Publicidade:

6 filmes infantis na Netflix: divirta-se com as crianças

Aproveite os fins de semana para estar em família, na excelente companhia dos seguintes filmes infantis na Netflix. Siga as nossas sugestões e divirta-se!

6 filmes infantis na Netflix: divirta-se com as crianças
Promova uma sessão caseira de filmes infantis na Netflix

Os fins de semana permitem um convívio familiar mais intenso do que normalmente é possível durante a semana. Depois de um dia de trabalho ou de escola, todos chegam a casa cansados e não há muito tempo para investir em momentos de lazer de qualidade.

Por isso, há que aproveite os dias livres para estreitar os laços familiares e nada melhor do que uma sessão de cinema em casa, por exemplo com filmes infantis na Netflix. Esta é uma plataforma paga que disponibiliza filmes e séries de televisão no formato online ou em streaming. Ela tem conquistado espectadores por todo o mundo e são já mais de 100 milhões de assinantes, algo que comprova de forma inequívoca a capacidade deste serviço de televisão, já presente em mais de 190 países.

A Netflix coloca à disposição dos seus clientes séries e filmes de TV que agradam a todos os gostos. Contudo, para aqueles fins de semana em família, sobretudo para quem tem crianças, os filmes infantis na Netflix podem proporcionar momentos únicos de união familiar.

6 filmes infantis na Netflix para entreter e animar os mais novos


1. Crónicas de Natal

Kurt Russell é o protagonista deste filme que é uma produção da Netflix. Kimberly Williams-Paisley, Darby Camp e Judah Lewis são outros elementos de um elenco que tem como realizador Clay Kaytis.

Este filme é uma comédia para toda a família e tem como tema a magia do Natal. Kurt Russell assume o papel de Pai Natal e o seu desempenho é de enorme qualidade, o que o leva a ganhar o carinho do público, conquistando agora as gerações mais novas.

2. O Natal de Ângela

Este filme baseia-se num livro infantil de Frank McCourt, o qual se inspirou numa história que a sua própria mãe lhe contara. McCourt venceu um prémio Pulitzer com o seu livro de memórias Angela’s Ashes, o qual se tornou num best-seller.

Esta curta foi realizada por Damien O’Connor e conta com um elenco que integra elementos como Lucy O’Connell, Ruth Negga, Brendan Mullins, entre outros. Esta história fala-nos sobre o Natal de Ângela, o qual tem lugar na Irlanda, em 1910. Toda a trama ensina-nos aquilo que deve ser, realmente, valorizado nessa quadra festiva: a família, a generosidade e o amor.

3. Mogli: A Lenda da Selva

Com um elenco de luxo, onde surgem nomes tão incontestáveis como Christian Bale, Cate Blanchett ou Benedict Cumberbatch, este filme conta com o talento de Andy Serkis como realizador e, também, como voz da emblemática personagem Baloo.

Esta história tem conquistado sucessivas gerações, ao longo de mais de um século. Joseph Rudyard Kipling é o autor das obras O Livro da Selva e o Segundo Livro da Selva. A primeira obra foi escrita em 1894, enquanto a segunda foi escrita no ano seguinte. Em 1907, o autor foi laureado com o Nobel de Literatura e, em 1967, a Walt Disney Company produziu o filme de animação sobre este conto.

A narrativa fala sobre Mogli, uma criança criada por animais na inóspita selva, rodeado por inúmeros perigos. Contudo, o homem acaba por surgir e emergir como o animal mais ameaçador de todos. A selva está em perigo e só o menino poderá conseguir salvar os animais.

4. O Gato das Botas – Preso num Conto Épico

O título original desta curta-metragem é Puss in Book: Trapped in an Epic Tale e dá uma perspetiva nova à personagem que protagoniza o conto Gato das Botas. Nesta versão, a voz do gato das botas é a do ator Eric Bauza. Para além da curta metragem, a Netflix disponibiliza uma série homónima que é interativa, permitindo aos espectadores ter o controlo do destino da história do Gato das Botas.

Este é um conto da autoria do escritor francês Charles Perrault. Este autor nasceu no já longínquo ano de 1628, tendo falecido em 1703. É considerado o pai da literatura infantil, por ter sido o primeiro a criar as bases para que o género literário do conto de fadas existisse e vingasse. Capuchino Vermelho, Bela Adormecida, Barba Azul, entre outros, estão entre os contos publicados por este escritor. O Gato das Botas já teve a honra de protagonizar filmes de animação de grande sucesso, nomeadamente Puss in Boots (título original de 2011) que teve como protagonistas Antonio Banderas e Salma Hayek.

5. A Nova Geração

Mai é uma menina solitária e protagonista deste filme, contando com a voz de Charlyne Yi (membro do elenco da série Dr. House). Enquanto John Krasinski é o ator que empresta a voz ao robô deste filme de animação, de seu nome 7723. Jason Sudeikis (membro do elenco de Chefes Intragáveis) e Michael Peña (membro do elenco de Crash) são outros dos atores que ofereceram a voz às personagens deste filme que conta com a realização de Kevin R. Adams e Joe Ksander.

Mai desenvolve uma amizade improvável com um robô e juntos iniciam uma épica aventura que terá um vilão impiedoso pelo caminho. Este ambicioso filme americano, chinês e canadiano reúne diversas lições de vida e proporciona uma experiência enriquecedora.

6. Home: O Natal em Casa

Oh pretende dar a conhecer o espírito de Natal e partilhar a alegria tão própria da quadra aos seus companheiros, os boovs. Todavia, algo não corre como esperado e, lamentavelmente, a sua missão que era bem-intencionada quase destrói a cidade. Este original da Netflix conta com as vozes de Rachel Crow, Mark Whitten, Kelly Clarkson, entre outras. Este é um filme para ver em qualquer altura do ano, já que o espírito natalício deve perdurar por todo o ano.

Estes são alguns dos filmes infantis na Netflix, disponíveis e muito recomendados. Contudo, há um vasto leque de produções à sua inteira disposição nesta plataforma que vale a pena explorar.

O que é verdadeiramente importante é reunir a família no conforto da sua sala, criar uma atmosfera mágica e desfrutar de umas pipocas bem doces, enquanto descobre com as crianças o maravilhoso universos dos filmes infantis na Netflix.

Veja também: