Publicidade:

Estes são os 10 destinos em alta no mundo com as melhores avaliações dos viajantes

Os cibernautas elegeram e o portal de turismo revela: descubra quais os destinos em alta, de acordo com o Tripadvisor. Preparado?

Estes são os 10 destinos em alta no mundo com as melhores avaliações dos viajantes
Os premiados pelo Travellers’ Choice do TripAdvisor são...

Parta connosco numa viagem pelo mundo, para descobrir quais os destinos em alta no mundo com as melhores avaliações dos viajantes, de acordo com o TripAdvisor. A eleição foi feito pelos leitores do site e tem como finalidade revelar os locais mais in e imperdíveis para 2018.

10 destinos em alta premiados com o Travellers’ Choice


Os prémios Travellers’ Choice do TripAdvisor são concedidos aos destinos e serviços com as melhores avaliações recebidas pelos viajantes e por critérios que os distiguem como excecionais. Os destinos em alta premiados com o Travellers’ Choice refletem a lista com “o melhor dos melhores” destinos mundiais, no que diz respeito às ofertas locais de serviços turísticos.

1. Ishigaki, Japão

Ishigaki

É um local abençoado com excelentes praias e locais de mergulho brilhantes e transparentes, podendo entrar em contacto direto com a vida marinha, dos peixes aos bonitos corais. A região possui também uma geografia atraente, que convida a longos passeios e caminhadas diurnas.

A ilha de Ishigaki é a mais povoada e desenvolvida do grupo Yaeyama e incorpora o Japão tropical por completo e toda a sua paisagem é uma oportunidade para acalmar os sentidos.

2. Kapaa, Havai

kapaa havaiFonte: Max Pixel

Embora não seja a ilha mais bonita do Havai, Kapaa tem uma disposição mais realista do que outras cidades turísticas, e a sua população eclética e variada coexiste alegremente.

Esta terra, cujo nome significa “sólido”, possui diversos percursos pedestres e para ciclistas, ao longo da costa arenosa e parcialmente rochosa, havendo locais incríveis para assistir ao nascer do sol.

3. Nairobi, Quénia

nairobiFonte: Max Pixel

Conhecida como a capital africana do safari, Nairóbi é uma cidade moderna e animada, que funciona como o local perfeito para entrar em contacto com a vida selvagem e com a vida noturna.

Esta cidade cosmopolita da África Oriental é o coração pulsante do Quénia e revela-se como uma dicotomia harmoniosa entre os edifícios de cimento e a beleza natural desimpedida encontrada em outras partes do país.

4. Halifax, Nova Escócia

halifax

Os habitantes orgulhosos de Halifax têm uma ótima qualidade de vida e gostam de a partilhar com quem visita a região: a brisa do mar que mantém o ar limpo; parques e jardins frondosos e bem cuidados, misturas com edifícios históricos; muita arte, teatro e gastronomia próspera; uma vida noturna animada.

A melhor forma de conhecer tudo isto é caminhando e só assim conseguirá mergulhar por inteiro na histórica rica da cidade, visitando o Museu Marítimo do Atlântico e a Citadel, sítio histórico nacional do século XVIII.

5. Gdansk, Polónia

GdanskFonte: Max Pixel

Em Gdańsk sentirá que está numa cidade que a diferencia de todas as outras: a vida portuária; as ruas de arquitetura distintamente não polacas, mas influenciadas por junções de ricos comerciantes que moldaram o passado da cidade; e os resquícios da destruição da Segunda Guerra Mundial. Tudo isto agora está disponível para que todos experimentem e desfrutem ao máximo.

6. São José, Costa Rica

san josé

Provavelmente São José não é o seu destino de eleição assim que pensa em conhecer a Costa Rica, porém deverá mesmo dar uma oportunidade a esta cidade, apesar de uma primeira impressão não muito positiva, devido às inúmeras estruturas de cimento e tráfego.

Mas, vale bem a pena ir mais fundo para descobrir os encantos desta cidade e explorar o seu tempo explorando bairros históricos como o Barrio Amón, onde mansões coloniais foram transformadas em galerias de arte contemporânea, e o Barrio Escalante, o epicentro gastronómico da cidade; o mercado de agricultores no Parque La Sabana; e os museus de ouro, jade, arte e história natural.

7. Riga, Letónia

riga

As torres góticas que dominam a paisagem urbana de Riga podem sugerir um local cheio de austeridade, mas na verdade por lá existem exemplos de pura art nouveau exuberantes, que dão mais personalidade a esta vibrante cidade cosmopolita.

Riga é a maior cidade dos Bálticos e fica bem perto do resort marítimo de Jūrmala, que possui uma deslumbrante praia de areia branca; mas também de locais mais isolados, como incríveis dunas do mar e florestas cheias de mirtilos.

8. Rovinj, Croácia

Rovinj

Rovinj é a atração principal da costa de Ístria e, como tal, é fortemente invadida por turistas no verão, altura em que os preços disparam de forma absurda. Mas vale a pena visitar, para conhecer aquele que é um dos últimos verdadeiros portos de pesca do Mediterrâneo.

E há muitos outros motivos de atração: colinas arborizadas e hotéis baixos cercam a cidade velha, que está repleta de ruas íngremes e praças, enquanto poderá passar um dia agradável numa das 14 ilhas do arquipélago de Rovinj, nomeadamente em Sveta Katarina e Crveni Otok.

9. Nerja, Espanha

nerja

Nerja fica a quase 60 quilómetros a leste de Málaga, e possui a Sierra Almijara a erguer-se por trás, revelando-se como uma cidade cheia de charme, apesar da proliferação de lojas de souvenirs e do grande número de visitantes que a visitam ano após ano, cientes da descoberta incrível que acabaram de fazer.

Até porque são mais de 16 quilómetros de praias de areia fina, tranquilas e com a possibilidade da prática de atividades como esqui aquático, mergulho e vela.

10. Casablanca, Marrocos

casablanca

Casablanca é a melhor representação marroquina enquanto nação moderna. É aí que a fortuna do país começa a prosperar, com o investimento de jovens e a proliferação de inúmeras indústrias criativas.

Em consequência dessa valorização, a cidade cresce a olhos vistos, destacando-se a restauração de edifícios históricos imponentes, que vão coabitando em quietude com os belos edifícios Mauresque da cidade, que misturam o design colonial francês com o estilo tradicional marroquino.

Veja também: