Publicidade:

Jardim seguro para crianças: aprenda a construir o seu

É possível ter um jardim seguro para crianças sem penalizar o bom gosto e o estilo! Aproveite o seu espaço exterior com toda a família com as nossas dicas.

Jardim seguro para crianças: aprenda a construir o seu
Um espaço exterior totalmente à prova de criança

Não pense que ter um jardim seguro para crianças é sinónimo de um espaço enfadonho, cheio de proteções e vedações! Há variadíssimas alternativas decorativas para tornar o seu espaço cheio de estilo, childproof e agradável para todos que o utilizem: dos mais miúdos aos mais graúdos!

Existem alguns truques e dicas que pode facilmente implementar em sua casa rumo a um jardim seguro para crianças. A boa notícia é que, além de seguro para crianças, pode transformar esse espaço num cantinho cheio de estilo, charme e super confortável para se estar!

Não é por ter um jardim “à prova” de criança que tem de ter um jardim sem graça. É necessário, sim, ter alguns cuidados e precaver algumas situações. Mas fora isso, o segredo está mesmo em não complicar e em deixar a sua veia criativa fluir!

Como criar um jardim seguro para crianças: 6 ideias muito úteis


jardim seguro para crianças

Neste artigo damos-lhe algumas ideias e dicas que certamente vai gostar de saber e querer implementar. Confira tudo!

1. Dedique-lhes um espaço exclusivo

Escolher uma área especificamente destinada à pequenada só lhe vai trazer vantagens: além de estar a limitar a zona de confusão e onde podem brincar à vontade, vai conseguir garantir que essa zona está verdadeiramente fora de perigos (pelo menos os que controla).

Esta é daquelas situações win-win: vai conseguir manter os pequenos numa zona controlada, e delimitada por si, e eles vão ter a sua zona paradisíaca com tudo a que têm direito. E nessa zona, deixe-os brincar totalmente à vontade!

Construa uma caixa de areia, coloque um escorrega, uns baloiços ou até mesmo uma pequenina casa de madeira, a escolha é sua, consoante o orçamento disponível e estilo que mais gosta! Hoje também está em voga montar uma tenda tipo tipi para dias de aventura no jardim!

2. Muita atenção às plantas tóxicas

Pode parecer uma questão óbvia, mas a verdade é que há mais perigos escondidos nas plantas do que imagina! É o caso dos lírios e das heras, por exemplo. São plantas lindíssimas, mas que escondem perigos tóxicos e mesmo venenosos, sobretudo para crianças e animais.

O ideal para tornar o seu jardim seguro para crianças em termos de plantas é chamar um especialista para fazer o reconhecimento das espécies que tem no seu jardim. E tudo o que seja potencialmente perigoso elimine e substitua por opções não tóxicas. Procure bem e de certeza vai arranjar soluções de espécies igualmente bonitas, mas sem qualquer risco associado.

3. Estude o tipo de pavimento

São muitos os jardins cujo piso consiste em pavimento de pedra, cimento ou até mesmo deck de madeira. No entanto, caso pretenda um jardim seguro para crianças, lembre-se que alguns deles podem ser um risco de queda com direito a uma ida para as urgências.Uma solução fácil será a de aplicar piso próprio para crianças, tal como se utiliza nos parques públicos, nas zonas de maior passagem e apenas temporariamente.

Coloque mesmo por cima e passados os anos de maior risco, remova e deixe as pedras novamente à vista! Hoje em dia existem soluções bem interessantes e com design apelativo. E, assim, ficará bem mais descansado face a quedas mais aparatosas. No caso de ter piso em deck, verifique apenas se não há pregos ou parafusos ou outro acessório mais pontiagudo onde os pequenos se possam magoar.

4. Verifique as cercas e portões

Se há coisa que as crianças adoram fazer é descobrir o desconhecido! O que significa que um portão aberto ou uma cerca fácil de abrir são situações que simplesmente não podem acontecer. Muito provavelmente, caso tenha escadas exteriores lá por casa, já tem instalada uma cerca, mas garanta que a sua abertura é à prova de crianças!

Além disso é importante fazer uma verificação amiúde deste tipo de equipamentos para garantir que tudo está a funcionar devidamente. E não se preocupe com a questão do design! Existem variadíssimas opções de cercas e vedações para conseguir combinar com o tipo de ambiente e design que tem no seu jardim.

5. Muita atenção à piscina (caso queira colocar)

Não podíamos deixar este tópico de fora, até porque, infelizmente, é a causa de muitos acidentes domésticos com os mais pequenos. Quem não sonha ter uma piscina no jardim? E não há mal nenhum nisso, claro! Importante mesmo é garantir que esse jardim seguro para crianças está verdadeiramente seguro.

No caso das piscinas é absolutamente obrigatório ter uma cobertura forte e rígida, que permita mesmo passar por cima, ou, então, uma vedação a toda a volta que impeça a passagem dos mais pequenos. Não facilite neste tópico…

6. Inclua a pequenada no design do jardim

Uma última sugestão para tornar o seu jardim seguro para crianças e ao mesmo tempo super trendy e original: inclua a pequenada na construção do mesmo! Ponha-os a plantar a hortinha, a instalar uns pneus de brincadeira na sua zona ou até mesmo a pintar uma zona da cerca.

Ao fazê-lo, não só vai conseguir ter um jardim verdadeiramente único e original, como vai conseguir ver este espaço pelos olhos dos mais pequenos – e quem sabe até ser alertado para algum perigo que não estivesse a percecionar à partida!

Veja também:

Helena Peixoto Helena Peixoto

‘If you can dream it, you can do it’: é assim que gosta de pensar e viver a vida. Casada, com um filho e com um cão, vê na família e amigos os seus bens mais preciosos, mas não passa sem um bom desafio profissional. Comunicar é a ‘sua praia’, seja em canais mais institucionais ou meios mais informais. Adora um bom filme, uma viagem dentro ou fora do país, é apaixonada por animais e anda sempre ‘à caça’ das últimas promoções.

Limpeza e Arrumação