Publicidade:

Entrevista de emprego online: estratégias para impressionar

A entrevista de emprego online é tão conveniente para o entrevistador como para o candidato. No entanto, apresenta desafios! Saiba como preparar-se.

Entrevista de emprego online: estratégias para impressionar
Vai ter uma entrevista de emprego online? Prepare-se!

Do ponto de vista do conteúdo, a entrevista de emprego online poderá ser semelhante à entrevista presencial. No entanto, do ponto de vista técnico, apresenta muitas diferenças e especificidades. Para que nada falhe, observe as seguintes dicas.

Vai ter uma entrevista de emprego online? Prepare-se


A globalização da economia trouxe um dinamismo ao mercado de trabalho que se reflete na possibilidade de um candidato poder concorrer a oportunidades de emprego em cidades, países ou continentes diferentes do seu. Embora as entrevistas online sejam semelhantes às entrevista de emprego presenciais, do ponto de vista das questões colocadas e do nível de preparação exigido a todos os intervenientes, não deixam de apresentar algumas diferenças importantes para as quais os candidatos devem estar preparados.

Cada vez mais empresas recorrem às entrevistas à distância para economizar recursos; para os candidatos, esta opção também é vantajosa, pois evita deslocações não-imprescindíveis numa fase inicial do processo de recrutamento e seleção. As entrevistas de emprego à distância podem acontecer por telefone, através de chats ou de vídeo-chamadas.

entrevista de emprego online

Tipos de entrevistas de emprego online

Vamos então conhecer as diferentes modalidades de entrevista à distância…

Entrevista por email: o candidato recebe na sua caixa de e-mail as perguntas e tem um prazo-limite para lhes dar resposta. Tem o aspeto positivo de poder ter tempo para ler e reler as perguntas e respostas, refletir e corrigir o que vai dizer, sem tanta pressão. Normalmente há um deadline para se responder, que por muito curto que possa ser, dá-lhe sempre tempo para pensar e repensar as respostas.

Entrevista em vídeo: tanto o candidato como o entrevistador estão a visualizar-se mutuamente, em tempo real. Estas entrevistas tanto podem ser individuais, como realizadas em grupo. Neste caso, o empregador consegue visualizar no ecrã do seu computador todos os candidatos. De igual forma, se se tratar de uma entrevista em painel, o entrevistado deverá visualizar todos os entrevistadores presentes no momento de seleção.

Entrevista por email, com vídeo: este tipo de entrevista online é um híbrido entre os dois anteriores. O candidato recebe as perguntas por email, e vai entregar as respostas, não por escrito, mas numa gravação em vídeo. Aqui o desafio é manter uma certa naturalidade, como se estivesse a falar para o entrevistador. Lembre-se de falar devagar e de forma clara. Por incrível que pareça, é relativamente fácil parecer-se nervoso e inseguro quando se faz uma entrevista deste tipo.

O mais aconselhável é fazer várias tentativas – grave várias vezes, e vá melhorando a sua performance à medida que se vai apercebendo dos erros que comete. Pode ser muito útil pedir a um colega, amigo ou familiar para o ajudar e dar-lhe feedback construtivo. Aqui, a qualidade do vídeo vai ser decisiva: aposte em boas condições de iluminação, cenários “clean” e organizados, e, se conseguir, filme-se em ação: por exemplo, a realizar tarefas relacionadas com a candidatura a que está a dar resposta.

Entrevista áudio: aqui apenas usará o dispositivo de som do seu computador ou o telemóvel.

Prepare-se para a sua entrevista de emprego online

Teste o seu computador com antecedência, e também no próprio dia. Hoje em dia, a tecnologia oferece muitas opções de aplicativos para vídeo-chamada, e é importante escolher e testar todas as ferramentas que tem ao seu dispor. Informe-se de antemão sobre a ferramenta que o seu entrevistador escolheu ou sugeriu, e verifique se para si é a melhor opção.

Umas pessoas sentem-se mais confortáveis como o Skype, outras com o FaceTime, outras com o Zoom, entre outras. Se por exemplo nunca tiver usado o Skype ou não tiver criado uma conta na plataforma, faça-o com o máximo de antecedência possível, e teste mais do que uma vez. Se algo não estiver a correr bem, tem tempo para resolver. Ou em último caso, para pedir para a entrevista ser realizada numa outra plataforma com a qual se sinta à vontade.

Teste também a ligação à internet, bem como os recursos de áudio e de som do seu computador, de forma a garantir que tudo está funcionar em pleno. O pior dos seus pesadelos seria algo falhar a meio da sessão de entrevista.

Profissionalismo é imprescindível tanto na entrevista presencial como na entrevista online

Na plataforma de vídeo-chamada que escolheram para fazer a entrevista, crie um username profissional e credível perante o meio profissional em que se move. A escolha mais adequada poderá passar pelo seu próprio nome, tal como aparece redigido no currículo. Se o nome já não estiver disponível, acrescente uma referência à área profissional. Por exemplo: “joanamatias_design“.

Vista-se de forma adequada. A facto de a entrevista se realizar na sua casa, no local onde sente mais à vontade, não significa que deva desleixar-se um único milímetro no que toca à sua aparência. Vista-se, coloque maquilhagem, faça a barba, enfim, cuide de si e da sua imagem tal como faria se se tivesse que deslocar à empresa para uma entrevista de emprego presencial. Escolha naturalmente o seu look mais “profissional”. Não descure, por exemplo, o calçado, pois nunca saberá se durante a entrevista vai ter que se colocar de pé.

O local da entrevista

Escolha o local mais adequado para a entrevista. O cenário ideal para o sítio onde decorrerá a sua entrevista será uma sala isolada na qual não esteja sujeito a distrações, a barulho, ou a interrupções por parte de terceiros. Escolha o local certo para onde apontar a câmara, consoante a posição da luz à hora da entrevista. Experimente em várias sítios, de vários ângulos, até encontrar o ponto que o favoreça melhor na imagem. Evite a todo o custo aparecer contra a luz. Pressupondo que a entrevista decorrerá durante o dia, faça o teste em dias anteriores, à mesma hora da entrevista, para não ter qualquer surpresa com a iluminação.

Quanto ao fundo que se vê na imagem de vídeo, se estiver com muitas dúvidas, uma parede despida pode ser o quanto baste para resultar bem. Evite fundos com quadros, bibelôs, acessórios decorativos, entre outros, e escolha a divisão da casa que seja mais profissional – isto é, evite, por exemplo, fazer a entrevista na cozinha.

Limpe o espaço que poderá ser visível na imagem, mas também o espaço circundante. Imagine que durante a entrevista lhe é pedido que se levante e simule uma venda ou outra atividade, e que, devido a essa solicitação, tem que colocar a câmara numa posição diferente, mostrando zonas da casa desarrumadas… Não irá causar boa impressão e o empregador vai de imediato perceber que é daqueles que “varre o lixo para debaixo do tapete”. Arrumar objetos e aprumar um pouco a decoração são dois comportamentos importantes para garantir que corre tudo bem.

Tenha sempre preparado um plano “b”. Mesmo que tenha a certeza que nada irá falhar, os imprevistos acontecem – por exemplo a internet poderá estar a funcionar mal nesse dia – e ter um plano de segurança caso algo corra mal poderá salvá-lo de males piores. Transmita ao entrevistador que, caso algo corra mal, poderá usar o telefone.

Partilha de documentos importantes

Tenha os documentos de procura de emprego no ambiente de trabalho e aprenda de antemão a partilhar o ecrã com o seu interlocutor: se o entrevistador quiser rever o seu CV mas não o estiver a encontrar, garanta que lhe consegue enviar o documento de imediato através do chat da aplicação que estiver a utilizar.

Se for necessário mostrar uma apresentação, um site pessoal ou o seu portefólio online, a opção de partilha de ecrã é muito útil e deve ser perfeitamente dominada por si! Mas atenção: se partilhar o ecrã, garanta que a imagem do fundo do seu ambiente de trabalho é profissional.

Boa sorte!

Veja também:

Catarina Reis Catarina Reis

Consultora de carreira com mais de 10 anos de experiência, possui formação superior em Gestão de Recursos Humanos e Psicologia. É naturalmente curiosa, desenvolvendo múltiplos projetos paralelos que envolvem a Fotografia, a Música, o Marketing Digital e o Cinema.

Saiba tudo sobre emprego