Publicidade:

Limpar a lareira: o passo-a-passo para uma higienização rápida

Limpar a lareira é uma tarefa essencial para garantir um equipamento funcional, com bom desempenho e capaz de combater os dias mais frios do inverno.

Limpar a lareira: o passo-a-passo para uma higienização rápida
Saiba quais os materiais e produtos adequados

Limpar a lareira é, talvez, mais importante do que possa imaginar. Sabia que deixar o seu equipamento sujo pode levar à formação de gases nocivos e odores desagradáveis que comprometem o funcionamento seguro da sua lareira e o escoamento de toda a fumaça?

Pois bem, os especialistas dizem que limpar a lareira e a chaminé deve ser uma tarefa levada a cabo duas vezes por ano – de preferência antes da época do frio e depois do fim dela. Isto, para além das limpezas rotineiras que devem ser feitas, após cada uso.

Quer tomar nota do passo-a-passo?

Limpar a lareira: comece a preparar os dias frios de inverno


limpar lareira

Passo-a-passo

  1. Deixe arrefecer a lareira e as cinzas;
  2. Comece por varrer ou aspirar toda a sujidade;
  3. Passe, entretanto, à limpeza da fornalha, do abafador e da parte baixa da chaminé;
  4. Retire a grade e o cano da lareira e use uma esponja de aço para remover toda a fuligem e sujidade. Para facilitar a tarefa, pode usar um material de limpeza específico para lareiras;
  5. Trate, também, de limpar os acessórios da lareira;
  6. Ainda com a esponja de aço, remova bem a sujidade encrostada que se acumula no abafador e na parte de baixo da chaminé. Torne a varrer ou a aspirar a fornalha;
  7. Também nestas zonas da lareira há vários solventes de limpeza que pode utilizar. Para limpar a fornalha, por exemplo, existe uma grande variedade de substâncias, como bicarbonato de sódio, vinagre, fosfato trissódico ou cloro com água morna. Neste caso, deve usar uma escova com cerdas duras para esfregar, depois de ter deixado o produto atuar entre 15 a 30 minutos;
  8. Quando a lareira estiver limpa, enxagúe-a com água morna, deixando arejar e secar naturalmente. Feche o abafador e as janelas da lareira e já está!

Limpeza de lareira em alvenaria

  • Comece por se certificar de que não existem brasas escondidas entre as cinzas;
  • Use uma vassoura ou aspirador para retirar a sujidade;
  • Passe um pano húmido por todo o conjunto;
  • Agora, com uma esponja de aço seca, remova a fuligem presa ao abafador, fornalha, parte baixa da chaminé e restantes estruturas;
  • Siga o mesmo procedimento para limpar os acessórios da lareira. Volte a varrer ou a aspirar a sujidade que se libertou;
  • No caso das fornalhas em alvenaria, elas requerem uma limpeza mais profunda. Para tal, use produtos específicos como água morna com vinagre, bicarbonato de sódio, fosfato trissódico ou cloro;
  • Espalhe a solução pela área, deixe atuar entre 15 a 30 minutos e esfregue com um escova de cerdas duras. Enxagúe com água morna.

limpar a lareira

Limpeza de lareira a gás

  • Neste caso, desative a chama piloto e deixe o equipamento arrefecer;
  • Utilize uma escovinha para limpar o compartimento de controlo e o queimador e um pincel para as toras. De seguida, passe o aspirador;
  • Use agora um pano húmido, de forma a não provocar corrosões;
  • Passe a esponja de aço para retirar a fuligem já seca e agarrada. Faça o mesmo aos acessórios e finalize varrendo ou aspirando a restante sujidade;
  • As partes em vidro devem ser higienizadas recorrendo a um limpa-vidros. Já os pormenores em metal devem ser limpos apenas com um pano levemente húmido;
  • Verifique o estado da lareira, isto é, se tem alguma zona partida ou rachada e, em caso positivo, conserte o dano antes da próxima utilização.

Encontre ideias para decorar a lareira que não usa >>

Manutenção regular

  • Faça pequenas limpezas regulares que evitarão a acumulação de sujidade, melhorando o desempenho da lareira;
  • Procure sempre retirar as cinzas, assim que todas as brasas estejam apagadas;
  • Use uma pinça ou vassoura para retirar os restos de madeira;
  • Vá verificando se o sistema de exaustão e as válvulas estão a funcionar corretamente;
  • No caso das lareiras a gás, supervisione os bicos de queima das chamas, conferindo se elas estão entupidas ou a vazar;
  • Já no caso das lareiras elétricas, elas não precisam de ser limpas, mas devem ter o sistema elétrico a funcionar adequadamente.

Realmente, limpar a lareira é uma tarefa indispensável e ao alcance de todos, já que não exige muitos materiais e produtos específicos. Além disso, se sentir necessidade, pode contratar os serviços de um especialista, pelo menos uma vez por ano, para fazer uma limpeza e manutenção mais a fundo do seu equipamento.

Agora que o tempo frio se aproxima a passos largos, não espere pelos dias gélidos para limpar a lareira e verificar se tudo está pronto a funcionar. Comece já a tratar da higienização do equipamento e a conferir se a sua lareira está apta a dar-lhe dias bem quentes e aconchegantes junto dela, enquanto chove e faz frio lá fora.

Veja também:

Teresa Campos Teresa Campos

Licenciada em História da Arte e Mestre em História da Arte Portuguesa, vê na escrita um meio de fazer uma das coisas que mais gosta: comunicar!

Limpeza e Arrumação