Publicidade:

Cuidados a ter com o radiador: 5 pontos essenciais

Se quer garantir a saúde do seu carro deve ter atenção a algumas peças. Descubra quais os cuidados a ter com o radiador para não ter surpresas desagradáveis.

Cuidados a ter com o radiador: 5 pontos essenciais
Conheça os melhores truques

O bom estado de todas as peças do seu veículo é essencial para garantir a sua segurança e a vitalidade do veículo durante muitos anos. Assim sendo, é fundamental que tenha muita atenção a todos os componentes. Para garantir a correta refrigeração do motor é necessário saber quais os cuidados a ter com o radiador.

Esta peça é essencial para o seu carro já que evita que a temperatura do motor ultrapasse os limites que comprometem o bom funcionamento.

Cuidados a ter com o radiador: dicas fundamentais

cuidados-a-ter-com-o-radiador

Para preservar o motor durante mais tempo, é preciso saber quais são os cuidados a ter com o radiador. Deixamos uma lista com algumas dicas fulcrais para a preservação deste componente.

1. Verifique o nível da água

Deve verificar regularmente o nível e a qualidade da água do radiador. Os especialistas aconselham que faça esta inspeção a cada duas semanas (sempre com o carro frio). Se precisar de repor o nível da água, não ultrapasse o nível máximo, caso contrário poderá potenciar o sobreaquecimento do motor. Utilize água potável (de preferência destilada) e com o máximo de pureza possível. A presença de chumbo e outros minérios pode oxidar o sistema e condicionar o correto funcionamento do motor.

2. Verifique a qualidade do fluído Etilenoglicol

Este é mais um dos cuidados com o radiador que não deve negligenciar. Esteja atento ao nível e à qualidade do aditivo. Este componente serve para aumentar o ponto de ebulição da água (dificultando o processo de evaporação) e para diminuir o ponto de congelamento.

Por norma, este fluido é verde-azulado, rosa-avermelhado ou amarelo. Esteja atento às alterações na cor para um tom acastanhado. Nesses casos pode estar perante processos de composição incorreta do líquido ou de corrosão. Se for o caso, procure a ajuda de um mecânico especializado.

Em relação à proporção de água e de aditivo, os especialistas aconselham à colocação de volumes idênticos: um litro de água por cada litro de fluído (de preferência com etilenoglicol para reduzir o excesso de temperatura negativa e positiva).

3. Verifique as mangueiras

Deve inspecionar as mangueiras do radiador regularmente para perceber se existe acumulação de impurezas ou algum tipo de rachadelas que comprometam o seu desempenho. Se for o caso, proceda à respetiva substituição.

4. Faça uma limpeza sempre que necessário

A acumulação de óleo, sujidade e de resíduos de calcário no depósito do radiador é uma (dura) realidade com o passar do tempo. Assim sendo, esteja atento aos sinais e procure a ajuda de um técnico especializado para fazer uma limpeza eficaz do local (é necessário material específico para garantir um serviço eficaz e correto).

5. Cuidados a ter com o radiador: (mais) dicas essenciais que merecem a sua atenção

Antes de fazer qualquer verificação deixe o motor arrefecer: nunca desenrosque a tampa do radiador com o motor quente. Dessa forma vai evitar queimaduras graves. Terminado o processo de inspeção, certifique-se que a tampa fica bem fechada (assim evita fugas e derrames).

Quando trocar o radiador?

Estes são alguns dos problemas que podem obrigá-lo a investir num radiador novos:

  • Entupimento;
  • Derrame de fluido;
  • Estragos na tampa;
  • Mau funcionamento da válvula.

Agora já sabe quais são os cuidados a ter com o radiador, mas, ainda assim, pode (e deve) consultar o manual do proprietário do seu veículo para descobrir qual a melhor forma de garantir o correto funcionamento do carro.

Veja também: