Publicidade:

Gastronomia regional: receitas de Penafiel para saborear

Lampreia e cabrito são bastante consumidos nesta cidade, mas as receitas de Penafiel que partilhamos consigo hoje são bem docinhas.

Gastronomia regional: receitas de Penafiel para saborear
Doces típicos de uma das mais antigas cidades do país

Quando falamos em termos de gastronomia tradicional evidencia-se sempre um conjunto de influências regionais que marcam a gastronomia local. Hoje, partilhamos receitas de Penafiel, bem docinhas e saborosas para enriquecer qualquer refeição.

Até ao reinado de D. José I, era conhecida como Arrifana de Sousa, mas em carta régia de 3 de Março de 1770, viu a designação foi alterada para Penafiel e houve elevação à categoria de cidade. Confira algumas receitas de Penafiel que tão deliciosas quanto tradicionais.

 

3 receitas de Penafiel


Sopa seca

sopa seca

Fonte: Doces Regionais

Não se deixe enganar pelo nome. A sopa seca não é nenhum caldo, mas sim uma das sobremesas mais apreciadas na região.

Ingredientes
1l água morna
150gr açúcar amarelo
100gr açúcar
100gr de açúcar para polvilhar
10 pães
2 folhas de laranjeira ou 1 casca de limão
50cl vinho do Porto tinto
25gr de canela em pó

Modo de preparação

  1. Numa bacia, juntar a água morna, o açúcar branco e o amarelo, a canela em pó, o vinho do Porto e as folhas de laranjeira.
  2. Mexer até os açúcares ficarem bem dissolvidos.
  3. Cobrir o fundo de um alguidar com açúcar.
  4. Cortar o pão em fatias de 1,5cm de espessura.
  5. Mergulhar as fatias de pão no preparado e colocar em camadas no alguidar.
  6. Entre camadas, deverá sempre polvilhar com açúcar e canela.
  7. Levar ao forno quente a 160º, durante cerca de 20 minutos.

 


Bolinhos de amor

bolinhos de amor penafiel

Fonte: Delilicias

Uma excelente sugestão para mimar alguém de quem gosta (ainda por cima, está quase a chegar o Dia dos Namorados). Este doce é uma espécie de cavaca, de tradição secular e considerados, tradicionalmente, como ofertas a Nossa Senhora, pelo aspeto celestial, semelhantes a nuvens.

Ingredientes para a massa
3 ovos
4 gemas
250gr de açúcar
Raspa de 1 limão
150gr de farinha

Ingredientes para a cobertura

150gr de açúcar em pó
1 clara
Sumo de 1 limão

Modo de preparação

  1. Num recipiente, colocar os ovos inteiros, as gemas e o açúcar e bater durante 30 minutos.
  2. Adicionar raspa de limão e farinha peneirada e envolver até a massa ficar bem ligada.
  3. Pré-aquecer o forno a 200º.
  4. Untar um tabuleiro com manteiga, cobrir com papel vegetal e voltar a untar.
  5. Com uma colher de sopa, colocar pequenas porções de massa no tabuleiro, separando-as entre si.
  6. Levar ao forno durante 10 minutos.
  7. Quando retirar do forno, descole de imediato da folha de papel vegetal e deixar arrefecer.
  8. Para a cobertura, bater o açúcar, com a clara e o sumo de limão com a colher de pau até obter textura de glacê.
  9. Untar os bolos com uma fina camada de glacê, passar os dedos por cima em forma circular, para ficarem marcados.

 


Tortas de São Martinho

tortas de são martinho penafiel

Fonte: Do Alto do Sameiro

Para perceber a origem desta receita de Penafiel recuamos até 1861 e um estabelecimento comercial local onde se faziam umas tornas preparadas por José Bento. Hoje, as Tortas de São Martinho são uma referência na gastronomia de Penafiel, e sobretudo em época de S. Martinho.

Ingredientes
500gr de farinha de trigo
150gr de açúcar
150gr de banha
50gr de levedura de cerveja
15gr de sementes de anis
Canela em pó e manteiga a gosto

Modo de preparação

  1. Dissolver a levedura de cerveja num recipiente com um pouco de água morna.
  2. Amassar a farinha, com a levedura, açúcar, banha, sementes de anis e canela, até obter uma massa muito consistente. Se precisar, poderá adicionar um pouco de água.
  3. Puxar a massa para formar um rolo e depois cortar em forma de toras com 8cm de comprimento.
  4. Colocar numa forma untada com manteiga, devidamente espaçados.
  5. Deixar crescer num lugar morno e depois levar ao forno a 150º, durante cerca de 15 minutos.

 

Veja também: