Publicidade:

Os 10 melhores Lancia de sempre

Itália deu ao mundo uma das melhores cozinhas do mundo, a capital da moda e fantásticos automóveis. Conheça os melhores Lancia de sempre.

Os 10 melhores Lancia de sempre
Os melhores modelos da marca italiana

A icónica marca italiana Lancia foi fundada em 1906. Com uma história de mais de 110 anos, a produção da Lancia infelizmente já não é o que era. Mas a história ficou escrita em modelos que marcaram para sempre a história do mundo das quatro rodas. Fique com os melhores Lancia de sempre.

Os 10 melhores Lancia de sempre

1. Lancia Delta Integrale

O incrivelmente bem sucedido Delta Integrale tem de ser o número um da lista dos melhores Lancia de sempre. Porquê? Porque é um marco das corridas de rally. O Delta Integrale dominou com mais de 40 vitórias no Campeonato Mundial, dominando por completo a década de 80, até inícios dos anos 90. É hoje um clássico com grande prestígio e um de muitos modelos Delta.

 

2. Lancia Aurelia

O Aurelia destaca-se sobretudo pelo seu design, que atraiu muitos compradores durante a década de 50, que procuravam o glamour e estatuto que o carro oferecia. Foi um dos primeiros carros a incorporar os recém-construídos motores V6. O orgulho nacional italiano está marcado no nome Aurelia, assim chamado pela Via Aurelo, a estrada que liga as cidades de Roma e Pisa.

 

3. Lancia Stratos

Outro bem-sucedido Lancia no mundo dos rallys de alta competição, mas que também teve bastante sucesso na estrada. Produzido entre 1973 e 1978, foi um carro capaz de ir dos 0 aos 100 km/h em 7 segundos.

 

4. Lancia Fulvia

Começado a produzir em 1963 e até 1976, o Fulvia também recebeu o nome de uma estrada italiana: a Via Fulvia. Conhecido por ter deixado o então espetacular Porsche 911 “a tremer”, o modelo Fulvia também marcou posição no mundo da competição profissional de automóveis.

 

5. Lancia Ypsilon

Ainda deve encontrar alguns Ypsilon em stands e na estrada. O modelo, exclusivamente comercial, foi lançado em 1995. Também existe como um Chrysler, que entretanto o grupo Fiat (que detém a Lancia), descontinuou. Um automóvel pretendido nas suas três gerações por quem privilegia o design.

 

6. Lancia 037

Em 1982, este modelo foi criado exclusivamente com o propósito de competir, substituindo o Fiat 131 Abarth (do mesmo grupo) que havia sido campeão em 1980. O projeto do 037 resultou da parceria entre a Lancia, a Abarth e a Pininfarina e foi o último automóvel a vencer no Campeonato Mundial de Rallys tração a duas rodas (neste caso, as traseiras).

 

7. Lancia Delta

O Delta Integrale, já incluído nesta lista dos melhores Lncia de sempre, faz parte de uma gama vasta. O simplesmente denominado Delta foi votado carro do ano na Europa em 1980. Foi este modelo que antecedeu o Delta Integrale e que tinha qualidades muitos interessantes.

 

8. Lancia Beta

Um modelo já considerado de luxo e produzido entre 1972 e 1984 foi o Lancia Beta. Foi o primeiro modelo apresentado depois da compra da Lancia pelo grupo Fiat. Teve alguns “corpos” diferentes, desde o coupé ao desportivo. O nome foi inspirado no alfabeto grego.

 

9. Lancia Flaminia

Luxuoso e icónico, assim se caracteriza o Flaminia, que veio substituir o Aurelia, em 1957. Esteve disponível em saloon, caoupé e cabriolet e chegaram a produzir-se quatro limusines Flaminia. Um verdadeiro objeto de desejo.

 

10. Lancia Thema 8.32

O carro da Lancia com motor de Ferrari. O objeto de desejo dos anos 80 usava um motor V8 e era basicamente chamado de Ferrari de quatro portas. Um carro que por fora não aparenta a potência que tem e que deve o nome precisamente ao motor: V8 e 32 válvulas.

 

Veja também:

Júlia Rocha Júlia Rocha

Licenciada em Ciências da Comunicação pela Universidade do Porto, sempre se deu bem com os livros, teclados de computador e canetas. A importância da palavra escrita num mundo tecnológico, aliada à história, ao cinema, literatura e televisão, são os seus maiores campos de interesse.

Também lhe pode interessar: