Publicidade:

10 descapotáveis mais caros do mundo

Já todos sonhamos em ter um descapotável, mas esse sonho persegue-nos mais ainda no verão. Mas quais são os descapotáveis mais caros do mundo? Conheça 10.

 
10 descapotáveis mais caros do mundo
Conheça esta lista de carros exóticos

Chega o verão, chega o calor, e o nosso pensamento sempre que entramos num carro que esteve horas e horas ao sol é sempre o mesmo: “Ahh, quem me dera que isto fosse um descapotável”. Mas algum dia já imaginou quais seriam os descapotáveis mais caros do mundo?

Os descapotáveis são carros que fazem virar as cabeças de qualquer transeunte, mas os descapotáveis mais caros do mundo são carros tão exclusivos que, para os poder comprar, ter muitos milhões de euros não é suficiente. Estes carros são edições limitadas e apenas uma seleção muito restrita de clientes das marcas recebem o convite para poderem comprar um destes carros saído do concessionário, fazendo com que o valor destes automóveis em segunda mão, acessíveis a qualquer pessoa (entenda-se qualquer multimilionário), possa ser 3 vezes superior ao preço de quando novo.

Ter um dos descapotáveis mais caros do mundo não representa apenas um estilo de vida ou um estatuto perante a sociedade. Estes carros transformaram-se num verdadeiro negócio de milhões, e hoje vamos conhecer quais são atualmente os 10 descapotáveis mais caros do mundo.

10 descapotáveis mais caros do mundo

10. Porsche Carrera GT

Considerado por muitos como o último “verdadeiro carro” a ser fabricado, não tem quaisquer ajudas à condução, e o potente motor V10 de 612 cavalos está acoplado a uma caixa manual que debita toda a potência para as rodas traseiras, tornando-o num dos carros mais desafiantes e difíceis de conduzir. Apenas 1500 unidades do Porsche Carrera GT foram produzidas entre 2004 e 2007, e novo custava pouco mais de 400.000€. Hoje em dia, é praticamente impossível encontrar um exemplar à venda por menos de 1.000.000€!

 

9. Ferrari 599 SA Aperta

Apenas foram produzidas 80 unidades deste carro, tornado-o num dos Ferrari mais raros do mundo. Apresentado no Paris Motor Show de 2010 pelos irmãos Sérgio e Andrea Pininfarina, que foram os designers e responsáveis pelo nome deste carro (SA são as iniciais de Sérgio e Andrea, e Aperta significa “aberto” em italiano, designação utilizada pela Ferrari em todos os seus modelos especiais de capota amovível).

Este carro foi inspirado no Ferrari 599, um modelo de luxo da Ferrari vendido entre 2006 e 2012, partilhando vários componentes do chassis e até o bloco de motor, no entanto, no SA Aperta, o V12 debitava 661 cavalos, mais 40 do que no 599. Comprar um Ferrari 599 SA Aperta nos dias de hoje significa, pelo menos, ter que desembolsar pelo menos 1.500.000€.

 

8. Porsche 918 Spyder

Este é considerado um dos elementos da “santa trilogia” automóvel: o McLaren P1, Ferrari LaFerrari, e o Porsche 918 Spyder. Propulsionado por um motor V8 a combustão de 4.6L e que produz 600 cavalos de potência e por dois motores elétricos de 150 cavalos cada, o 918 Spyder debita um total de 900 cavalos de potência, sendo por isso um dos carros mais potentes do mundo. Tem a particularidade de poder circular cerca de 25 quilómetros em modo totalmente elétrico, algo no mínimo caricato para um hiper carro. Foram apenas produzidas 918 unidades entre 2013 e 2015, e cada unidade custava cerca de 800.000€ quando nova.

Hoje em dia os preços pedidos por um destes Porsche supera facilmente o 1.600.000€. Atualmente há um exemplar à venda em Portugal, e custa nada mais nada menos do que 1.800.000€.

 

7. Koenigsegg CCX

Esta é provavelmente uma marca desconhecida por aqueles que não são aficionados do mundo automóvel, mas a Koenigsegg é uma das principais construtoras de hiper carros a nível mundial, fabricando atualmente alguns dos carros mais caros e mais exóticos que existem.

O CCX foi um dos primeiros modelos da marca a atingir fama mundial, não só pelo seu design diferente e futurista, mas também por ser um dos carros mais rápidos do mundo, com um motor V8 de 4.7L trabalhado para produzir mais de 800 cavalos de potência. Atualmente, o valor de mercado um destes carros (que é montado através de um processo 100% manual) supera o 1.800.000€.

 

6. Mercedes 300SL Roadster

Este é considerado por muitos um dos melhores carros de sempre e após tantos anos, continua a ser um dos carros mais bonitos do mundo. Este modelo foi lançado em 1953 e fabricado até 1964, e foram feitos apenas 1800 exemplares, dos quais apenas algumas centenas permanecem ainda operacionais nos dias de hoje, fazendo por isso com o que o seu valor seja tão alto.

Novo, o Mercedes 300SL Roadster não era um carro propriamente barato, mas os mais de 1.800.000€ pedidos em média por um destes carros tornam-no num dos descapotáveis mais caros do mundo.

 

5. Ferrari F50

Este é considerado um dos principais carros da Ferrari alguma vez construídos até hoje, e considerado por muitos o Ferrari mais bonito de sempre. O F50 é um autêntico carro de corridas legal para circular na estrada. Utiliza um motor V12 igual ao utilizado pelos carros de Fórmula 1 em 1995.

Totalmente desprovido de tecnologia e conforto, este carro foi totalmente pensado na performance e no prazer de condução, e o facto de apenas terem sido vendidas 349 unidades fazem deste um dos carros da marca italiana mais exclusivos da história. Os preços de um destes modelos no mercado atual podem superar facilmente o 1.900.000€.

 

4. Bugatti Veyron Grand Sport

Em tempos, este foi o carro mais rápido do mundo, e ainda detém o título de descapotável mais rápido de todos os tempos. O Bugatti Veyron Grand Sport é capaz de ultrapassar a fasquia dos 420 km/h graças à ajuda do motor W16 de 8.0L, que produz 1200 cavalos.

O preço de uma destas 150 unidades quando nova era 1.400.000€ antes de impostos. Por cá, os valores estariam próximos dos 2.500.000€, mas infelizmente nenhuma unidade foi vendida em Portugal. O valor atual de um destes carros ronda os 3.000.000€.

 

3. McLaren Mercedes Stirling Moss

3.350.000€ pode parecer muito para um carro que nem sequer teto tem, não acha? Pois este McLaren Mercedes Stirling Moss não é um carro qualquer. É, na verdade, um dos carros mais exclusivos do mundo, e foi nomeado em memória de Sir Stirling Moss, antigo piloto de Fórmula 1 e que venceu a mítica corrida italiana “Mille Miglia” num Mercedes, e no qual este modelo foi inspirado.

Movido por um motor V8 naturalmente aspirado de 640 cavalos, capaz de mover este carro a mais de 340 km/h sem qualquer obstáculo à frente (nem mesmo um pára brisas!).

 

2. Lamborghini Centenario Roadster

Este é um dos melhores Lamborghini de sempre, foi criado para comemorar os 100 anos da marca italiana, e por isso é tão exclusivo. Apenas foram criadas 40 unidades deste carro, sendo que apenas 20 são na versão roadster, ou seja, com a capota amovível, e o facto de se poder retirar o tejadilho deste carro permite-nos ouvir um dos melhores motores alguma vez criados: o V12 da Lamborghini neste carro debita 770 cavalos, e é capaz de acelerar dos 0 aos 100 km/h em apenas 2,8 segundos graças ao seu sistema de tração integral.

Os preços começavam nos 2.800.000€ quando foi lançado (há apenas 2 anos atrás), mas hoje em dia os preços pedidos por um Lamborghini Centenario usado superam os 3.500.000€.

 

1. Ferrari LaFerrari Aperta

Este é o campeão dos descapotáveis mais caros do mundo. Este carro é um dos mais desejados do mercado automóvel, pois se pouco há que se assemelhe a conduzir um Ferrari, imagine o que se sentirá quando se conduz um dos Ferrari mais exclusivos do mundo e não existe nada sobre a nossa cabeça, permitindo ouvir na perfeição a sinfonia tocada pelo motor V12 da Ferrari de 789 cavalos (aos quais se somam mais 200 cavalos de potência elétrica, tornando este no híbrido mais potente do mundo).

Estes carros atualmente estão a venda no mercado por cerca de 4.000.000€, mas alguns exemplares podem atingir o dobro deste valor, graças à imensa procura que existe por este exemplar que utiliza tecnologia de um Fórmula 1 atual e do qual apenas foram produzidas 499 unidades.

 

Veja também:

Marvin Tortas Marvin Tortas

Licenciado em Ciências da Comunicação, homem do Norte, apaixonado por carros e com experiência em desporto automóvel. A seguir a mamã e papá, as palavras Ferrari, Mercedes, Audi e Fiat foram respetivamente as 3ª, 4ª, 5ª e 6ª palavras do seu vocabulário.

Também lhe pode interessar: