Escovas para gato: descubra a ideal para o seu felino

Sabia que os pentes e escovas para gato são ideais para manter a higiene do seu felino? Saiba mais sobre este tema aqui.

“sponsored by fidelidade”
Escovas para gato: descubra a ideal para o seu felino
Veja também 8 dicas para escovar o pelo dos bichanos

Sabe qual é a forma mais rápida e eficientes de manter a higiene e eliminar os pelos soltos do seu felino? A resposta é simples: utilizar pentes e escovas para gato. Sim, pentear e escovar o seu bichano é uma das soluções mais simples de conseguir manter a sua rotina de limpeza.

Vamos entender por que razão escovar o pelo do gato não é uma questão meramente estética.

Porque deve escovar o seu gato?


Bolas de pelo de gato: quais as causas, como evitar e como tratar

Quem tem um animal de estimação em casa sabe bem o quanto é importante assegurar a sua rotina de escovagem periódica. As bolas de pelos são um problema comum e provocam a incómoda regurgitação entre os gatos.

A situação ocorre quando o felino, durante a sua auto-higienização, acaba por engolir pelos soltos em excesso – o que pode, a longo prazo, causar problemas ao organismo do animal.

Os pelos ingeridos, com o passar do tempo, podem acumular-se no sistema gastrointestinal do gato e causar situações de vómitos. Há casos mais graves em que as bolas de pelo provocam a obstrução gastrointestinal do animal, uma situação que requer correção por via cirúrgica.

Como os bichanos tê dificuldades para conseguirem vomitar, fazem bastante esforço para expelir o excesso de pelos com o conteúdo gástrico e chegam a assustar alguns donos mais sensíveis, que podem ter a ideia de que o animal está a sufocar.

Apesar de comum, a regurgitação das bolas de pelo devem ser evitadas ao máximo, para evitar situações mais complicadas. E como fazemos isso? Através da prevenção, claro. Escovar o pelo do seu bichano é, portanto, fundamental para a sua saúde.

8 dicas para escovar o pelo do seu gato


escovas para gatos

1. Escolha a escova adequada

Sim, não se deve esquecer de ter atenção à escolha da escova mais indicada. Isso porque há gatos com pelo comprido, gatos com pelo curto, gatos com pelo médio… E para cada um deles existe uma escolha aconselhada.

  • Para gatos de pelo curto: escolha uma escova de cerdas macias.
  • Para gatos que tem pelo média ou longo: escolha uma escova que seja menos macia (mais indicada para conseguir desfazer nós e emaranhados de pelo).

2. Escove o pelo do gato ao ar livre

Para evitar que os pelos se espalhem pela casa, o mais indicado é fazer a escovagem ao ar livre. Se não for possível, escove o bichano em cima de uma toalha onde os pelos possam cair e agarrar.

3. Limpe a escova durante a escovagem

Enquanto escova o animal, lembre-se de limpar a escova para conseguir remover excessos de pelo que não soltam com facilidade. Uma dica simples é passar um pente na escova.

4. Aproveite o momento para observar a pele do seu felino

Quando estiver a escovar o pelo do gato, aproveite para checar a saúde da pele do animal.

5. Tenha paciência

Ainda que seja difícil ver-se livre dos nós, nunca deixa a falta de paciência levar a melhor. Decida escovar o seu amigo patudo quanto tiver disposição e tempo.

Nunca prefira cortar os nós, nem faça força com a escova para desfazê-los. Com alguma calma a escovagem vai resultar.

Saiba como lidar com um gato agressivo >>

6. Segure o pelo do gato pela base

Para não puxar demasiado a raiz e magoar o patudo, segure o pelo do seu gato pela base.

7. Escove na direção do pelo e nunca no sentido contrário

Esta dica é simples e dispensa explicações: não esqueça de respeitar o sentido do pelo, nunca escovando na direção contrária ao seu crescimento.

8. Tenha cuidado com algumas regiões

Tenha especial atenção e cuidado ao escovar a região da barriga, bem como ao redor dos olhos, o focinho, a boca e as orelhas. Por serem mais sensíveis, não vai querer magoar o seu bichano.

Tudo sobre o stress nos gatos >>

Quais são os tipos de pentes e escovas para gato?


Pente com dentes curtos: este é um importante aliado para a limpeza do seu bichano, sendo indicado para todo e qualquer tipo de pelagem. Elimina os pelos soltos e a sujidade sem deixar rastos, acabando com os nós. Tenha cuidado com as pontas dos dentes, feitas em metal, e seja gentil enquanto penteia o seu amigo patudo.

 

Pente com dentes largos: também esta escolha pode ser usada em qualquer tipo de pelo, do curto ao longo, sendo especialmente útil para tratar a pelagem comprida. A sua utilização contínua previne a formação de nós e emaranhados. Os seus dentes apresentam dois comprimentos; os mais longos ajudam a desfazer nós, enquanto os mais curtos removem os pelos soltos.

 

Escova com cerdas: perfeita para usar em gatos com pelo curto.

 

Escova feita de borracha: não estranhe se o seu gato detestar escovas e pentes. Se é o caso do seu bichano, a melhor escolha será uma escova de borracha, que é macia e massaja a pele. É tão pequenina que o seu gato é capaz de nem dar por ela na palma da sua mão!

 

Rasqueadeira: esta opção ajuda a acabar com os nós, os emaranhados de pelos e os pelos mortos soltos sobre a pelagem. Este tipo de escova pode – e deve – ser usado diariamente, em especial se o seu gato tem o pelo de comprimento médio ou longo.

 

Escova de dupla face: com lados duplos, esta escova é um poderoso “dois em um”. Uma das faces desfaz os nós e emaranhados, enquanto a outra penteia e dá brilho. Beleza garantida!

 

Veja também: