Publicidade:

Decoração rústica: renda-se a este estilo decorativo

Muito associada às casas de campo, a decoração rústica vai muito além disso. Conheça mais deste estilo que consegue transmitir tranquilidade e bem estar.

Decoração rústica: renda-se a este estilo decorativo
Traga o campo para sua casa

Regra geral, a decoração rústica está fortemente associada a casas de campo, a casas de férias e a ambientes mais descontraídos. Mas a verdade é que cada vez mais pessoas estão a transferir este estilo decorativo para as suas casas, seja num panorama mais geral ou então em alguns pormenores.

Isto acontece muito devido ao facto da decoração rústica transmitir boas energias, de descanso, relaxamento e de boa disposição. Por tudo isto vamos apresentar-lhe um pequeno guia em volta deste tipo de ambiente, que lhe dará as principais luzes de como aplicar na sua própria casa o tipo de decoração ou então apenas alguns elementos de decoração rústica. Preparado?

Decoração rústica: um guia de inspiração


Em que consiste?

Para ter uma ideia global daquilo que é a decoração rústica, pense em natureza, em locais de refúgio, em contacto espiritual com as nossas raízes e origens.

É precisamente isto que a decoração rústica pretende: dotar o espaço onde habita numa espécie de refúgio, com boas energias e sem grandes obstáculos ao pensamento e à reflexão.

Mas não pense que para isso acontecer, os espaços têm de ficar enfadonhos e com pouco glamour….aliás, não são poucos os artistas e ‘VIPS’ que aplicam este estilo decorativo nas suas casas, pelo menos em alguns espaços propícios ao relaxamento.

Principais características

Uma outra notícia bem positiva no que toca a decoração rústica é que ela não é difícil de aplicar, nem tão pouco muito cara. Existem algumas características mais ‘vincadas’ neste estilo que pode aplicar aqui e ali:

  1. Vigas expostas – se forem de madeira é precisamente o ideal;
  2. Abundância de madeira, seja em móveis, objetos decorativos, paredes expostas ou até acessórios;
  3. Paredes irregulares e com marcas do tempo evidentes – na decoração rústica não se tentam disfarçar as ‘rugas’ da casa; tal como nas pessoas, há que as celebrar!
  4. Pedra, cal, barro, couro, cimento e metal não polido são alguns dos materiais mais utilizados neste estilo decorativo;
  5. Evite os vernizes e os lacados – estes dois ingredientes simbolizam modernidade e de um estilo contemporâneo – o estilo rústico privilegia os materiais no seu estado mais ‘puro’;
  6. Valorize, use e abuse de materiais de artesanato – o patchwork, por exemplo, é mais do bem vindo num ambiente rústico;
  7. Permita a convivência de várias texturas – nas paredes, no chão, nos móveis e nos objetos decorativos;
  8. Cestos de verga, objetos de palha, acessórios que remetem para a atividade agrícola e para o tratamento dos animais de quinta são alguns dos objetos mais permitidos nestes cenários.

Decoração rústica: tendências, inspirações e ideias

Conhecidos os pilares básicos da decoração rústica, vamos dar-lhe umas ideias e inspirações para ir pondo em prático nos espaços que desejar. Boas decorações!

A decoração rústica aplicada à arquitetura

A arquitetura rústica pede que seja recheada de materiais puros, como se não fossem sequer tocado pelo homem. Pretendem-se estruturas ‘cruas’, imperfeitas, sem simetrias e com muita madeira.

Além disso, ter em conta que na hora de pensar na arquitetura rústica, deve considerar também a iluminação do espaço – a luz é bem vinda, sim, mas em quantidade moderada. Só assim se consegue aquele ambiente ‘aconchegante’ de cenário à volta da lareira que nem um filme de Hollywood.

Use tijolos na sua forma pura, madeira, vidro e cimento queimado para revestimentos e acabamentos.

 

Decoração de divisórias

Nunca se esqueça: a palavra de ordem quando se fala em decoração rústica é ‘aconchego’. E o que pode parecer um pouco esquisito, como os cabos da eletricidade expostos, quando enquadrados num ambiente rústico podem funcionar lindamente. O mesmo acontece com os tubos de água e gás. Mas tenha atenção para que a decoração rústica não caia rapidamente para decoração industrial. Faça este equilíbrio de forma regrada.

 

Mobiliário e objetos decorativos

Há várias formas de adotar o estilo de decoração rústica nos móveis e objetos sem que a sua casa se transforme numa fazenda do Brasil do século XIX.

Mesas e aparadores – preferencialmente de madeira, e sem grandes tratamentos. Veios de madeira, imperfeições e rugosidades – quantas mais, melhor! Prefira uma mesa de refeição bem grande, com uma grande base – uma espécie de tronco de árvore melhor ainda!

No que toca a objetos decorativos, não têm de ser de madeira também – até porque convém ter diferentes materiais! Tecidos naturais como linho, o xadrez e materiais como a ráfia e a palhinha são mais do que bem vindos. Colchas de padrões ou patchwork, rendas artesanais e acessórios em cobre e latão funcionam lindamente neste cenário.

Aproveite e recicle também garrafas e frascos de vidro para servirem de vasos, floreiras e suportes para velas.

 

Revestimentos Rústicos

Revestimentos práticos e puros é o que se pretende na decoração rústica. Porcelanatos sem grandes espelhados e vidrados, cimentos queimados, madeiras fielmente reproduzidas, pedras de todos os tipos, tijolos de revestimento e pinturas de cores mais ocres são os mais valorizados.

Cimento queimado? Já ouviu falar nisto? Pois bem, este material é uma das opções de acabamento mais utilizadas para soalhos de decoração rústica e consiste basicamente numa mistura de cimento e de areia em sua composição, o que o transforma numa opção duplamente apelativa uma vez que se torna bastante acessível

 

Piscinas

Não fique triste: sim, é possível ter uma piscina no conceito de decoração rústica. Tem é de a adaptar a este conceito de ‘amor pela natureza’. Numa piscina natural não deve utilizar cloro e outros produtos químicos para sua limpeza, mas antes plantas específicas que fazem a filtragem da água e renovam o oxigénio.

Plantas

Nem será preciso referir que neste tipo de decoração se querem plantas – e não são poucas. Decoração vegetal vertical, de parede, suspensa… Vá até onde a imaginação lhe permitir e decore os espaços com uma mistura de plantas e materiais reciclados.

 

Veja também:

Limpeza e Arrumação