Publicidade:

Fazer obras em casa: o que deve saber antes de começar

Antes de fazer obras em casa, é muito importante preparar terreno e garantir que tudo vai correr com o mínimo dos deslizes.

Fazer obras em casa: o que deve saber antes de começar
Preparação e planeamento são essenciais

É inevitável: em algum momento todos nós passamos pela fase de fazer obras em casa, seja numa altura anterior à ocupação de uma casa ou, mais desafiante, quando já lá vivemos.

Em qualquer um destes casos, é essencial ter algumas questões asseguradas e saber quais os passos a seguir para que haja o mínimo de surpresas – e já sabe que vai ter algumas, neste ramo é mesmo inevitável que assim aconteça.

O que deve saber antes de começar a fazer obras em casa: 8 passos


Fazer obras em casa

0. Saiba bem o que quer

Este é o chamado passo zero. E é o zero porque é mesmo essencial que saiba exatamente o que quer no que toca a fazer obras em casa. Desenhe no papel, experimente diferentes soluções, peça opinião de amigos e até de profissionais… Mas chegue primeiro a um esboço final do que quer. Só assim conseguirá depois levar todos os restantes passos adiante e sem stresses.

1. Informe-se bem!

Já sabe precisamente o que quer fazer, então agora resta saber: é preciso licença? Que papelada necessito? Vou precisar de um arquiteto ou engenheiro para assinar o projeto ou podem ser apenas os elementos da equipa a contratar a levar a cabo as obras sem comunicar nada?

Não claudique neste passo, até porque as multas de incumprimento na área das obras e remodelações são bem pesadas. Assim que souber o que quer fazer, informe-se bem das suas obrigações legais.

2. Estipule um orçamento

Muito importante também é o estabelecimento de um orçamento para o trabalho que quer fazer. Faça um estudo o mais rigoroso possível e estabeleça um valor realista e possível de cumprir. A partir daí já sabe que nem vale a pena ver soluções que tenham preços acima do estipulado.

3. Consulte várias opções de mercado

Um dos grandes erros que se pode cometer no que a fazer obras em casa  diz respeito é avançar logo com o primeiro orçamento que lhe apresentam. Nunca! Consulte o mercado e peça valores a pelo menos três empresas diferentes.

E peça sempre os valores discriminados. Só assim aumenta o seu poder de negociação e pode ser até que consiga baixar o valor inicialmente apresentado por uma delas.

4. Prepare um cronograma (e conte com atrasos)

marcação de data no calendário

Este tópico é muito importante sobretudo por uma questão de gestão de expectativas. Quando pedir os orçamentos, peça sempre também os prazos de execução. E a esse prazo acrescente uns dias de deslizes – que acontecem quase sempre.

Por isso, se está a contar com essas obras para depois dar uma festa ou convívio, convém que tenha margem para deslizes e para as limpezas e arrumações posteriores.

5. Analise a possibilidade de não estar em casa

Se as obras que pretende fazer em casa forem de cariz bastante profundo, o ideal é sempre ver a possibilidade de não estar a habitar a casa nessa altura. Por mais cuidado que se tenha, é impossível que não haja poeira no ar, desarrumação e lixeira.

Aproveite a casa dos pais, avós, irmãos ou primos e junte o útil ao agradável.

6. Se ficar na casa, não faça tudo de uma vez

Se a sua única solução for mesmo ficar enquanto lhe vão fazer obras em casa, faça-o por fases: uma divisão de cada vez, por exemplo. Caso contrário a situação vai tornar-se verdadeiramente incomportável e testar todos os seus limites.

7. Veja o que pode ser feito por si

Se precisar de poupar ao nível do orçamento, estude bem o que quer e veja o que pode ser feito por si! Se houver alguma fase de demolição, por exemplo, pode sempre chamar amigos e família e tornar uma tarde até diferente e divertida a “mandar abaixo” o que precisar.

8. Acima de tudo, seja realista

Esta questão foi deixada para último mas não é por isso que é menos importante – muito pelo contrário. Realismo acima de tudo. Em primeiro lugar, tenha em conta o orçamento que disponibilizou e case isso com o resultado esperado – não pode esperar um resultado de mansão com um valor disponível apertado… Há boas soluções para todos os bolsos e devemos ficar gratos pelas coisas que conseguimos!

Inspire-se na internet que está cheia de soluções criativas e acessíveis a qualquer carteira!

Veja também:

Helena Peixoto Helena Peixoto

‘If you can dream it, you can do it’: é assim que gosta de pensar e viver a vida. Casada, com um filho e com um cão, vê na família e amigos os seus bens mais preciosos, mas não passa sem um bom desafio profissional. Comunicar é a ‘sua praia’, seja em canais mais institucionais ou meios mais informais. Adora um bom filme, uma viagem dentro ou fora do país, é apaixonada por animais e anda sempre ‘à caça’ das últimas promoções.

Limpeza e Arrumação