Publicidade:

Como memorizar e aprender mais rápido

Precisa de memorizar e aprender mais rápido algumas coisas importantes para o seu dia a dia? Temos dicas que o vão ajudar e facilitar esse processo.

Como memorizar e aprender mais rápido
Questione-se, resuma e por fim compartilhe!

Tem de estudar para aquela disciplina do curso que está atualmente a frequentar, e tem dificuldades em reter as informações mais importantes? Acha que o seu cérebro já não é o que era? Temos algumas dicas que o vão ajudar a memorizar e aprender mais rápido.

A capacidade que cada um tem em memorizar aquilo que estudamos, é diferente de pessoa para pessoa. Ou seja, ler alguns textos e, de seguida, conseguir lembrar-se de quase todos os pormenores, pode ser, para muitos, uma tarefa difícil.

Se normalmente tem dificuldades em reter a informação, deve saber que ensinar alguém ou simplesmente esclarecer algumas dúvidas, pode ajudá-lo a memorizar e aprender mais rápido.

O simples facto de se questionar, resumir algumas informações e, em seguida, compartilhar os seus conhecimentos, pode mesmo ser a chave para o sucesso de uma memória fresca e bastante trabalhada.

Fique connosco e conheça as dicas que temos para que consiga memorizar os aspetos mais importantes, sem que tenha de ficar preocupado.

4 dicas que o vão ajudar a memorizar e aprender mais rápido


memorizar e aprender mais rápido

1. Questione-se

Muito provavelmente continua a utilizar algumas das técnicas às quais recorria durante os tempos da faculdade e da escola para conseguir memorizar e aprender mais rápido, principalmente se usava técnicas como reler as coisas vezes sem conta ou até mesmo destacá-las.

O que deve começar a fazer para que não tenha qualquer tipo de problema em memorizar as informações é questionar-se. Pense connosco: quando se questiona e responde de uma forma incorreta, vai lembrar-se, quase de uma maneira imediata, da reposta certa que deveria ter dado.

O que acontece quando se questiona, é o facto de a sua mente se lembrar naturalmente da resposta certa que deve dar à questão. Como pode ver, não basta reler ou ensaiar vezes sem conta a informação que pretende memorizar. É preciso que se questione! Por exemplo, se vai ter algum tipo de apresentação e está com dificuldades em memorizar alguns aspetos importantes, opte por se questionar sobre o que vem logo depois da introdução. Pode também questionar-se sobre aspetos específicos do trabalho em questão, para que nada corra mal.

Desta forma irá sentir-se muito mais confiante e seguro. Todo o processo que fez para memorizar obriga-o a praticar a recuperação da informação que, agora, se tornou mais fácil de encontrar.

2. Resuma a informação e partilhe com outra pessoa

Nem todas as pessoas têm um jeito inato para ensinar. No entanto, a verdade é que resumir a informação que pretende reter no seu cérebro e em seguida compartilhá-la com outra pessoa, é talvez uma das melhores formas para memorizar e aprender mais rápido.

Isto acontece porque quando tentamos explicar a outra pessoa aquilo que estudamos, estamos a criar uma memória, que irá ser recordada no momento em que realmente precisar de se lembrar da informação.

Se não quiser, por algum motivo, compartilhar com outra pessoa aquilo que sabe ou não, pode sempre optar por fingir que está a ensinar alguém. Esta é uma técnica que também resulta muito bem, e que faz com que consiga efetivamente aprender.

Não tenha vergonha e pergunte aos seus colegas se já experimentaram esta técnica (quase de certeza que eles fizeram e beneficiaram dela).

3. Relacione a informação nova com uma experiência sua

Se o seu objetivo é memorizar e aprender mais rápido, então deve experimentar esta dica: relacione aquilo que acabou de aprender com alguma experiência que teve no passado.

É verdade, esta técnica de memorização ajuda-o a fazer uma aprendizagem associativa. Por outras palavras, a aprendizagem associativa é o processo de relacionar algo novo que aprendeu recentemente com alguma coisa que já conhece.

Portanto, se precisa urgentemente de memorizar alguma informação nova, tente associá-la em parte com alguma coisa por que já passou ou viveu. Vai ver que todo o processo de memorização se tornará muito mais simplificado e fácil.

4. Faça alguns intervalos

Tentar memorizar e aprender mais rápido o que quer que seja sem fazer qualquer tipo de intervalo não vai dar bons resultados. Se o seu objetivo é realmente memorizar e claro, aprender rapidamente, deve fazer alguns intervalos de forma a que consiga descansar a sua cabeça.

Por exemplo, se está a compartilhar o seu conhecimento com alguém, faça uma pausa de 1 em 1 hora para que nem um nem outro se cansem e consigam manter-se com a mente fresca. Não se esqueça que o seu cérebro precisa de estar fresco para conseguir assimilar toda a informação com clareza. Estabeleça curtos períodos para fazer pausas e siga-os à risca.

Acima de tudo, tente compreender o que está a aprender de novo. Se utilizar estas estratégias e tentar, ao mesmo tempo, entender a informação nova, então será mais fácil memorizar e aprender mais rápido.

Veja também:

Catarina Milheiro Catarina Milheiro

Finalista da licenciatura em Gestão de Marketing, entende a partilha de informação através da escrita, como uma forma nobre da comunicação.

Saiba tudo sobre emprego