Publicidade:

O que colocar no Linkedin quando se está à procura de emprego?

À procura de emprego? Saiba o que colocar no Linkedin para atrair potenciais empregadores e conheça as expressões que jamais devem figurar no seu perfil.

O que colocar no Linkedin quando se está à procura de emprego?
Em busca de novas oportunidades profissionais?

Independentemente da situação profissional, é sempre boa ideia investir num perfil de LinkedIn atrativo e que transmita uma boa imagem de si, projetando as suas melhores qualidades para o mercado de trabalho. Aceite as nossas dicas para saber o que colocar no Linkedin quando está em situação de procura de emprego.

Em busca de novas oportunidades profissionais: o que colocar no Linkedin?


Saber o que colocar no LinkedIn poderá ser determinante para alcançar os seus objetivos, para que, no mínimo, o seu perfil venha a despoletar interesse por parte de outros utilizadores – sejam empregadores, colegas, futuros parceiros ou clientes.

Quando estamos em situação de desemprego e vemos no LinkedIn uma boa ferramenta para atrair oportunidades de trabalho, poderá existir uma tendência para nos precipitarmos e querermos colocar informação sem pensar numa estratégia com pés e cabeça. Se escolhermos o conteúdo errado, ao invés de atrairmos empregadores, poderemos estar a afugentá-los.

Descubra o que colocar no LinkedIn o que não deve.

o que colocar no linkedin

O status

Começando pelo seus “status”: não é de todo necessário que anuncie que está desempregado. Existem várias formas de contornar a situação, deixando claro que se está a procurar trabalho, sem se tornar demasiado óbvio que está sem trabalho.

O que colocar no linkedin quando se está desempregado?

Em primeiro lugar, a regra de ouro é ser transparente e honesto. Qualquer incongruência funcionará como indicador de que na vida profissional age da mesma maneira. Faça o que fizer, coloque o que colocar no seu perfil, a mentira não pode de todo fazer parte desse processo.

Uma boa forma de dar a entender que está sem trabalho é jogar com as datas. Uma forma simples de o fazer é colocar uma data final no seu último emprego e não adicionar uma nova. Assim, o seu perfil continua tecnicamente correto e não está a destacar o seu status de desempregado.

Outra forma de o fazer é escrever algo como “aberto a novos desafios/oportunidades” no campo da posição atual ou mesmo num setor de atividade diferente.

Os posts

Escreva um “post” a perguntar aos contactos da sua rede por oportunidades. Exemplo: “alguém conhece quem precise ou está a precisar de um designer de mobiliário?”. Esta é uma maneira rápida e fácil de deixar os seus contactos saberem que está disponível.

Listagem de competências

Uma forma de mencionar que está disponível para trabalho sem entrar em detalhes, é escrever a lista das suas competências no campo “professional headline”. Desta forma, indireta, poderá atrair alguns empregadores.

O que não colocar

Não escreva em letras maiúsculas. Isso será interpretado como “um berro” no contexto da internet. Ninguém gosta de presenciar uma atitude agressiva. E, claro: não escreva a palavra “urgente” em lado nenhum, jamais.

Veja também: