Publicidade:

Mudar de carreira aos 40 anos não é impossível

Mudar de carreira aos 40 anos não é tão difícil como parece. Há várias histórias de sucesso e a sua pode ser uma delas. Saiba como o pode fazer.

Mudar de carreira aos 40 anos não é impossível
Conheça as nossas dicas

É natural que receie mudar de carreira aos 40 anos, até porque, independentemente da idade, qualquer mudança no percurso profissional exige sempre alguma cautela, muita reflexão e moderação.

Ninguém muda de emprego sem ter boas razões para o fazer, no entanto é um bocadinho diferente fazer esta uma mudança de carreira aos 40 anos. Nesta idade tem-se quase duas décadas de percurso profissional e se trabalhou sempre na mesma área, a sua experiência profissional será muita.

Duas das principais razões para mudar o rumo profissional são uma carreira estagnada e não gostar do que se faz. Pode estar preocupado por considerar ser tarde demais para o fazer, mas, apesar de parecer um cliché, nunca é tarde demais! Isso não significa que seja uma transição simples ou que seja possível de fazer sem qualquer esforço. A mudança é difícil, mas é possível preparar-se para a fazer.

Mudar de carreira aos 40 anos: vantagens e dificuldades


Vantagens

1. Muitas pessoas falam num aumento de confiança quando completam 40 anos. Há melhor momento para fazer uma mudança profissional do que quando sente que pode assumir o que quer que lhe surja pelo caminho? Não nos parece;

2. Se a sua reforma for aos 65 anos, ainda tem 25 anos de trabalho futuro. Mesmo que leve alguns anos a preparar-se para uma profissão diferente, terá mais de duas décadas para ter uma carreira satisfatória, a fazer o que gosta de fazer, se tudo correr como planeado;

3. Uma mudança de carreira afetará a sua vida, saúde e relacionamentos. Depois de descobrir o que quer fazer, será um grande alívio pois não estará stressado por estar na carreira errada ou pela indecisão de assumir uma mudança.

Dificuldades

1. As pessoas com 40 anos têm muitas responsabilidades que dificultam mais esta transição do que mudar de carreira aos 30 anos. Aos 40 anos é maior a probabilidade de ter filhos, pelos quais é financeiramente responsável, e estar também a pagar uma casa;

2. As despesas são maiores, o que pode complicar, caso seja uma mudança drástica de profissão, pagar cursos e formações. O tempo disponível para frequentar cursos ou para estudar também poderá ser escasso.

7 formas de se preparar para mudar de carreira aos 40 anos


Mudar de carreira aos 40 anos

Não se sinta desencorajado pelas dificuldades. Se decidir mudar, tente encontrar uma maneira de encaixar isso na sua situação de vida atual. Pode demorar mais tempo, mas se o fizer corretamente, valerá a pena.

1. Faça uma autoavaliação

A autoavaliação é o primeiro passo no processo de planeamento de carreira, permitirá que aprenda sobre os seus interesses, tipo de personalidade, capacidades e competências relacionados com o trabalho.

O que descobriu aos 40 anos pode ser muito diferente daquilo que teria descoberto se tivesse feito esta avaliação numa idade mais jovem.

A autoavaliação pode indicar a carreira ideal para si, mas aos 40 anos há outras coisas a considerar. Por exemplo, as responsabilidades financeiras podem não permitir que gaste muito dinheiro em formação e educação. Com uma família a cargo, gastar muito tempo a estudar pode não ser viável.

2. Aproveite conhecimentos anteriores

Se está a pensar em fazer uma transição rápida, procure uma ocupação que não necessite de muita preparação ou formação adicional.

A melhor coisa sobre todos os anos de trabalho anteriores é poder aproveitar as competências que adquiriu no seu emprego anterior. Há competências comuns a várias profissões e ao escolher uma que se enquadre, fará mais rapidamente a mudança que tanto deseja.

3. Pesquise sobre a nova área

Além de obter informações sobre a formação académica e outros requisitos, saiba também quais serão as obrigações profissionais, as perspetivas económicas da posição escolhida e os ganhos médios.

Depois de reunir todos os dados, avalie-os para decidir quais as profissões são mais adequadas à sua situação. Compare as funções para decidir quais gosta e quais não gosta tanto. Se há alguma tarefa que não se imagina a executar, lembre-se de que não precisa de gostar de tudo, mas deve estar disposto a fazê-lo ou, se não está, remova essa possibilidade da lista.

4. Valorize o seu tempo em relação ao dinheiro

Não há nada mais valioso do que o seu tempo. Pode sempre ganhar mais dinheiro, mas o tempo, uma vez perdido, perde-se para sempre. Por isso, esperar pela situação perfeita para fazer uma mudança de carreira é um pensamento errado. Na realidade, nunca vai encontrar a situação perfeita. Vai haver sempre aspetos que poderiam ser melhores nos futuros empregos e projetos que gostaria de terminar antes de deixar o emprego atual.

5. Construa uma rede de networking

Mudar de carreira aos 40 anos não será fácil, mas isso não significa que seja impossível. São as pessoas que trabalham no meio que melhor o podem aconselhar e até mesmo ajudar a encontrar emprego.

Não se esqueça de tirar partido da sua rede de contactos, mas também da rede social Linkedin para mudar de área de trabalho. É também importante que as pessoas saibam que está a considerar uma mudança de carreira logo no início do processo, assim, se surgir uma oportunidade, vão lembrar-se de si.

6. Acredite que é possível

É importante que fale com os seus amigos e outras pessoas sobre o seu desejo de mudar de rumo profissionalmente.

Falar com alguém que o tenha feito nesta idade e que tenha sido bem sucedida, é uma forma de superar os seus medos e inseguranças associados a mudar de carreira aos 40 anos. Vai conseguir uma perspetiva realista sobre as dificuldades, mas também vai ajudá-lo a acreditar que é possível.

7. Saia da sua zona de conforto

Para fazer esta mudança, vai ter de sair da zona de conforto que é construída sobre as experiências que viveu até agora. Mesmo que se sinta estagnado e pouco produtivo na sua atual carreira, esta é ainda a sua zona de conforto e é por esta razão que muitas pessoas ficam renitentes em mudar.

Uma forma de melhorar as suas perspetivas em relação a uma nova carreira é participar em eventos do setor para o qual quer mudar. Muitos destes eventos têm uma componente de desenvolvimento profissional onde poderá ver quais as competências e formações são procuradas na área.

Veja também:

Inês Silva Inês Silva

Licenciada em Ciências da Comunicação pela Universidade da Beira Interior e com uma pós-graduação em Assessoria de Comunicação pela Escola Superior de Jornalismo do Porto, o seu percurso profissional foi sempre na área da comunicação com a criação dos mais diversos tipos de conteúdos.