Publicidade:

10 mitos sobre carros que devem ficar esclarecidos

Nem tudo o que sabe sobre automóveis está certo. Quais são os mitos sobre carros verdadeiros, e quais são os falsos? Descubra neste artigo.

 
10 mitos sobre carros que devem ficar esclarecidos
Descubra o que é verdadeiro e o que é falso

A história automóvel é longa, e como tal, são diversos os mitos sobre carros que foram surgindo ao longo do tempo.

Estes mitos influenciam a forma como conduzimos, realizamos a manutenção dos nossos carros e efetuamos algumas escolhas.

Com a evolução dos carros, e com o crescimento exponencial da tecnologia associada aos mesmos, a lista de mitos tornou-se enorme. Porém, escolhemos 10 que consideramos importantes. Conheça-os e saiba o que fazer.

10 mitos sobre carros: verdadeiro ou falso?


vidros escurecidos

1. Vidros escurecidos ajudam a reduzir o calor

Veredicto: Verdadeiro

Os vidros escurecidos reduzem o impacto da luz, como também diminuem a radiação solar e a temperatura interna do painel em 20%.

Há mais vantagens associadas aos vidros escurecidos, tais como: maior privacidade, conservação do interior do carro, uma vez que o impacto do sol não é tão elevado, e ainda questões estéticas.

Por estas razões, o número de carros com vidros escurecidos aumenta de dia para dia. Ainda assim, há quem pense que estes são ilegais. Porém, os vidros escurecidos são legais, desde que cumpram certos requisitos.

2. A tecnologia elimina a má condução

Veredicto: Falso

Em primeiro lugar devemos explicar o que queremos dizer com má condução. Não nos referimos a deixar o carro ir a baixo ou falhar um ponto de embraiagem, porque na verdade a caixa automática evita isso.

Má condução, para nós, é conduzir em circunstâncias que comprometem os nossos reflexos (ex: sob efeito de álcool ou outro tipo de drogas, cansaço ou falta de sono..). É também, uma condução agressiva com excessos de velocidade, reduzidos espaços de segurança, entre outros comportamentos menos aconselháveis.

Atualmente, sabemos que os carros podem ser equipados com diversas tecnologias que facilitam a condução, e a tornam mais segura, mesmo nos aspetos referidos anteriormente. No entanto, a tecnologia não está presente em todos os carros, ela pode ser ativada ou desativada pelo condutor e, o mais importante, a tecnologia é falível.

3. Todos os SUV são bons fora da estrada

Veredicto: Falso

Na generalidade, os SUV são uma tendência em crescente porque são carros versáteis e confortáveis, dentro e fora da estrada. No entanto, isto não se aplica a todos os modelos.

Para se aventurar fora da estrada em terreno mais “acidentados”, e para garantir momentos de diversão e qualidade, o SUV deve possuir certas características, tais como: tração integral (4X4), suspensões de qualidade, motores potentes, entre outras.

Como pode ver, nem todos os carros cumprem estes requisitos. Por isso, se procura um carro para aventuras off-road, escolha um SUV criteriosamente.

4. A caixa automática é mais eficiente do que a manual

Veredicto: Verdadeiro

Mesmo com o passar do tempo, este é um dos maiores mitos sobre carros que convém ficar esclarecido.

É verdade que no passado a caixa manual era mais eficiente do que a automática. Porém, com o passar dos anos a tecnologia das caixas automáticas desenvolveu-se e, como tal, a sua qualidade e eficiência também.

Resumindo, atualmente, a caixa automática consegue ser mais eficiente do que a caixa manual, uma vez que o motor funciona a rotações menores.

5. Devo deixar o meu carro aquecer antes de o conduzir nos dias de frio

Veredicto: Falso

Não, a menos que o motor do seu carro funcione através de um carburador, ao invés da injeção eletrónica.

Esta é uma prática comum nos carros de motor de carburador. Uma vez que eles recorrem a uma mistura menos controlada entre gasolina e ar para providenciar a combustão.

Porém, nos veículos modernos, com sistema de injeção eletrónica, os cilindros e os pistões acabam por ser prejudicados pelo aquecimento antes de se começar a andar. Isto, porque a mistura de ar e combustível que é realizada automaticamente tendo em conta a temperatura ambiente, graças aos sensores instalados na injeção, torna-se desequilibrada.

6. Um tiro no depósito provoca uma enorme explosão

Veredicto: Falso

Este é um dos mitos sobre carros mais conhecidos e antigos da história automóvel. Provavelmente, devido às enormes produções cinematográficas.

Praticamente, em qualquer filme de ação assistimos a uma explosão. Geralmente, de carros ou motos, em que um tiro no depósito gera uma explosão e uma enorme bola de fogo.

Devido à dimensão deste mito, o programa “Caçadores de Mitos” do canal de televisão Discovery Channel realizou o teste. A conclusão? Por norma, a bala perfura o depósito sem provocar qualquer faísca, derramando-se apenas combustível, sem qualquer explosão.

7. A porta do carro protege de uma bala

portas de carros

Veredicto: Falso
Já que estamos a falar de mitos sobre carros no cinema, inevitavelmente, temos de mencionar a proteção das portas contra tiros.

Em quantos filmes viu um polícia a esconder-se atrás da porta do carro para se proteger dos tiros?

Tal como anteriormente, a equipa dos “Caçadores de Mitos” juntou-se para testar este mito. A conclusão é a mesma, é mentira. A porta não é capaz de deter uma bala, ou seja, se estiver numa situação destas, não confie na porta do carro.

8. Combustíveis de marca branca diminuem a performance e danificam o motor

Veredicto: Duplamente falso

Para além do preço, os aditivos adicionados à composição dos combustíveis são a diferença entre os combustíveis de marca branca e premium.

No entanto, a DECO desenvolveu estudos em relação às diferenças e qualidade destes combustíveis, e concluiu que não existem factos que comprovem que os combustíveis de marca branca tenham um impacto negativo no motor e na sua performance.

Segundo a análise, os combustíveis low cost cumprem as normas de qualidade e as necessidades dos consumidores, e dos seus automóveis.

Da próxima vez que abastecer o seu automóvel vai recorrer a uma marca premium?

9. A autonomia dos carros elétricos é pequena

Veredicto: Falso

Este é um mito que depende das necessidades de cada condutor.

Inicialmente, a oferta e autonomia dos carros elétricos era bastante inferior ao que dispomos na atualidade. Agora, encontram-se automóveis das diferentes marcas, com autonomias que variam dos 300 aos 600km.

Esta autonomia serve para grande parte dos condutores que circulam diariamente em Portugal. Por esta razão, consideramos falso.

10. Os carros antigos são melhores do que os novos

Veredicto: Falso

Quantas vezes já ouviu o seu amigo ou o mecânico a dizer “Os carros antigos são melhor do que os novos! Não se acendiam tantas luzes, como a luz do motor, e não tinham tantos problemas.”

De facto, as luzes do painel de instrumentos não se acendiam e os erros eram menores. Porém, isso não significa que os carros antigos sejam melhores do que os novos.

Os carros novos são mais eficientes, e avançados em todos os aspetos. Desde o sistema de injeção eletrónica às luzes que iluminam a estrada. É possível detetar a origem de um problema no carro, ligando-o simplesmente a uma mecânica.

Naturalmente, o carro terá de acender luzes e gerar avisos quando houver problemas. Mas, isto é benéfico para a segurança dos que vão dentro do carro, bem como na estrada, sejam eles outros condutores ou peões.

Veja também: