de compras, defina um orçamento, opte pelas marcas brancas, esteja atento às promoções da semana e utilize os cupões de desconto das superfícies comerciais.

Nunca vá às compras com fome (para evitar gastos extra desnecessários) e se o seu supermercado cobra pelos sacos, opte por levar os seus próprios sacos reutilizáveis.

5. Como reduzir as despesas com telecomunicações

poupar em telecomunicacoes

Não pague por serviços que não utilize: se tem 200 canais e vê apenas 10, está na altura de rever o seu contrato e perceber quais as modalidades existentes que se adequam às suas necessidades.

No site da ANACOM encontra um simulador que o vai ajudar a perceber quais os tarifários existentes no mercado e qual o mais indicado para si.

O mesmo se aplica aos telemóveis e smartphones: se tem 5 Gigas mensais de Internet e só utiliza metade, está na altura de rever o seu contrato;

6. Como reduzir as despesas com o automóvel

poupar no telemovel

Se quer baixar as despesas com o automóvel, opte por utilizar os transportes públicos. Se não for possível, divida as despesas e as viagens com os seus colegas de trabalho que moram perto de si: o sistema de carpooling vai permitir-lhe poupar dezenas de euros ao longo do ano.

Se quer poupar com o combustível, procure as chamadas bombas “low cost” ou qual o posto mais barato perto de sua casa no site da Direção Geral de Energia e Geologia.

7. Como reduzir as despesas com o condomínio

poupar no condominio

Esta é mais uma das tarefas fixas que tem com a habitação. Ainda assim, este valor pode baixar se forem os próprios condóminos a assumirem o papel de administrador (um à vez), já que estarão a dispensar serviços externos para essa gestão. O mesmo se aplica à limpeza do prédio: se os condóminos assumirem essa função, o valor a pagar diminuirá consideravelmente.

Veja também: