Publicidade:

Os 15 melhores carros citadinos

Os melhores carros citadinos estão nesta lista. Quinze modelos, que representam os automóveis mais relevantes do segmento A, em Portugal.

Os 15 melhores carros citadinos
A oferta de automóveis para cidade é vasta

Os automóveis citadinos são as opções ideias para deslocações nas grandes cidades, para quem pretende uma segunda viatura ou mesmo para condutores menos experientes. Se procura um modelo económico, moderno e que satisfaça as exigências na selva urbana, chegou ao local certo. Consulte a nossa lista com os melhores carros citadinos do momento.

Os 15 melhores carros citadinos


1. Citroen C1

Um dos modelos com provas dadas em meio urbano, o Citroen C1 mostrou o seu valor desde a primeira geração. A segunda e atual geração deu um salto qualitativo significativo, com materiais de melhor qualidade comparativamente ao período em que o C1 foi lançado, em 2005. O aproveitamento de espaço é uma ciência no neste pequeno citadino, a bagageira oferece 196 litros de capacidade e a agilidade em cidade continua a fazer parte das características deste modelo. Isto deve-se ao despachado motor 1.0, com 68 e 72 cavalos de potência, cuja tecnologia garante boas prestações e baixos consumos. O Citroen C1 está disponível a partir de 9.197€. Ver carro >>

 

2. Fiat 500

Um bestseller desde o lançamento, o Fiat 500 continua a fazer rodar cabeças à sua passagem, apesar dos anos no ativo. Ligado ao mundo da moda, design e paixão automóvel (áreas tão conhecidas e vividas pelos italianos), o Fiat 500 cativa pelo design, quer por fora, quer no habitáculo. As diversas opções de personalização de equipamento e cores atraem os clientes mais jovens, o ambiente a bordo continua moderno e irreverente e pode chegar a um nível luxuoso, dependendo das escolhas na lista de opcionais. Em condução de cidade, o Fiat 500 está como peixe na água e faz deslocações ágeis, poupadas e confortáveis. Disponível desde 15.410€, o 500 oferece várias motorizações, que podem ir do excitante 0.9 TwinAir – de dois cilindros apenas – ao também económico 1.3 Multijet. E para ficar ainda mais exclusivo e aproveitar a vida e o sol, conta com uma versão “quase cabrio”: 500C. Ver carro >>

 

3. Ford Ka+

Bem mais sóbrio que a proposta anterior deste enunciado dos 15 melhores carros citadinos, o Ford Ka veio cortar radicalmente com a primeira geração, passando de automóvel estilisticamente arrojado a uma proposta mais conservadora. Simplicidade não significa simplista e o Ka+ apresenta tudo o que é indispensável à vida citadina, inclusive sistemas de informação e entretenimento, com o Sync 3 a ligar-se aos Apple Car Play e Android Auto e a permitir comandos por voz, facilitando a vida ao condutor. Tecnologia “sem chave”, ar condicionado automático e até bancos aquecidos são possibilidades no citadino da Ford. E se pretende comprar um Ka+ para recém-encartados e manter algum controlo quando eles saírem, a Ford tem o sistema MyKey, através do qual controla diversos parâmetros como, por exemplo, velocidade máxima e volume do sistema de som. Com dois níveis de potência (70 e 85 cavalos) para o 1.2Ti-VCT, e consumos de 5,1 l/100km, o preço do Ford Ka+ começa nos 10.885€. Ver carro >>

 

4. Hyundai i10

O Hyundai i10 é uma aplicação prática da fórmula “pequeno por fora, grande por dentro”. O citadino da marca coreana tem pouco mais de 3,60 metros e aproveita da melhor forma o espaço para quatro ocupantes. Os 252 litros da bagageira são suficientes para as compras mas podem aumentar para 1.046 litros com os bancos rebatidos. Para andar bem e gastar pouco, o i10 conta com motores de 998 cc e 1.2 l, com 66 cavalos no primeiro e 87 no segundo, e preços a partir de 12.117€. E se pondera a economia e baixas emissões dos carros a GPL, o citadino da Hyundai também disponibiliza essa opção. Ver carro >>

 

5. Kia Picanto

O Picanto, tal como o irmão de construção Hyundai i10, evoluiu nesta última geração para se tornar um caso sério de ágil locomoção em cidade. O Kia Picanto mexe-se energicamente com a ajuda dos motores de 1 l e 1,2 l, e anuncia consumos abaixo dos 5,0l/100 km. A personalização é outro ponto forte do pequeno Picanto, que oferece uma lista de opcionais que o podem deixar mais apelativo esteticamente, além de contar com a versão “radical” X-Line, de estilo crossover. O Kia Picanto pode oferecer alguns do modernos sistemas de segurança como a travagem automática de emergência, que nos deixam com mais paz de espírito no caos citadino. Ver carro >>

 

6. Mitsubishi Space Star

O Space Star deixou de ser o anterior modelo de características familiares e deu lugar a um citadino. O atual Mitsubishi Space Star é um modelo de pequenas dimensões, ágil na cidade e habitáculo sóbrio e com materiais e montagem sólidas, como se esperam de um carro japonês. O económico motor 1.2 Mivec tem 80 cavalos de potência, anuncia 4,3 l/100 km e pode ser acoplado, quer a uma transmissão manual, quer a uma automática para facilitar a condução no trânsito urbano. Os preços do Mitsubishi Space Star começam nos 14.650€ e oferece 5 anos de garantia ou 100.000 km. Nada mau para um citadino. Ver carro >>

 

7. Opel Adam

Um dos melhores carros citadinos, personalizáveis e com posição de condução muito bem conseguida para um carro deste segmento. O leque de acessórios e combinações de cores é um dos maiores em termos de escolha, quer para a carroçaria, quer no habitáculo onde até os painéis das portas podem ser trocados e o teto pode ser personalizado. O Adam oferece diversas versões além dos níveis de equipamento, incluindo o Adam Rocks estilo crossover ou o mais desportivo Adam S. Destacam-se as motorizações 1.0 Turbo, com 90 e 115 cavalos, e o 1.4 Turbo, a debitar 150 cavalos de potência. A diversidade de oferta em versões, personalização e motorizações fazem do Adam um dos melhores carros citadinos. Com preço anunciado a partir de 15.120€, o difícil é escolher. Ver carro >>

 

8. Peugeot 108

O 108 é um dos três bem-sucedidos modelos do trio franco-nipónico. O carro da Peugeot tem quatro níveis de equipamento e o motor de três cilindros de 998 cc é servido com dois níveis de potência, sendo a oferta mais elevada 82 cavalos. O consumo misto anunciado mal ultrapassa os 4 l/100 km. O Peugeot 108 é o que tem a imagem menos irreverente entre os modelos da parceria mas com uma frente com ar robusto e com as óticas a seguirem a imagem da família francesa. Claro que as opções Apple Car Play e Android Auto estão disponíveis, como na maioria dos modelos aqui presentes, e conta com ecrã tátil de sete polegadas, onde poderemos observar, por exemplo, a imagem da câmara de marcha atrás. O Peugeot 108 tem preço anunciado a partir de 9.970€ como entrada na gama. Ver carro >>

 

9. Renault Twingo

O primeiro Renault Twingo, lançado em 1993, foi um ícone na história automóvel e de um sucesso tremendo. Passados cerca de 25 anos, o Twingo encontra-se com a mesma vocação citadina, embora muito diferente do projeto original. O atual Twingo é, entre estes 15 melhores carros citadinos, um dos dois modelos de tração e motor atrás, ao estilo de um superdesportivo, mas está disponível por preços bem mais simpáticos, a partir de 9.240€. O citadino francês apresenta três níveis de equipamento e um evoluído motor a gasolina de 1,0 litro, com 70, 90 e 110 cavalos de potência, esta terceira opção disponível na versão mais desportiva GT. Ao Renault Twingo não faltam opções de personalização estética e de interior, que lhe conferem ainda mais carisma nas ruas da cidade. O Twingo integra o sistema multimédia R-Link, com sistema de navegação, conexão a smartphone e reconhecimento e ativação de funções por voz. Ver carro >>

 

10. Seat Mii

O Mii é o representante da Seat no que respeita a melhores carros citadinos e é produto da parceria entre marcas do Grupo Volkswagen, sinónimo de materiais de qualidade e cuidado na montagem. Outro dos exemplos de “pequeno por fora e grande por dentro” O Seat Mii consegue aproveitar ao milímetro o espaço no habitáculo. Esta otimização resulta da generosa distância entre eixos, que coloca as rodas nas extremidades dos 3,55 metros de comprimento do pequeno Seat. A bagageira tem 251 litros de capacidade e os níveis de equipamento são dois: Reference e Style, existindo ainda um Mii by Cosmopolitan. O acesso à gama situa-se nos 11.892€ do Reference. O Mii oferece um motor de três cilindros 1.0 MPi de 60 cavalos, com consumos médios anunciados de 4,4 l/100 km. Ver carro >>

 

11. Skoda Citigo

O preço de partida do Skoda Citigo é o mesmo que do Seat Mii: 11.892€ para a carroçaria de três portas. O Citigo é um dos três modelos da irmandade dos citadinos do Grupo Volkswagen e, talvez, o menos reconhecido. No entanto, as qualidades mantêm-se, com habitáculo espaçoso, materiais que prometem não desiludir com o passar do tempo e algumas opções para infoentretenimento. O motor de 1 litro oferece dois patamares de potência, 60 e 75 cavalos, consumos comedidos, e a variante mais potente pode ser equipada com caixa automática, ideal para quem faz da cidade o seu modo de vida. Ver carro >>

 

12. Smart Fortwo

Quando o assunto é melhores carros citadinos, o Smart não pode faltar à chamada. O novo Smart continua na família alemã mas agora com fortes ligações aos primos franceses Renault. Tal como o Twingo, oferece tração e motor atrás, com caixa manual de 5 velocidades ou de dupla embraiagem, esta com 6 relações. Os motores disponíveis são duas unidades de 3 cilindros, ambos a gasolina, com 71 e 90 cavalos de potência. Em apenas 2,69 metros de automóvel, o Smart fortwo oferece um mundo de opções de equipamento e personalização, passando, por exemplo, pelo jogo de cores possíveis na carroçaria. Claro está que, pelas suas dimensões, este é um dos melhores citadinos em Portugal, embora seja o único da lista com apenas dois lugares. O Smart está disponível a partir de 11.220€. Ver carro >>

 

13. Suzuki Celerio

O Suzuki Celerio é um dos melhores carros citadinos para utilizadores despreocupados. Com materiais sólidos e resistentes, dá-se bem com a azáfama da vida citadina, com um habitáculo que pode ser rápida e facilmente limpo após o miúdo deixar cair o pão que comia. Além da robustez, a imagem simples faz parte do citadino nipónico, bem como um habitáculo espaçoso. O motor disponível é um três cilindros, com 1 litro de capacidade e 68 cavalos de potência que permite consumos reduzidos e pode ser acoplado a uma caixa de velocidades manual ou uma manual automatizada AGS com utilização semelhante a uma caixa automática. O Suzuki Celerio está disponível a partir de 8.948€. Ver carro >>

 

14. Toyota Aygo

Com imagem jovem e estilo visualmente agressivo na secção dianteira, o Aygo apresenta cinco versões de equipamento com preços que iniciam nos 12.145€. O motor 1.0 VVT-i tem 69 cavalos de potência, suficientes para fazer do Aygo um citadino ágil e despachado e com consumos reduzidos. A personalização é outra das facetas do Aygo, do agrado dos condutores que gostam de se deslocar num automóvel a seu gosto pessoal. A carroçaria pode oferecer diversas combinações de cores, assim como o habitáculo que pode substituir alguns dos painéis interiores por outros de cor. Ver carro >> 

 

15. Volkswagen up

Carro citadino não significa ter um modelo enfadonho ou desinteressante, como se comprova pelas várias opções desta lista de carros vocacionados para a cidade. O Volkswagen up! conta com versão desportiva GTI, com o pequeno motor de três cilindros a receber sobrealimentação e a chegar aos 90 cavalos, suficientes para levarem o up! dos 0 aos 100 km/h em 9,9 segundos. O GTI é a versão que melhor permite retirar proveito do bom comportamento dinâmico que caracteriza o trio Citigo/Mii/up!, três modelos com dinâmica interessante e sem perder no conforto. O Volkswagen up! está disponível a partir de 12.132€. Ver carro >>

 

Veja também: