Publicidade:

35 dicas de etiqueta para brilhar quando for a um restaurante chique

Se for comer a um espaço mais elegante, até com estrelas Michelin, por exemplo, adote alguns comportamentos. Fique a saber o que não deve fazer num restaurante chique.

35 dicas de etiqueta para brilhar quando for a um restaurante chique
Siga algumas regras de etiqueta

Tome nota de tudo o que não deve fazer num restaurante chique e vá, sem nervosismos, almoçar ou jantar àquele espaço tão em voga na sua cidade. O mais importante é que se sinta confortável e consiga usufruir da refeição, sem ficar demasiado ansioso com todas as regras de etiqueta. Peça ajuda ao empregado sempre que precisa, vá pelo caminho das boas práticas e verá que tudo vai correr bem. Entretanto, pelo sim pelo não, espreite as nossas dicas sobre o que não deve fazer num restaurante chique.

O que deve e o que não deve fazer num restaurante chique


restaurante chique

Dicas gerais

1. Se pedir um vinho e o empregado lhe apresentar a rolha, confira se a mancha de vinho está levemente espalhada, indicando que a garrafa estava deitada. Não precisa de a cheirar. Quando lhe for servido o vinho, prove um pouco e dê um sinal afirmativo ao empregado, confirmando que tudo está conforme esperado;

2. Se na mesa houver dois guardanapos, um de pano e um de papel, saiba que o segundo se destina às senhoras que usem batom. Já o de pano deve ficar dobrado, no colo;

3. Use o gancho de metal ao lado da mesa para pendurar a sua mala;

4. Em princípio, tudo o que vem no prato é comestível, mesmo quando ele vem decorado com flores decorativas. Desde que goste do sabor, trate de degustar;

5. Depois de comer petiscos à mão e com gordura, como marisco por exemplo, é normal o empregado oferecer uma toalhita ou tacinha com água e limão, para lavar as pontas dos dedos;

6. Alguns menus de degustação são intercalados por sorvetes, próprios para limpar o paladar. Não servem como sobremesa, nem são doces, mas preparam o palato para outra degustação;

7. Coloque todas as suas dúvidas ao empregado, nomeadamente no que toca à ementa e aos preços;

8. Avise se tiver algumas alergias alimentares, caso contrário prove as sugestões do chef, tal como elas são confecionadas;

9. Evite tirar foto dos pratos.

10. Evite ter o telemóvel em cima da mesa, consulte-o de vez em quando, se preciso for, e evite trocar mensagens. Caso precise fazer um telefonema, peça licença e faça a chamada em privado.

Regras básicas de etiqueta

Roupa

11. Vista-se com roupas adequadas ao ambiente, tendo em linha de conta se vai almoçar ou jantar. Informe-se o restaurante sugere algum dress code;

12. Caso tenha feito reserva, faça por chegar alguns minutos antes da hora marcada.

À mesa

13. Seja educado, não fale alto, nem com comida na boca. Também não gesticule, movimentando os talheres;

14. Chame o empregado de mesa de forma delicada, sem elevar muito a voz e sendo sempre da máxima cortesia;

15. Beba moderadamente, dentro dos seus limites;

16. Caso seja o empregado a servi-lo, indique-lhe as porções que deseja;

17. Não pouse os cotovelos na mesa, nem aproxime demasiadamente a cabeça do prato. É o talher que deve levar a comida do prato até à boca;

18. Não peça palitos, pois além de não ser elegante, nem higiénico, não são benéficos para a sua saúde dentária;

19. Não use os seus talheres para retirar comida de outros pratos ou travessas;

20. Pode pedir para repetir, desde que se certifique de que todas as pessoas que estão consigo já se serviram, pelo menos, uma vez.

Copos

21. Os copos são dispostos do maior para o menor, seguindo esta ordem: água, vinho tinto e vinho branco;

22. Se na mesa existir uma taça ou flute para champanhe, deve segurar pelas hastes, sem levantar os dedos.

Talheres

23. Saiba qual a função de cada talher: os garfos ficam à esquerda, as facas e as colheres à direita e os talheres de sobremesa, taças e prato para pão acima do prato principal;

24. Inicie a refeição, usando os talheres de fora para dentro;

25. O guardanapo pode ser colocado sobre o prato ou à esquerda. Depois de se sentar à mesa, deve abri-lo e colocá-lo ao colo, onde deve ficar até ao final da refeição. Caso tenha de se levantar durante o almoço ou jantar, pouse o guardanapo sobre a cadeira;

26. Vá cortando porções de comida, à medida que as vai colocando na boca. Tenha em atenção para o tamanho dos pedaços de comida serem adequados, para não ficar com a boca demasiadamente cheia;

27. Os talheres que não precisar de usar, não devem ser mexidos;

28. Se quiser fazer uma pausa na refeição, deixe o garfo do lado esquerdo e a faca do lado direito dentro do prato.

29. Quando terminar de comer, deixe os talheres na posição 4h20, assim saberão que poderão retirar os pratos.

Tipos de comida

30. No caso das saladas, as folhas de vegetais deve ser dobradas com a faca e o garfo e só depois levadas à boca;

31. As sobremesas mais moles como gelados ou mousses, devem ser consumidas com uma colher própria;

32. O esparguete deve ser enrolado à volta do garfo – que pode estar pousado sobre uma colher – e só depois levado à boca;

33. Os canapés e tudo o que seja aperitivo pode ser comido com as mãos;

34. Com os pratos de peixe devem ser usados talheres específicos, sem serrilha;

35. Se comer sopa, procure não fazer barulhos e, no caso dela ser acompanhada por pão, nunca o mergulhe no caldo.

Afaste qualquer ansiedade. Agora, já sabe o que não deve fazer num restaurante chique e aquilo que deve fazer para se sentir confortável e, acima de tudo, conseguir ao máximo aproveitar a refeição, degustar os pratos e apreciar a boa companhia. Afinal, o que não deve fazer num restaurante chique é, de certa forma, também aquilo que não deve fazer num qualquer outro restaurante ou espaço público. Baseie sempre a sua conduta no respeito pelo outro e na educação e será bem sucedido!

Veja também: