Publicidade:

iOS 13: as novidades que já conhecemos

As novidades do iOS 13 foram conhecidas na conferência anual da Apple. Há um novo dark mode para experimentar, novas apps e (muito) mais privacidade.

iOS 13: as novidades que já conhecemos
Novidades a chegar para iPhone, Mac, iPad e Apple Watch

Foi na Worldwide Developers Conference (WWDC) que a Apple anunciou muitas novidades para os seus dispositivos principais – nomeadamente iPhone, iPad, Mac e Apple Watch. O elemento comum? O iOS 13, o novo update ao sistema operativo da empresa da maçã.

iOS 13 com muitas mudanças


novo ios 13

Fonte da Imagem: Apple/Divulgação

O iOS 12 foi lançado em setembro de 2018, o que não fazia esperar notícias do novo update tão cedo. A Apple trocou as voltas aos seus utilizadores e aproveitou a WWDC de 2019 para dar a conhecer as novidades mais importantes do novo sistema operativo.

O iOS 13 traz algumas mudanças necessárias, nomeadamente ao nível da privacidade. De facto, este tem sido um tema que não tem escapado à maior parte das marcas, que consideram agora essencial manter os dados dos seus utilizadores (efetivamente) privados. Mas há mais novidades em termos de utilização e funcionalidade.

O novo dark mode

Ao contrário do Android, que já incluía esta possibilidade de poupança de bateria no seu sistema, o iOS era o único que ainda não se tinha “juntado à festa” do dark mode. Em poucas palavras, esta funcionalidade troca as cores do sistema em si, passando-as do branco convencional para o preto e cinzento.

Até aqui, só algumas aplicações permitiam ativar este “modo escuro” que, para além de contribuir ativamente para a poupança de bateria de qualquer dispositivo móvel, não é tão invasivo para a saúde ocular do utilizador quanto o modo tradicional.

dark mode do ios 13

Fonte da Imagem: Apple/Divulgação

Aplicações Apple são atualizadas

A maior parte das apps desenvolvidas pela empresa estavam, de facto, a precisar de um update, isto porque estavam a ficar para trás em relação às suas concorrentes. A primeira novidade não se encontra propriamente num app, mas sim no sistema em si, já que tem a ver com o novo teclado Apple.

O iOS 13 traz, por isso, um teclado novo e mais fácil de utilizar, nomeadamente ao nível da interação entre utilizador e dispositivo. A hipótese de escrever mensagens sem o tradicional tapping é agora introduzida, passando a ser possível arrastar o dedo entre letras até formar a palavra desejada.

As restantes atualizações das apps Apple prendem-se, sobretudo, com a utilização e funcionalidade:

  • A aplicação de Saúde vai receber novos modos de desporto e a possibilidade de controlar as várias fases do ciclo menstrual, não sendo mais necessário recorrer a outras apps especializadas no assunto;
  • As Notas vão ter novos modos de visualização, incluíndo um modo de galeria. Vai também poder criar pastas e partilhá-las com outros utilizadores;
  • Os Mapas vão incluir ainda mais informação útil;
  • Os Lembretes serão mais intuitivos de usar, poupando tempo quando define a data e hora em que quer ser notificado das suas tarefas;
  • A aplicação Fotos vai incorporar tecnologia inteligente que elimina, de forma automática, fotografias repetidas, capturas de ecrã e imagens que tenha descarregado da Internet. A app vai também receber novas ferramentas de edição (de fotos e vídeo).

Mais privacidade

Não quer partilhar a sua localização nas aplicações que utiliza? Não há problema, o iOS 13 permite que defina, app a app, onde é que quer a sua localização partilhada ou não. Mesmo que instale novos softwares ou atualize os já existentes, a Apple vai impedir que informação privada, como a localização, seja partilhada com terceiros.

O Sign in with Apple é outra das grandes novidades do sistema operativo. Esta é uma funcionalidade que permite que entre nas mais diversas aplicações através da sua conta Apple, tal como já faz com as contas de redes sociais (como o Facebook ou Twitter) ou com a conta Google.

novo modo do ios 13

Fonte da Imagem: Apple/Divulgação

Com isto, a empresa quer garantir mais privacidade e segurança de dados aos seus utilizadores. Craig Federighi, diretor de software da Apple, garante que, ao contrário dos tipos de login que já existem, o Sign in with Apple vai manter a informação do utilizador no próprio dispositivo, impedindo que essa seja partilhada em servidores.

Mas, se não quiser entrar na sua conta através do sistema da Apple, vai também poder gerar emails aleatórios que só servem para entrar na conta de uma aplicação. Desta forma, essas entidades não obtêm os seus dados pessoais e não o incomodam com emails sistemáticos na sua conta.

Memojis (ainda) mais personalizados

Se tem um iPhone com câmara frontal TrueDepth – como é o caso do mais recentes iPhone XS, XS Max e XR -, já deve conhecer os Memojis. Estes, permitem que a pessoa crie e personalize emojis fieis à sua própria aparência, para além de os poder partilhar com quem quiser.

A novidade é que, com o iOS 13, essas animações já poderão ser partilhadas na app Mensagens, para além de receberem novas formas de personalização. Isto significa que vai poder adicionais mais acessórios, mudar a cor e estilo de cabelo e adicionar novas formas e cores de maquilhagem.

Conhecidas as novidades do novo sistema operativo, só falta mesmo esperar por setembro para as poder experimentar e, quiçá, conhecer outras adições ao software que já deverá estar operacional nos novos iPhone que a marca vai lançar.

memojis no ios 13

Fonte da Imagem: Apple/Divulgação

Veja também:

Luísa Santos Luísa Santos

Licenciada em Ciências da Comunicação - Jornalismo, Mestre em Multimédia, cantora sem diploma nas horas livres. Trabalha atualmente em Marketing e Comunicação, é viciada em redes sociais e fervorosa adepta do desenrasque.